Brasil investiga mais quatro navios gregos por suspeitas de derrame de petróleo

As autoridades brasileiras investigam mais quatro navios de bandeira grega suspeitos de derrame de petróleo no litoral nordeste do país, além do Bouboulina, da empresa Delta Tankers, que já se encontrava em investigação, avançou na quarta-feira a imprensa local.

Apesar de a Marinha brasileira não ter revelado os nomes das embarcações investigadas, a companhia Delta Tankers informou, na sua página oficial, tratar-se dos navios-tanques Maran Apolo e Maran Libra, da empresa Maran Tankers, Minerva Alexandra, da Minerva Marine, e do Cap Pembroke, da companhia Euronav, além do Bouboulina.

A Delta Tankers afirmou ainda no comunicado que apenas recebeu na terça-feira um aviso oficial do Ministério de Assuntos Marítimos da Grécia, no qual foi pedido, pela Marinha do Brasil, o fornecimento de documentação sobre a sua embarcação.

A empresa reiterou que não está envolvida no derrame de petróleo que desde 02 de setembro polui centenas de praias dos nove estados da região nordeste do Brasil.

“A Delta Tankers realizou uma pesquisa completa do material a partir de câmaras, dados e registos, e não há provas de que a embarcação tenha parado, realizado operações navio-a-navio, carga perdida ou derramada, desacelerou ou desviou-se do rumo, na sua viagem da Venezuela para Melaka, na Malásia”, argumentou a companhia grega, acrescentando que cumpre “rigorosas políticas ambientais e regulamentos internacionais”.

A Marinha brasileira disse que identificou 30 navios-tanque de várias nacionalidades que navegaram próximo à costa brasileira onde ocorreu o derrame, mas notou que o Bouboulina é o principal suspeito.

O Laboratório de Análise e Processamento de Imagens de Satélites (LAPIS) da Universidade Federal de Alagoas, no Brasil, encontrou uma fotografia que revela uma mancha escura no litoral nordeste, numa trajetória similar à do petroleiro Bouboulina. Contudo, a data da mancha de 85 quilómetros é anterior à passagem do navio grego pela rota, segundo o Globo.

A mancha apareceu parcialmente numa imagem de 24 de julho, mas o Bouboulina só passou naquela área dois dias depois.

A imagem de satélite exibe um ponto branco, que “claramente se trata de um navio”, segundo disse ao Globo o cientista Humberto Barbosa, referindo ser impossível identificar a embarcação devido à baixa resolução do sensor que fez a captação.

Em declarações aos jornalistas, o ministro do Meio Ambiente do Brasil, Ricardo Salles, disse na quarta-feira que tentou evitar alarmismos ao divulgar informações relativas ao avanço da mancha de petróleo, de forma a não prejudicar o turismo na região nordeste.

“A nossa preocupação, desde o começo, foi não criar informações que encorajassem um impacto ainda maior no turismo da região, que precisa dos turistas”, declarou o ministro, citado pela agência Brasil, indicando que foram tomadas todas as medidas de identificação e monitorização do petróleo quando o Governo teve noção da dimensão do problema.

“Tivemos cuidado para não criar uma falsa sensação de que todo o nordeste está a ser atingido pelas manchas, ao mesmo tempo. (…) Fizemos o esforço de deixar claro que, uma vez retirado o petróleo das praias, pode restabelecer-se o trânsito de turistas. Porque esta é, justamente, a região que depende do turismo”, concluiu o governante.

Desde 02 de setembro, cerca de quatro mil toneladas de petróleo chegaram a 314 praias dos nove estados do nordeste brasileiro. Investigações indicaram que o derrame de petróleo bruto ocorreu a cerca de 700 quilómetros da costa brasileira entre os dias 28 e 29 de julho.

Taísa Pagno ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Lay-off simplificado estende-se a empresas de carnes e cervejas

O 'lay-off' simplificado vai voltar a estar disponível para empresas que estão a registar quebras de faturação significativas devido à pandemia, mesmo que não estejam encerradas. Segundo referiu ao ECO a Confederação do Comércio e Serviços …

Caçadores da Torre Bela não tinham de comunicar transporte de animais abatidos para Espanha

Os caçadores espanhóis não tinham de comunicar à Direção Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV) o transporte das carcaças para Espanha, nem era obrigatória a presença de um veterinário na Herdade. Segundo a TSF, o esclarecimento …

Morreu Bunny Wailer, derradeiro ícone do reggae

O cantor e percussionista jamaicano Bunny Wailer, uma lenda do reggae, morreu esta terça-feira, aos 73 anos, no Andrew’s Memorial Hospital de Kingston, o que marca o fim de uma época para este movimento musical. A …

Exilados sauditas sentem-se em perigo após dissidente desaparecer no Canadá

Exilados sauditas no Canadá temem que o dissidente que está de volta ao país de origem tenha sido forçado a revelar informações sobre a comunidade exilada. De acordo com o jornal Público, os exilados sauditas no …

Internamentos voltam a diminuir. Há mais 979 casos e 41 mortes

Portugal registou esta quarta-feira 979 novos casos de infeção por covid-19 e mais 41 mortes, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS), nas …

Festas ilegais aumentaram nos últimos 15 dias. PSP já deixa avisos para a Páscoa

Numa altura em que a população já está confinada há mais de um mês, a tendência é cada vez mais para sair de casa e procurar algum contacto social. Por isso mesmo, a PSP já …

Pediatras pedem reabertura urgente das escolas. Professores querem ser consultados na elaboração do plano

A Sociedade Portuguesa de Pediatria defende a reabertura urgente das escolas especialmente o ensino pré-escolar e nos 1º e 2º ciclos do ensino básico, chamando a atenção para as consequências do fecho no desenvolvimento das …

Ventura propõe tirar subvenções a políticos condenados a mais de três anos de prisão

O deputado único do Chega entregou esta terça-feira no parlamento um projeto de lei para retirar, incluindo retroativamente, as subvenções vitalícias a ex-titulares de cargos políticos condenados por crimes "com pena de prisão superior a …

PGR analisa carta que culpa o Governo por "borla fiscal" à EDP na venda de barragens

O Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP) está a analisar uma carta do Movimento Terra de Miranda que questiona a autorização dada pelo Governo à venda de seis barragens transmontanas por parte da …

Biden prevê vacinas para todos os adultos antes do fim de maio

Joe Biden assegura que até maio o país terá vacinas suficientes contra o covid para todos os adultos do país, dois meses antes do previsto. O presidente do EUA anunciou que até ao final de maio …