Os bombardeios da Segunda Guerra Mundial chegaram até ao Espaço

U.S. Air Force / Public Domain

As poderosas bombas lançadas durante a Segunda Grande Guerra deixaram profundas e claras cicatrizes em terra. Agora, um novo estudo sugere que estas consequências podem ter chegado mais longe – até ao Espaço.

De acordo com um novo estudo, publicado esta terça-feira na Annales Geophysicae, os bombardeamentos causaram ondas de choque que atingiram a borda do Espaço. Como resultado, estas ondas enfraqueceram a atmosfera superior da Terra, a ionosfera.

A investigação, levada a cabo por uma equipa de investigadores da Universidade de Reading, no Reino Unido, focou-se essencialmente nos grandes bombardeios das cidades alemãs que foram atingidas pelas forças aliadas.

Segundo a pesquisa, as ondas de choque produzidas pelas bombas lançadas sobre as cidades europeias há quase 80 anos foram fortes o suficiente para enfraquecer a atmosfera superior eletrizada – a ionosfera – acima do Reino Unido – a 1000 quilómetros de distância.

Os investigadores estão a utilizar estes dados para melhor compreender de que forma é que as forças naturais – como raios, erupções vulcânicas e terramotos – também afetam a atmosfera superior da Terra, nota a Europa Press.

“As imagens das cidades da Europa reduzidas a escombros devido a ataques aéreos em tempo de guerra são um lembrete duradouro do tipo de destruição que as explosões artificias podem causar”, explicou Chris Scott, professor de Física do Espaço.

Contudo, frisa o investigador, “o impacto dessas bombas na atmosfera da Terra nunca tinha sido analisado até agora”. “O que não perceberam na época [da Guerra] é que os registos ionesféricos realmente contêm as assinaturas da guerra em si”.

É assombroso ver como é que as ondas causadas por explosões provocadas pelo Homem podem afetar a borda do Espaço. Cada ataque libertou uma energia de, pelo menos, 300 raios. E a enorme energia envolvida permitiu-nos identificar como é que os eventos na superfície da Terra podem também afetar a ionosfera”, continuou em comunicado.

Para o estudo, os investigadores observaram e analisaram os registos diários no Radio Research Center em Slough, Reino Unido, coletados entre 1943-45.

A ionosfera afeta várias tecnologias modernas, como comunicações de rádio, sistemas de GPS, radiotelescópios e alguns radares de alerta, no entanto, a extensão do impacto sobre as comunicações de rádio durante a Segunda Guerra Mundial não é ainda clara.

ZAP //

PARTILHAR

11 COMENTÁRIOS

  1. Culpado disso é Bolsonaro,que apoiou na época os bombardeios a Alemanha e o Japão.
    E incitou o bombardeio atômico a Hiroshima e Nagasaki, embora Dilma e Lula houvessem alertado aos japo eses sobre o espírito bicista do capitão Jair.

RESPONDER

Catalunha em estado de sítio. Governo pede protestos pacíficos e acusa "infiltrados e provocadores"

O presidente do Governo da Catalunha, Quim Torra, condenou ao final da noite de quarta-feira os protestos violentos que se registam há três dias na região e acusou um grupo de infiltrados de estar a …

Há acordo para o Brexit

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, anunciou esta quinta-feira que alcançou “um grande acordo” com a União Europeia para o Brexit. "Temos um ótimo novo acordo", afirmou, esta quinta-feira, Boris Johnson no Twitter. O primeiro-ministro britânico anunciou …

Encontrados 20 sarcófagos de madeira bem conservados no Egito

Uma equipe de arqueólogos descobriu pelo menos 20 sarcófagos em bom estado de conservação numa tumba antiga perto da cidade de Luxor, no sul do Egito, revelou o Ministério de Antiguidades egípcio esta semana. De acordo …

Tomás Correia pode deixar o Montepio em breve

Tomás Correira, presidente da Associação Mutualista Montepio Geral (AMMG), pode estar prestes a deixar a liderança da instituição bancária. Segundo o Expresso, o gestor pode abandonar o cargo já na próxima semana. De acordo com …

Lionel Messi recebe sexta Bota de Ouro, 15 anos após a sua estreia

O futebolista argentino Lionel Messi recebeu hoje das mãos dos seus dois filhos mais velhos, Thiago e Mateo, a sexta 'Bota de Ouro' da carreira, numa cerimónia realizada em Barcelona. "Não podia ter conseguido nem sequer …

Brexit. Unionistas da Irlanda do Norte não apoiam novo plano de Boris Johnson

O Partido Democrático Unionista da Irlanda do Norte (DUP), determinante para o acordo sobre o Brexit, disse esta quinta-feira que “tal como estão as coisas” não pode aceitar o pacto que Londres está a negociar …

Votos dos emigrantes elegeram dois deputados do PS e mais dois do PSD

Os votos dos emigrantes portugueses elegeram dois deputados do PS e dois do PSD, segundo os resultados divulgados no site da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral. De acordo com os dados conhecidos …

Os "bons velhos tempos" foram assim tão bons? A felicidade dos últimos 200 anos foi medida pela primeira vez

Os "bons velhos tempos" foram assim tão bons? Uma equipa de psicólogos construiu um método para medir a felicidade histórica. Os resultados, para quatro nações, eram esperados - mas também uma surpresa. A ideia de que …

Rios ocultos de água quente estão a derreter o gelo da Antártida

O gelo antártico está a ser desestabilizado por rios ocultos e invertidos de água quente que correm por baixo das plataformas, derretendo-as. Os cientistas conhecem estes canais basais nas plataformas de gelo há vários anos, mas …

Enorme impacto cósmico pode ter assolado a Terra há 12.800 anos

Uma equipa de cientistas descobriu excesso de platina em material sedimentar extraído de depósitos de turfa localizados em Wonderkrater, Limpopo, na África do Sul, revelou uma nova investigação. De acordo com um novo estudo, cujos resultados …