Bolsonaro deixa PSL e cria um novo partido

Justin Lane / EPA

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, anunciou esta terça-feira que decidiu abandonar o Partido Social Liberal (PSL) e criar um novo partido chamado Aliança pelo Brasil.

A saída de Bolsonaro acontece na sequência de uma série de desentendimentos entre o chefe de Estado e o presidente do PSL, Luciano Bivar. A crise no partido veio a público no início do mês passado, quando Bolsonaro pediu a um apoiante para “esquecer” o PSL porque Bivar estava “queimado para caramba”. Desde então, o grupo aliado de Bolsonaro e a ala de Bivar lutaram pela liderança da bancada parlamentar do PSL.

O grupo de Bolsonaro articulou a nomeação do deputado Eduardo, filho do Presidente, enquanto a ala de Bivar queria manter o deputado Delegado Waldir. Eduardo acabou por ganhar a corrida e destituiu todos os vice-líderes do PSL. Na altura, de acordo com o semanário Expresso, a deputada Joice Hasselmann disse que o Palácio do Planalto tentou dar um “golpe” no partido nesta guerra pela liderança.

https://twitter.com/jairbolsonaro/status/1194422610987233280

A crise interna no PSL levou Eduardo Bolsonaro a desistir de ser embaixador do Brasil em Washington, um dia depois de o pai ter dito que preferia agora que Eduardo permanecesse no Brasil para “pacificar” o partido.

 

De acordo com a RTP, o PSL enfrenta problemas na justiça desde o início do ano, sendo alvo de investigações sobre alegadas candidaturas fantasma de mulheres e de desvio de dinheiro dessas campanhas eleitorais para outras finalidades. No Brasil, o financiamento eleitoral é suportado maioritariamente com dinheiro público e a lei estabelece que todos os partidos devem utilizar 30% das verbas para a promoção de candidaturas de mulheres.

Segundo o brasileiro G1, o Presidente já avaliava há alguns meses a possibilidade de deixar o partido e passou a ter conversas frequentes com vários parlamentares e advogados. Na época, dizia-se que Bolsonaro deveria integrar os Republicanos, que até meados deste ano ainda se chamava Partido Republicano Brasileiro e é considerado o braço político da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), uma das mais influentes denominações evangélicas do país.

Nas três décadas que leva de carreira política, Bolsonaro integrou oito partidos, contando com passagens pelo Partido da Democracia Cristã, Partido Progressista Reformador, Partido Progressista Brasileiro, Partido Trabalhista Brasileiro, Partido da Frente Liberal, Partido Progressista e Partido Social Cristão. Agora, funda o nono. Em janeiro do ano passado, Bolsonaro anunciou que trocaria o Partido Social Cristão pelo PSL para concorrer à presidência do país.

Os advogados de Bolsonaro estimam que conseguirão entregar, até março, as 500 mil assinaturas exigidas pelo Tribunal Superior Eleitoral para a criação do partido. A ideia é viabilizar o Aliança pelo Brasil a tempo de lançar candidatos às eleições municipais de 2020, o que exige aprovação do tribunal eleitoral até abril.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Bolsonaro é querido pela maioria dos brasileiros…
    Pediu transparência nas contas do partido, que não acatou.
    Depois aparecem escandalos nas contas a culpa vai pra ele.
    É isso aí Bolsonaro continue limpando essa lixarada em Brasilia.

RESPONDER

Há cada vez mais cidades chinesas com cortes de energia — e isso poderá ter consequências globais

Embora o problema já se tenha começado a sentir em julho, na última semana deixou de atingir apenas as zonas industriais para se estender aos bairros residenciais. População foi desaconselhada a não usar dispositivos com …

Barack Obama: "Taxem os ricos, como eu," para financiar proposta de Biden

Apelo está relacionado com a aprovação de um grande plano legislativo proposto por Joe Biden e que deverá ser negociado nas duas câmaras do Congresso norte-americano ao longo das próximas semanas. Numa semana decisiva da governação …

As origens dos antigos Etruscos foram finalmente reveladas

Vestígios de ADN encerraram, finalmente, o debate sobre a origem dos Etruscos,  uma antiga civilização cujos restos mortais foram encontrados em Itália. De acordo com quase dois mil anos de dados genómicos, recolhidos de 12 locais …

Rússia acusa Navalny e aliados de extremismo em novo processo

A Rússia intensificou a campanha contra o opositor do governo Alexei Navalny, abrindo esta terça-feira um novo processo judicial, que poderá levá-lo a cumprir uma pena de prisão de mais uma década. Navalny cumpre dois anos …

Governo demite Chefe do Estado-Maior da Armada. Gouveia e Melo provável sucessor

O ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, vai propor ao Presidente da República a demissão do Chefe do Estado-Maior da Armada, confirmaram hoje à Lusa fontes ligadas à Defesa. O Governo propôs ao Presidente da …

Borussia Dortmund 1-0 Sporting | Um Mal(en) que veio só… e foi suficiente

O “bicho papão Haaland não jogou, mas nem assim os “leões” conseguiram contrariar o maior poderio germânico. O Sporting saiu de Dortmund com uma derrota, apesar da excelente réplica no Signal Iduna Park, e muito por …

FC Porto 1-5 Liverpool | Dragão atropelado em casa

O Liverpool é uma espécie de “besta” em tons de “red” para o FC Porto. Em nove jogos oficiais, os “azuis-e-brancos” nunca venceram, somando 3 empates e 6 derrotas, a mais recente foi pesadíssima e …

China desenvolve arma invisível capaz de destruir redes de comunicação em dez segundos

Uma equipa de cientistas chineses está a desenvolver uma arma sónica, que gera um intenso pulso eletromagnético, capaz de destruir redes de comunicação e de fornecimento de energia elétrica. A arma poderá ter um alcance …

Dezenas de mulheres abusadas por funcionários da OMS na República Democrática do Congo

Dezenas de mulheres e meninas foram abusadas sexualmente por voluntários da Organização Mundial de Saúde (OMS) destacados para enfrentar o Ébola na República Democrática do Congo (RDC), entre 2018 e 2020, concluiu um inquérito independente …

Evolução de parasita está a tornar mais difícil detetar e tratar a malária

Uma mutação do parasita que causa a malária está a "camuflar" as proteínas que são identificadas nos testes rápidos, tornando mais difícil detetar e tratar a doença. De forma semelhante aos testes à covid-19, baratos e …