Benfica pode perder Grimaldo e Nuno Tavares, mas tem trunfo do Brasileirão na manga

Lucas Figueiredo / CBF

Guilherme Arana, Seleção sub-20 do Brasil

Confrontado com a possibilidade de perder os seus dois laterais-esquerdos, Álex Grimaldo e Nuno Tavares, o Benfica estuda a contratação de Guilherme Arana.

O Benfica pode perder dois laterais-esquerdos neste mercado de transferências. A situação de Nuno Tavares é delicada, após a polémica que o jogador gerou no início do mês, e Álex Grimaldo tem o Barcelona interessado na sua contratação.

A saída de Nuno Tavares está a ser equacionada na Luz após o defesa ter dito num vídeo divulgado nas redes sociais que se não vingasse no Benfica, iria fazê-lo “noutro sítio”. Apesar do pedido de desculpas, o jovem está sob a alçada disciplinar do clube.

Por sua vez, Grimaldo está a ser sondado pelo Barcelona há algum tempo. Ainda esta quinta-feira, a imprensa espanhola escreveu que os catalães vão deixar sair Junior Firpo e querem Grimaldo para competir pelo lugar de Jordi Alba.

O espanhol dos ‘encarnados’ chegou ao Benfica em 2015/16, precisamente oriundo do Barcelona, clube que o formou. Desta forma, o lateral de 25 anos pode ver com bons olhos um regresso ao Camp Nou, que lhe daria a oportunidade de se estrear pela equipa principal. Grimaldo esteve quatro anos e meio na equipa B dos ‘culés’.

Para além do Barcelona, também o campeão espanhol Atlético de Madrid estará atento a Grimaldo.

O Benfica pode, assim, perder os seus dois defesas-esquerdos, ficando apenas com o jovem inexperiente João Ferreira. Face a este cenário, as ‘águias’ começam a estudar alternativas no mercado, focando-se agora em Guilherme Arana, avança o Record.

O defesa de 24 anos do Atlético Mineiro foi eleito o melhor lateral-esquerdo do Brasileirão em 2020. O brasileiro já esteve na Europa, tendo jogado no Sevilha e na Atalanta. No ano passado, esteve emprestado pelos sevilhanos ao Mineiro, onde convenceu com boas exibições e levou o ‘galo’ a desembolsar 5 milhões de euros para garantir os seus serviços.

O jogador tem uma cláusula no contrato que lhe permite sair agora por 6,5 milhões de euros.

No entanto, os recentes exemplos de Gilberto, Everton ou Pedrinho deixam os responsáveis ‘encarnados’ de pé atrás, com medo que o jogador não consiga adaptar-se ao futebol português com facilidade.

O Record sabe ainda que o lateral-esquerdo Bernardo Júnior, do RB Salzburgo, foi oferecido ao Benfica, mas que o atleta de 26 anos não interessa às ‘águias’.

  Daniel Costa, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.