BE considera PCP “imprescindível a equilíbrio de forças” para governo de esquerda

Tiago Petinga / Lusa

Catarina Martins em conferência de imprensa

A líder do Bloco de Esquerda (BE) elegeu hoje o PCP como “imprescindível a um equilíbrio de forças” para um eventual “governo à esquerda no país” após as eleições de 6 de outubro.

Em entrevista à Antena 1, Catarina Martins insistiu na tese, repetida ao longo desta pré-campanha, de que uma maioria absoluta do PS seria “muito perigosa”, voltou a defender entendimentos à esquerda, entre bloquistas e comunistas, e fez um elogio ao papel dos comunistas.

“Nós temos gostado muito de trabalhar com o PCP e eu acho que o PCP é imprescindível a um equilíbrio de forças que permita um Governo à esquerda no país”, afirmou nesta entrevista à rádio pública, conduzida pela jornalista Natália Carvalho.

Quanto aos últimos quatro anos, reconheceu diferenças e divergências entre os dois partidos que foram “aliados” no apoio ao parlamentar ao executivo minoritário de António Costa, mas também os entendimentos.

“Nós valorizamos muito a convergência que temos tido com o PCP. Sabemos também das dificuldades, dos desacordos… Não me esqueço que o PCP votou conta a paridade entre homens e mulheres”, exemplificou.

A líder bloquista recordou que, após as legislativas de 2015, o BE “teria gostado de fazer uma negociação conjunta”, para viabilizar o executivo de António Costa, entre bloquistas e comunistas de um lado, com quase 20%, face aos “cerca de 30%” do PS.

“Poderia ter sido favorável”, admitiu Catarina Martins que relativizou a recusa do PCP a esta solução, para, logo a seguir, dizer: “Trabalhamos em conjunto quando é possível trabalhar em conjunto.”

De resto, a coordenadora dos bloquistas insistiu que as maiorias absolutas “são perigosas” e que “as pessoas lembram-se do que foram as maiorias absolutas no passado, sabem desse perigo”, numa referência às maioria do PSD (1987-1995) e do PS (2005-2009).

A exemplo do que já tinha feito no debate televisivo com o líder do PS e primeiro-ministro, António Costa, Catarina Martins exemplificou que, se os socialistas tivessem tido maioria absoluta, em 2015, “tinha descido a contribuição das empresas para a segurança social e congelado as pensões, o salário mínimo nacional não teria subido os 95 euros ao longo destes quatro anos”.

As legislativas para eleger os 230 deputados à Assembleia da República estão marcadas para 6 de outubro. Concorrem a esta eleição, a 16ª em democracia, um número recorde de forças políticas – 20 partidos e uma coligação.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Rara cobra de duas cabeças e dois cérebros independentes encontrada na Florida

Uma rara cobra com duas cabeças e dois cérebros independentes foi resgatada no estado norte-americano da Florida por uma equipa de especialistas do organização Florida Fish and Wildlife Conservation Commission. Na rede social Facebook, a organização, …

Benfica 2-0 Belenenses SAD | Darwinismo rende arranque histórico

O Benfica cumpriu e venceu o Belenenses SAD por 2-0, no Estádio da Luz, na partida que encerrou a quinta jornada da Liga NOS. Foi o quinto triunfo benfiquista no campeonato em cinco partidas, o …

Uma tarefa doméstica está a poluir sorrateiramente o ambiente

O que vestimos e como lavamos as nossas roupas influencia o número de microfibras sintéticas que libertamos no meio ambiente. Há uma tarefa doméstica a poluir sorrateiramente o ambiente. Um novo artigo científico, publicado na PLOS …

A companhia aérea que faliu devido à covid-19 está de volta

A pandemia de covid-19 foi traiçoeira para muitas empresas. A Flybe, uma das primeiras vítimas, está agora a ressuscitar - e pode voltar a rasgar os céus já no próximo ano. A economia mundial foi muito …

Dormir bem antes de tomar a vacina da gripe pode ajudar a aumentar a sua eficácia

Segundo os especialistas, uma boa noite de sono pode mesmo ajudar a aumentar a eficácia da vacina da gripe, que neste ano ganha particular relevância em plena pandemia de covid-19. De acordo com Matthew Walker, autor …

Há um petroleiro abandonado há mais de uma década nas Caraíbas (e é uma "bomba-relógio")

Um navio de armazenamento de petróleo venezuelano está ancorado no Golfo de Paria, um trecho de mar fechado entre a Venezuela e a ilha de Trinidad, há mais de uma década. Antes de os Estados Unidos …

Portugal deve bater recorde de doentes em cuidados intensivos ainda esta semana

Portugal deverá ultrapassar, esta quarta-feira, o recorde de doentes em unidades de cuidados intensivos, alertou a ministra da Saúde, Marta Temido, em conferência de imprensa sobre a capacidade do Serviço Nacional de Saúde para combater …

A Budapest Eye foi restaurante por um dia (e com estrela Michelin)

Um restaurante com estrela Michelin em Budapeste, na Hungria, ofereceu aos clientes uma experiência gastronómica na famosa roda gigante Budapest Eye. Atraiçoado pela queda de faturação após o desaparecimento de turistas estrangeiros, o restaurante Costes, premiado …

Antigo ministro da Saúde Leal da Costa admite novo estado de emergência

O antigo ministro da Saúde Fernando Leal da Costa defendeu hoje que em algum momento deve ser decretado de novo o estado de emergência, para que o Governo possa tomar medidas na luta contra a …

Marcelo promulga uso obrigatório de máscara na rua por 70 dias

O Presidente da República promulgou esta segunda-feira o decreto da Assembleia da República que determina o uso obrigatório de máscara na rua, por um período de 70 dias, sempre que não seja possível cumprir o …