Belgas retiram estátua do famigerado Leopoldo II. Os ingleses questionam os seus heróis

Stephanie Lecocq / EPA

Estátua do rei Leopoldo II no Africa Museum, em, Tervuren vandalizada com tinta vermelha

Uma estátua do rei dos belgas Leopoldo II, figura controversa do passado colonial da Bélgica, foi retirada, na terça-feira, de uma praça pública em Antuérpia e transportada para um museu local.

A retirada acontece dias depois de a estátua ter sido vandalizada no âmbito de protestos contra o racismo que juntaram milhares de pessoas em várias cidades belgas em homenagem a George Floyd.

O rei Leopoldo II (1835-1909) é há muito tempo uma figura polémica na Bélgica pelos excessos do seu governo no antigo Congo belga, actual República Democrática do Congo.

O soberano escravizou a população e submeteu-a a grande violência, havendo historiadores que apontam para a morte de cerca de 10 milhões de pessoas devido à violência, fome, exaustão e doenças.

Na Exposição Universal de Bruxelas de 1958, Leopoldo II chegou mesmo a aprovar a exibição de um “zoológico humano” com homens, mulheres e crianças do antigo Congo.

A polémica em torno do monarca reacendeu-se com o caso George Floyd, o norte-americano negro que morreu asfixiado sob os joelhos de um polícia branco, no final de Maio, nos Estados Unidos. Seguiram-se manifestações contra o racismo em várias cidades do mundo, incluindo na Bélgica.

Nas últimas semanas, várias estátuas de Leopoldo II foram vandalizadas – uma foi coberta de tinta no Museu de África em Tervuren, na Flandres- e foi lançada uma petição para a retirada de Bruxelas das estátuas e bustos do antigo rei. A petição recolheu em poucos dias 53 mil assinaturas.

Este mês, os partidos maioritários no parlamento belga pediram ao governo a criação de um grupo de trabalho para a “descolonização” do espaço público, através da revisão da toponímia relacionada com a história colonial do país.

Em Antuérpia, a estátua retirada esta terça-feira estava perto de uma igreja e tinha sido vandalizada na semana passada. A sua remoção do local já estava prevista no âmbito de uma remodelação da praça, mas a transferência para o Museu Middelheim foi antecipada e provavelmente não voltará a ser lá colocada, reconheceu o presidente da câmara, Koen Palinckx.

Em tempo de protestos anti-racistas, também o Reino Unido reavalia os seus heróis, nota o jornal Público. Os protestos fizeram questionar monumentos e até figuras incontornáveis, como o antigo primeiro-ministro Winston Churchill.

Numa das estátuas de Churchill em Londres, junto ao Parlamento, apareceu durante uma das manifestações, escrita a grafite, a frase “era um racista”. Embora seja considerado um herói da II Guerra Mundial, Churchill era um firme defensor do Império Britânico e expressou pontos de vista racistas.

No passado domingo, em Bristol, também a estátua do comerciante de escravos do século XVII Edward Colston, foi derrubada, arrastada pelas ruas e lançada para as águas do porto da cidade.

A estátua de Colston (1636-1721), um benfeitor da cidade que obteve a sua riqueza com o comércio e a exploração de escravos, já tinha sido objeto de controvérsia anteriormente, tendo um cidadão pedido anteriormente a sua remoção.

Por outro lado, activistas da Universidade de Oxford pedem a remoção de uma estátua de Cecil Rhodes, imperialista vitoriano na África do Sul que fez fortuna nas minas e financiou bolsas de estudo na universidade. Na estátua foi colocada a faixa “Rhodes, tu és o próximo”.

Em Edimburgo, na Escócia, surgiram também nos últimos dias pedidos para remover uma estátua de Henry Dundas, político do século XVIII que atrasou a abolição britânica da escravatura durante 15 anos.

ZAP // RFI / Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Governador das Filipinas diz que cantores de karaoke prejudicam combate à pandemia

Um governador de uma província das Filipinas voltou a sua atenção para um grupo de pessoas que, segundo ele, estão a prejudicar a luta contra a pandemia: cantores de karaoke. Numa publicação no Facebook na madrugada …

Histórico: Filipe Albuquerque vence 24 Horas de Le Mans e sagra-se campeão mundial de LMP2

O português Filipe Albuquerque, da United Autosports, venceu este domingo as 24 Horas de Le Mans em automobilismo, na categoria LMP2, a segunda mais importante, e sagrou-se campeão mundial de resistência a uma corrida do …

Convenção do Chega chumba lista de André Ventura para a direção nacional

A proposta do presidente do Chega, André Ventura, para a direção nacional do partido foi hoje chumbada na convenção que decorre em Évora, ao não conseguir reunir os dois terços dos votos dos cerca de …

Portugal com mais 13 mortos e 552 novos casos nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 13 mortos relacionados com a covid-19 e 552 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo os dados a DGS, a região …

TikTok anuncia acordo com Oracle e Walmart e adia proibição nos EUA

A aplicação TikTok, detida pela sociedade chinesa ByteDance e ameaçada de ser proibida nos Estados Unidos, anunciou este domingo um acordo de princípio com a Oracle, como parceiro tecnológico, e com a Walmart, em termos …

As gaivotas são inoportunas? Saiba que as suas fezes podem valer mil milhões de dólares

Afinal, as gaivotas podem ser animais bem mais interessantes do que aquilo que a maioria das pessoas pensa. É que as suas fezes são muito valiosas e os seus nutrientes fertilizam campos agrícolas e recifes …

Super-vulcão Yellowstone registou 91 terramotos em apenas 24 horas

Os vulcanólogos têm andado atentos ao super-vulcão localizado no Parque Nacional de Yellowstone, nos Estados Unidos. O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS) relatou recentemente a ocorrência de 91 terremotos em apenas 24 horas. Estes …

Cartoonista alemão Frank Hoppmann é o vencedor do 15.º World Press Cartoon

O 'cartoonista' alemão Frank Hoppmann, com a caricatura do primeiro-ministro britânico Boris Johnson, é o vencedor da 15.ª edição do World Press Cartoon, foi hoje anunciado nas Caldas da Rainha, na cerimónia de entrega de …

Pequena e funcional. Assim se carateriza a Tiny House (que ainda evita dores de joelhos)

Esta pequena casa móvel pode ser a solução que procura. Devido à sua arquitetura dinâmica é ótima para pessoas com problemas de articulações e que sofrem com dores joelhos, pernas cansadas ​​ou dores nas costas. Hoje …

Chama-se Elios, é um drone e vai explorar as profundezas das cavernas de gelo da Gronelândia

Elios é o drone que está a ajudar os investigadores a descobrirem mais sobre os mistérios da Gronelândia. Inserido numa estrutura própria, tem explorado as cavernas de gelo, facilitando assim o acesso a locais mais …