É uma guerra? Acidente nuclear? É a Bélgica a distribuir pastilhas de iodo

maol / Flickr

Central nuclear de Tihange 3, na Bélgica

As farmácias belgas estão desde esta terça-feira a fornecer, de forma gratuita, pastilhas de iodo às pessoas que as solicitem, como parte de um novo plano de segurança nuclear, iniciado pelo Governo, que amplia a distribuição deste mineral a todo o território do país como prevenção em caso de acidente nuclear.

As pastilhas de iodo estarão disponíveis para toda a população, mas a sua ingestão é recomendada somente a grupos de risco como crianças, mulheres grávidas e em período de lactação, ou professores de escolas e infantários, informou a agência Belga.

Estes comprimidos actuam sobre a tiróide, saturando-a com altas concentrações deste composto, para evitar que o organismo absorva o iodo radioactivo que seria liberado por uma fuga de radiação nuclear, e prevenir assim o desenvolvimento de neoplasias malignas.

As pessoas que vivem num raio de 20 quilómetros à volta das centrais nucleares actualmente em actividade no país – Tihange, no leste, e Doel, no norte – já receberam as suas cápsulas.

Em setembro, também as autoridades alemãs tinham distribuído pastilhas de iodo aos habitantes da cidade de Aachem, a 70 kms da central nuclear belga. A autoridades alegam que a central está tão próxima que, em caso de emergência, não haveria tempo para distribuir os comprimidos.

O plano belga prevê a distribuição num raio de 100 quilómetros à volta de qualquer central e inclui as centrais de Borssele, na Holanda, e de Chooz, em França, junto às fronteiras destes países com a Bélgica.

As centrais nucleares belgas estiveram debaixo das atenções após os problemas de segurança registados na central de Tihange 3, que esteve encerrada durante 21 meses.

Também após os atentados terroristas de 22 de março de 2016 em Bruxelas se temeu de que as centrais de Tihange e Doel fossem alvo dos terroristas, hipótese entretanto desmentida pelas autoridades.

No dia dos atentados, ambas as centrais foram evacuadas. Dois dias mais tarde, a 24 de março, foi revelado que um homem que trabalhava como agente de segurança de Tihange foi assassinado e que o seu cartão de acesso às instalações tinha sido roubado.

As autoridades belgas retiraram os passes de acesso à central nuclear de Tihange de várias pessoas, e reduziram provisoriamente o número de funcionários, além de reforçar o dispositivo de segurança com guardas privados, forças policiais e militares federais.

A Bélgica deverá abandonar a energia nuclear em 2025, conforme consta no pacto energético e no acordo do Governo da coligação que actualmente governa o país.

Este objectivo foi no entanto colocado em causa nos últimos meses por alguns partidos, organizações patronais e académicas, que questionam o custo da decisão e o seu potencial impacto sobre o cumprimento dos objectivos climáticos.

PARTILHAR

RESPONDER

ADN revelou quem teve casos extraconjungais nos últimos 500 anos

Os cientistas revelaram que membros da sociedade tinham mais probabilidade de ter filhos fora do casamento ao estudar o ADN de pessoas da Europa ocidental nos últimos 500 anos. A densidade populacional do local onde uma …

O Ártico pode ficar sem gelo no verão de 2044

As mudanças climáticas provocadas pelo Homem estão muito perto de tornar o Ártico livre de gelo, já a partir do verão de 2044. Um artigo científico, publicado recentemente na Nature Climate Change por investigadores da Universidade …

Estamos sozinhos no Universo? Cientistas detalham que exoplanetas poderiam albergar vida

Através da modelagem climática, uma equipa de cientistas da Universidade de Northwestern, nos Estados Unidos, apontou que tipo de planetas têm maior probabilidade de serem habitáveis. A descoberta pode ajudar os astrónomos a selecionar áreas …

Viagens ao Espaço têm um novo perigo desconhecido para os astronautas

Há um perigo inerente às longas viagens espaciais dos astronautas desconhecido até aos dias de hoje. Um novo estudo aponta que os cosmonautas podem ver o seu fluxo sanguíneo revertido na parte superior do corpo. A …

Macrocilix maia, a misteriosa traça que tem moscas a comer fezes nas suas asas

Macrocilix maia é uma espécie de traça que se destaca pela forma como se camufla dos seus predadores. Nas suas asas vê-se duas moscas a comer excrementos de pássaro. A natureza nunca falha em surpreender-nos e …

Há provas que ligam misteriosa doença que paralisa crianças a vírus raro

Pela primeira vez, foram encontradas provas da associação do Enterovírus D68, um vírus raro até há algum tempo, à Mielite Flácida Aguda, uma doença semelhante à poliomielite que tem afectado centenas de crianças, provocando a …

Antigos egípcios podem ter encurralado milhões de pássaros só para os mumificar

Novas evidências de ADN sugerem que os antigos Egípcios capturavam pássaros selvagens para sacrifícios ritualísticos (e para os poderem mumificar depois). As catacumbas egípcias contêm milhares de pássaros mumificados, especificamente íbis-sagrados (Threskiornis aethiopicus), empilhados uns sobre …

Estudo mostra que sondagens tendenciosas enviesam eleições políticas

Através de experiências práticas, uma investigação recente sugere que as sondagens tendenciosas podem influenciar e enviesar as eleições políticas, até mesmo nas grandes democracias. Enquanto uma eleição se aproxima no Reino Unido e uma votação presidencial …

A Rússia criou a arma mais mortífera da história. Foi há 72 anos

Comummente conhecida por AK-47, a espingarda Kalashnikov foi responsável por milhões de mortes durante a nossa História, sendo uma das armas mais populares do mundo e a mais fabricada pela indústria de armamento. Segundo o The Conversation, …

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …