Câmara de Lisboa pondera processar o Estado

Miguel A. Lopes / Lusa

Fernando Medina, presidente da Câmara de Lisboa.

O presidente da Câmara de Lisboa diz que a autarquia está a analisar a possibilidade de vir a processar o Estado por “quebra da confiança”, no âmbito da declaração de inconstitucionalidade da Taxa Municipal de Protecção Civil.

Em declarações à TVI24, Fernando Medina admitiu este cenário, frisando que a autarquia está a ponderar avançar com um processo judicial.

“Estamos a estudar com toda a atenção e determinação a colocação de uma acção judicial em relação a esta quebra de confiança do Estado“, referiu o presidente da Câmara de Lisboa, citado pela Renascença.

“O Estado atribuiu competências às autarquias, em 2006, o Estado legislador diz como se financiam, criem-se as taxas e, depois, anos mais tarde, sem os municípios terem qualquer capacidade de avaliar a constitucionalidade, veem-se com decisões que dizem: este caminho não pode ser seguido”, lamentou.

A devolução da Taxa de Protecção Civil que foi cobrada pela autarquia entre 2015 e 2017 representa um valor global de 58,6 milhões de euros, envolvendo cerca de 205 mil contribuintes.

Os vereadores da oposição na Câmara de Lisboa exigem a Medina que a devolução seja feita com juros. Mas o autarca já disse que “a Câmara não pode proceder a esse pagamento porque não tem base legal” para esse efeito.

Numa nota enviada à agência Lusa, o vereador João Pedro Costa, do PSD, acusou o autarca de parecer, “por vezes, estar contra os lisboetas”, sublinhando que “é teimoso” por não devolver a taxa com juros “justificando-se com acórdãos do Tribunal Constitucional para situações similares”.

Se um cidadão se atrasa um dia no pagamento ao Estado incorre em juros, mas se for lesado pela Câmara Municipal de Lisboa por dois anos não?”, questionou ainda.

O PSD vai, assim, apresentar, “em próxima reunião, a proposta de devolução imediata dos juros dos montantes indevidamente cobrados pela Câmara Municipal de Lisboa”.

Também a vereadora Assunção Cristas, do CDS-PP, salientou que “a Câmara anda mal se não fizer o pagamento com juros incluídos”. “Espero que o presidente da Câmara ainda reconsidere”, salientou também em declarações à Lusa.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Bem vindo a este mundo. O que hoje é verdade amanhã é mentira não é este o lema dos politicos? E tu quem és senão um politico. Deixa-te de M—– , estes gajos metem NOJO…

Infarmed ordena retirada do mercado de creme para mamilos

O Infarmed ordenou esta segunda-feira a retirada do mercado do produto cosmético "D'Aveia Regenerador de Mamilos", por ter um conservante proibido desde 2015 para este tipo de produtos, que pode colocar em risco a saúde. A …

Portugal é o segundo país da Europa onde mais se anda de carro

Portugal foi o segundo país da União Europeia onde mais se circulou de carro, em 2017, revela o Eurostat. Apenas a Lituânia ficou à frente. Deixar o carro na garagem e usar meios de transporte alternativos …

Empresas ficam sujeitas à arbitragem em litígios de consumo até cinco mil euros

Todas as empresas estão, a partir desta segunda-feira, obrigadas a sujeitar-se à arbitragem ou à mediação nos conflitos de consumo até cinco mil euros. A lei 63/2019, publicada a de 16 de agosto, alterou a Lei …

Farmacêutica Purdue Pharma vai declarar falência

A gigante farmacêutica Purdue Pharma pediu proteção contra credores, sucumbido à pressão dos mais de 2600 processos judiciais de que é alvo, na sequência da crise dos opióides, nos Estados Unidos. A farmacêutica com sede em …

Aliança convida partidos “sem cartão dourado” para 36 debates no Youtube

No dia em que os três canais generalistas irão passar em direto o debate entre Rui Rio e António Costa, o partido de Pedro Santana Lopes lançou um convite a todos os partidos sem …

Metro do Porto e Carris reforçam fiscalização

Com a entrada em vigor dos novos passes, Metro do Porto e Carris estão a reforçar a fiscalização para tentarem baixar os números de fraude e garantir que têm o devido retorno financeiro por aderirem …

Bloco de Esquerda quer aumento gradual das pensões mínimas até ao salário mínimo

A líder do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, propôs esta segunda-feira o aumento das pensões mais baixas até ao valor do salário mínimo e defendeu que o rendimento dos filhos não deve contar na atribuição …

Associação Berardo vai contestar arresto de obras de arte

A Associação Coleção Berardo (ACB), proprietária das obras de arte do empresário José Berardo, vai contestar de esta segunda-feira a uma semana o arresto de cerca de 2.200 peças, disse à agência Lusa fonte próxima …

Netanyahu quer anexar "todos os colonatos" na Cisjordânia ocupada

Benjamin Netanyahu afirma que quer "estender a soberania a todos os colonatos", incluindo alguns que sejam importantes para a herança de Israel. Eleições são esta terça-feira. O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, prometeu esta segunda-feira anexar “todos …

Trump rejeita nova acusação de abuso sexual contra Brett Kavanaugh

O Presidente norte-americano considera que a nova acusação de abuso sexual contra o juiz do Supremo Tribunal dos Estados Unidos é "mentira". Os democratas, por sua vez, pedem que Brett Kavanaugh seja destituído do cargo. De acordo …