Benfica fez a “proposta máxima” por Cavani

2

(dr) PSG

Edinson Cavani

O Benfica fez a “proposta máxima” por Edinson Cavani, admitiu Rui Costa. O uruguaio fez uma contraproposta, mas as ‘águias’ não aceitaram e encerraram as negociações.

Rui Costa, ex-futebolista e atual administrador da SAD do SL Benfica, admitiu que o clube foi até ao limite para tentar convencer Edinson Cavani a mudar-se para o Estádio da Luz. “O Benfica fez a proposta máxima que poderia fazer e que não vai subir, nem há mais nada a negociar. A diferença é muito grande”, explicou.

As declarações de Rui Costa surgem como esclarecimento após ter dito em conferência imprensa que o Benfica ainda aguardava por uma resposta final do uruguaio. “Expressei-me mal. É claro que, do nosso lado, as negociações estão encerradas. Fomos até onde podíamos ir”, disse.

O Correio da Manhã sabe que Cavani terá baixado as exigências salariais, propondo um valor global bruto de cerca de 48 milhões de euros. O Benfica não aceitou a nova contraproposta e encerrou as negociações.

O antigo jogador do Paris Saint-Germain pedia mais do que aquilo que Luís Filipe Vieira estaria disposto a oferecer. O avultado investimento num jogador com 33 anos de idade não agradou ao presidente benfiquista.

A imprensa italiana avançou esta quinta-feira que o negócio estava bem encaminhado, revelando que o Benfica ofereceu um contrato de três temporadas com um salário de 10 milhões de euros brutos por temporada, num acordo válido até 2023.

Ainda assim, um eventual negócio pode ainda estar em cima da mesa. O CM adianta que há a possibilidade de o Benfica ainda fechar um acordo com o jogador, caso este aceite a última proposta de 5 milhões de euros anuais limpos.

  ZAP //

2 Comments

  1. Fosca-se que o Cavani anda cheio de fome ! Tudo o que é jogador uruguaio faz este tipo de jogatana ridícula.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.