Biden quer substituir frota do Governo por carros elétricos produzidos na América

jlhervàs / Flickr

O novo Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden

O recém-empossado Presidente dos Estados Unidos quer substituir a atual frota do Governo norte-americano por carros elétricos.

De acordo com o portal The Verge, o democrata Joe Biden iniciará em breve a eliminação dos veículos movidos a gás utilizados pelo Governo federal norte-americano, substituindo estes carros por outros movidos a eletricidade.

Durante a corrida à Casa Branca, Joe Biden prometeu trocar os veículos da frota do Governo por veículos elétricos fabricados nos Estados Unidos.

“O Governo federal possuiu uma enorme frota de veículos, que vamos substituir por veículos elétricos produzidos na América por trabalhadores americanos”, disse Joe Biden, citado pelo mesmo portal, em conferência de imprensa na passada segunda-feira.

O anúncio de Biden pode ser uma boa notícia para os fabricantes de elétricos sediados nos Estados Unidos, como é o caso da Tesla, Rivian e Lordstown, bem como os fabricantes de automóveis tradicionais, como a Ford e a General Motors.

Em 2019, existiam cerca de 650.000 veículos na frota do Governo federal: 245.000 veículos civis, 173.000 veículos militares e 225.000 veículos dos correios. Estes veículos percorreram, de forma combinada, cerca de 7 mil milhões de quilómetros em 2019.

O Presidente dos Estados Unidos prometeu ainda, sem avançar grandes detalhes sobre a iniciativa, criar um sistema de incentivos e descontos para que os consumidores substituíam os carros a gasolina por elétricos.

Biden tomou posse na semana passada e, no dia seguinte à cerimónia, assinou uma série de decretos que visam alterar o rumo dos Estados Unidos no combate à pandemia.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Regiões portuguesas entre as que mais colocaram trabalhadores em teletrabalho

  Apesar dos números elevados registados em Portugal, futuro do modelo está ainda em aberto, face à preferência dos patrões em ter os funcionários a trabalhar em ambiente de escritório. De acordo com dados revelados pelo Eurostat, …

Reino Unido em choque. Sabina Nessa pode ter sido assassinada por um estranho ainda em liberdade

Sabina Nessa, de 28 anos, terá sido assassinada enquanto caminhava pelo Cator Park, no sudeste de Londres, na passada sexta-feira. O percurso da sua casa até a um bar ia demorar apenas cinco minutos, mas …

A corrida a secretário-geral da UGT terá dois candidatos

É a primeira vez que a corrida à liderança da UGT conta com dois candidatos: além de José Abraão, atual dirigente da Federação de Sindicatos da Administração Pública (Fesap), Mário Mourão, presidente do Sindicato dos …

Colapso da Evergrande. China pede a governos regionais que se "preparem para a possível tempestade"

As autoridades chinesas estão a pedir aos governos regionais para se prepararem para um possível colapso da Evergrande. O The Wall Street Journal noticia, esta quinta-feira, que as autoridades chinesas estão a pedir aos governos regionais …

Governo vai testar 35 mil funcionários de creches e pré-escolar até 3 de outubro

Os funcionários das creches, do pré-escolar e a rede nacional de amas começaram esta quinta-feira a ser testados à covid-19, numa ação que até 3 de outubro abrangerá 35 mil pessoas em todo o país. O …

Bem-vindo à última fase do desconfinamento: fim do certificado em restaurantes, máscara em transportes e lares

"Estamos em condições para avançar para a terceira fase de desconfinamento." Foi com esta frase que António Costa deu início à conferência de imprensa após o Conselho de Ministros desta quinta-feira. Portugal vai avançar para a …

EUA reabrirá campo de detenção de migrantes perto da prisão de Guantánamo

A administração do Presidente dos Estados Unidos (EUA) Joe Biden se prepara para reabrir um campo de detenção de migrantes na Baía de Guantánamo, após um aumento de migrantes e requerentes de asilo no sul …

Défice desce para 5,3% do PIB no 2.º trimestre do ano

O défice orçamental do primeiro semestre deste ano é de 5,5% do PIB. A meta do ministro das Finanças para o ano de 2021 é de 4,5%.  O défice orçamental fixou-se em 5,3% do PIB no …

É a maior contração desde 1995. INE revê queda do PIB para 8,4%

A queda foi pior do que se esperava: o Produto Interno Bruto (PIB) recuou 8,4% e não 7,6%, indicam os recentes dados do Instituto Nacional de Estatística (INE). O Produto Interno Bruto (PIB) caiu 8,4% em …

EUA aprovam terceira dose da Pfizer para maiores de 65 anos e grupos de risco

A Food and Drugs Adminustration (FDA) anunciou, na noite de quarta-feira, ter dado luz verde à administração de uma terceira dose da vacina da Pfizer em alguns casos. O organismo que regula a comercialização de medicamentos …