Brexit. Receio do fecho das fronteiras leva migrantes a viagens perigosas para a Grã-Bretanha

Os contrabandistas estão a explorar os receios quanto ao ‘Brexit’ por parte dos migrantes e requerentes de asilo, pressionando-os a pagar milhares de dólares para chegar à Grã-Bretanha antes de a fronteira “fechar”, alertou o sindicato que representa os oficiais da Força de Fronteira.

Em entrevista à Newsweek, Lucy Moreton, porta-voz e ex-secretária geral do Sindicato dos Serviços de Imigração, descreveu como a Grã-Bretanha tem visto aumentar o número de migrantes e requerentes de asilo que chegam às margens britânicas em pequenos barcos.

Em 2019, mais de mil pessoas que chegaram à Grã-Bretanha através do Canal da Mancha, que separa o sul da Inglaterra do norte da França. Num artigo recente, o Guardian revelou que esse número deve estar perto das duas mil pessoas, com mais de 1.800 – incluindo crianças – a cruzar o Canal desde dezembro de 2018.

Anteriormente, contou Moreton, “havia um nível menor de travessias em pequenos barcos”, com apenas algumas centenas feitas em 2018. Mas, no início de 2019, os números “aumentaram bastante” e continuaram desde então.

Segundo a própria, as autoridades de imigração na Grã-Bretanha alertaram contra a travessia, pois não é apenas uma maneira “ilegal” de entrar ao Reino Unido como também pode ser extremamente perigoso e, em alguns casos, até mortal.

No ano passado “houve pelo menos quatro fatalidades registadas”, indiciou a porta-voz, acrescentando que “é impossível saber exatamente quantas pessoas podem se ter afogado ao fazer a perigosa travessia”.

De acordo com as autoridades de imigração, os contrabandistas têm trabalhado para enviar a mensagem aos migrantes e requerentes de asilo de que as fronteiras da Grã-Bretanha devem “fechar” quando o país sair da União Europeia (UE).

“Essa é uma das coisas que os criminosos estão a dizer às pessoas para incentivá-las a pagar para fazer esse tipo de travessia”, disse Moreton. Os migrantes “estão a ser informados que, após o Brexit, a Grã-Bretanha fechará de alguma forma”.

Embora reconheça que, sob o novo governo do primeiro-ministro Boris Johnson, a Grã-Bretanha possa estabelecer regras mais rígidas de imigração, Moreton reconheceu que o argumento de que as suas fronteiras fecharão “não é verdade”.

Mas a pressão dos contrabandistas parece ter sido eficaz, com migrantes e requerentes de asilo a pagar entre 6.000 libras (cerca de 7.000 euros) e 10.000 libras (11.780 euros) para viajar num pequeno barco.

Com os altos preços que têm que pagar, Moreton disse que não é incomum que os migrantes e requerentes de asilo aceitem empréstimos de contrabandistas, sendo depois forçados à escravidão humana quando chegam à Grã-Bretanha.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. O título resulta num bom exemplo de uma anfibologia. Não sabemos se as viagens são perigosas para os migrantes ou para a Grã-Bretanha. 😉

RESPONDER

75% dos hotéis em Portugal reabre em junho, mas com menos quartos

A maioria dos hotéis em território nacional vai abrir portas a partir de junho, sendo a expectativa dos feriados da próxima semana muito importante para esta reabertura. Segundo um inquérito da Associação da Hotelaria de Portugal …

Banco de Fomento precisa da luz verde de Bruxelas e do Banco de Portugal

O primeiro-ministro anunciou a criação do Banco de Fomento e já tem um acordo prévio com a Comissão Europeia. No entanto, para que funcione como um banco, também precisa de luz verde do Banco de …

Procurador-geral admite que há uma separação entre polícia e afro-americanos

O procurador-geral norte-americano reconheceu, esta quinta-feira, a existência de uma separação entre afro-americanos e a polícia e prometeu uma investigação sem limites do Departamento da Justiça para saber se houve um crime federal no assassínio …

Ministério Público pede suspensão de funções de Mexia e Manso Neto na EDP

O Ministério Público pediu, esta sexta-feira, a suspensão de funções do presidente da EDP, António Mexia, e do administrador Manso Neto. A notícia é avançada pela SIC Notícias, que dá conta de que a promoção das …

Polícia australiana desmantela rede de pedofilia e resgata 14 vítimas

A polícia australiana anunciou esta sexta-feira que desmantelou uma rede de pedofilia que distribuía fotografias e vídeos de abuso sexual de crianças na Internet, tendo resgatado 14 das vítimas. De acordo com a agência Lusa, as …

Adiamento da reabertura em Lisboa pode levar centros comerciais à falência

A Associação Portuguesa de Centros Comerciais (APCC) alertou, esta sexta-feira, para a possibilidade de falências e desemprego em resultado da decisão do Governo de adiar a reabertura dos centros comerciais em Lisboa para 15 de …

Polícia empurra manifestante idoso em Buffalo. Vídeo causa indignação, mas protestos acalmam

Um vídeo gravado na cidade norte-americana de Buffalo, que mostra aquilo que parece ser um polícia a empurrar um manifestante idoso e a deixá-lo no chão a sangrar, aumentou esta quinta-feira a contestação contra a …

Cartão do Cidadão pode ser renovado por SMS a partir de 6 Junho

A renovação simplificada do Cartão de Cidadão por SMS vai estar disponível a partir de dia 6 de Junho, segunda uma nota do Ministério da Justiça (MJ). A medida envolve apenas as pessoas que não …

Na Suécia, quem tem sintomas de covid-19 pode fazer o teste gratuitamente

A Suécia vai fornecer testes de diagnóstico à covid-19 gratuitos a todas as pessoas que apresentem sintomas e realizar o rastreamento de contactos de todos os que estão infetados.  O anúncio surgiu esta quinta-feira, no mesmo …

Índia regista recorde de infetados com covid-19. Quase dez mil num só dia

A Índia registou outro recorde de novos casos de coronavírus, mais de 9.800 nas últimas 24 horas, período em que se contabilizaram 270 mortes, informou esta sexta-feira o Ministério da Saúde. A Índia regista agora 226.770 …