Basta agora uma “promessa de trabalho” para ser imigrante legal em Portugal

O Governo foi contra o parecer do SEF e alterou a lei, determinando que imigrantes sejam legalizados apenas com “promessa de contrato de trabalho”. O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras já pediu esclarecimentos ao ministério.

De acordo com a alteração à lei de estrangeiros publicada em Diário da República e citada pelo Diário de Notícias, a “promessa de um contrato de trabalho” passa a ser admitido como requisito para obter autorização de residência no país.

O diploma foi aprovado no parlamento pela esquerda, sob propostas do PCP e do BE – e a contrariar o resto da Europa – revogou ainda a exigência de permanência legal em Portugal, ou no espaço Shengen – espaço de abertura e livre circulação de pessoas na União Europeia, que estava já previsto no anterior regime para os casos de legalização, a título excecional, de imigrantes já com contratos de trabalho.

A nova lei impede também que sejam expulsos imigrantes que tenham cometido crimes como homicídios, roubos violentos ou tráfico de droga.

A lei vai contra o parecer do SEF que já tinha alertado para os riscos de segurança que a regularização extraordinária e o seu efeito de chamada de imigrantes para território nacional poderia causar.

A direção nacional decidiu então suspender o chamado SAPA, serviço de agendamento online onde os imigrantes registam as suas “manifestações de interesse” até o Ministério da Administração Interna clarificar o alcance das novas regras, algumas contraditórias com outros artigos que não foram alterados.

A decisão foi informada através de uma nota enviada pela direção nacional a todos os dirigentes distritais, segundo o Diário de Notícias.

O SEF também lembra, nesta informação interna, a falta de recursos humanos e meios informáticos suficientes para responder ao expectável aumento de pedidos de autorização de residência.

Esta não é a primeira vez que a isenção de vistos de entrada é aplicada. A estreia aconteceu em 2015, de forma irregular, e levou inclusive à abertura de processos de averiguações, em 2016, pela Inspeção-Geral da Administração Interna e pela Procuradoria-Geral da República, sem resultados conhecidos até agora.

Essa irregularidade teve o efeito de chamada de milhares de imigrantes ilegais noutros países europeus. De acordo com dados oficiais do SEF nesse ano houve um número recorde de novos pedidos de residência, na casa dos 12 mil, grande parte a pretexto da exceção aberta pelo SEF.

A maioria eram provenientes de países considerados de risco e tinham apenas a intenção de obter o visto de residência em Portugal para poderem circular livremente no espaço europeu, o que foi aproveitado pelas redes de imigração ilegal.

Sobre a atual alteração, Constança Urbano de Sousa refutou que a alteração legislativa possa ser entendida com regularização extraordinária e ter um efeito de chamada de imigrantes ilegais.

“As alterações à Lei de Estrangeiros apenas limitam a arbitrariedade, permitindo maior segurança jurídica”. Acrescenta ainda que se “mantém a obrigatoriedade da obtenção de visto” e que “não está em causa a regularização de quem tenha entrado ilegalmente. Uma leitura distinta da feita pelo SEF que, por ter dúvidas, já pediu esclarecimentos ao Ministério da Administração Interna.

  ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. “A nova lei impede também que sejam expulsos imigrantes que tenham cometido crimes como homicídios, roubos violentos ou tráfico de droga.”
    Uhau!..Já agora, afixem logo nas chegadas dos aeroportos faixas bem grandes para os saudar do tipo; “Bem-vindo à República das Bananas”.
    Acrescentem: “… tragam as vossas kalashnikov também”.. Não há problema, os nossos políticos estão a tratar da legalização.
    Naturalmente com este ambiente os criminosos vão dar-se bem… Serão proprietários de lojas, ou outros negócios, que vão fornecer a “promessa de trabalho” ao resto do “time”…e subornar a autoridade para que tudo corra bem.
    Aposto também que vão ter acesso aos “serviços sociais” mais facilmente que “os da casa”…

    Mas isto é “lei” ou ausência dela??

RESPONDER

Quem pode suceder a Solskjaer no United? Conte está em cima da mesa, mas CR7 quer Zidane

A onda de maus resultados do United têm posto em causa o técnico Ole Gunner Solskjaer. Conte está interessado, mas Ronaldo quer voltar a ser orientado por Zinedine Zidane. Os recentes maus resultados do Manchester United …

Há 42 anos, andámos "À Boleia pela Galáxia" - e descobrimos a resposta para a vida, o universo e tudo mais

Assinalam-se este mês os 42 anos da série de livros de ficção científica de Douglas Adams. Mais de quatro décadas depois, a história excêntrica continua relevante e a atrair fãs. Muitos filósofos questionaram-se durante séculos sobre …

F.C. Porto 1-0 Milan | Dragão em fúria banaliza italianos

A fúria do Dragão. O relógio marcava o minuto 65. O nulo perdurava, as tentativas portistas em busca da glória eram imensas – no total, 20 remates contra apenas quatro do AC Milan –, assim …

Veículo autónomo da Waymo

Os carros autónomos da Waymo estão a ser atraídos para uma rua sem saída

Os veículos autónomos da Waymo, detida pela Alphabet que é também a mãe da Google, são constantemente encaminhados para uma rua sem saída em São Francisco, nos Estados Unidos. Para já, ninguém sabe porquê. Nas últimas …

Com as ruas inundadas, casal indiano usa panela de cozinha para se deslocar para o próprio casamento

Um casal indiano foi transportado para o seu casamento por um meio de transporte incomum: uma panela de cozinha. Com as ruas do estado de Kerala inundadas, após chuvas torrenciais, esta foi a única forma …

OE2022: PCP propõe eliminação do adicional de ISP e da “dupla tributação” dos combustíveis

O PCP anunciou hoje que irá propor em sede de Orçamento para 2022 a eliminação do “adicional” ao Imposto sobre Produtos Petrolíferos (ISP) e da dupla tributação dos combustíveis e insistir na fixação de preços …

Besiktas 1-4 Sporting | Tratado leonino deixa turcos KO

O Sporting foi à Turquia somar a primeira vitória no Grupo C da Liga dos Campeões, ao bater o Besiktas por 4-1. Um desfecho fundamental para a equipa de Alvalade continuar a acalentar esperanças de apuramento …

Lei de David. Reino Unido pondera acabar com anonimato online depois de esfaqueamento de deputado

A morte de David Amess está a suscitar um debate no Reino Unido sobre a segurança dos deputados e os insultos de que as figuras políticas são alvo nas redes sociais. Depois do deputado conservador David …

"Não há acordo". Bloco e Governo continuam às turras por causa do OE, mas há mais reuniões previstas

Os bloquistas não se mostraram satisfeitos com o resultado da reunião com o executivo e exigem mais cedências do Governo. Ambos os lados confirmam que ainda se vão encontrar mais vezes para debater o Orçamento. "Não …

Dois mortos e 450 feridos em manifestações para assinalar protestos de 2019 no Chile

Dois mortos e 450 detidos foi o resultado da violência registada em Santiago do Chile, na sequência de uma manifestação para celebrar o segundo aniversário dos protestos de 2019 contra a desigualdade social no país. A …