Durão Barroso assume que não teria apoiado invasão do Iraque com os “dados de hoje”

O ex-presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, reconheceu que a decisão de patrocinar a invasão do Iraque com a realização da Cimeira das Lages, a 16 de março de 2003, é “legitimamente controversa” e que, com os dados hoje disponíveis, “provavelmente” não teria apoiado os Estados Unidos (EUA).

Segundo noticiou o Expresso esta segunda-feira, na primeira edição do podcast “Atlantic Talks”, organizado pela Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento (FLAD), Barroso responsabilizou os EUA pelo que aconteceu depois da invasão ao Iraque, por não existirem armas de destruição maciça e porque foram cometidos “erros muito graves”.

“[O processo] foi muitíssimo mal gerido. Limpar toda a administração do Iraque foi um erro. Não foi sensato”, culpabilizou o também antigo primeiro-ministro.

Barroso sublinhou que Portugal foi então confrontado com uma decisão muito complexa: apoiar a estratégia de dois dos seus mais antigos aliados, EUA e Reino Unido, e de Espanha, ou manter uma posição mais neutral, acabando por optar pela primeira.

“A minha posição foi muito prudente desde o início. ‘Não queremos a guerra, mas não somos nós, Portugal, que decidimos se há uma guerra ou não. Se houver uma guerra entre o nosso maior aliado, uma grande democracia, e a ditadura de Saddam Hussein não podemos ser neutros'”, reforçou.

Barroso negou que a sua ascensão na Comissão Europeia tenha estado relacionada com a Cimeira das Lajes, recordando, precisamente, que França e Alemanha estiveram desde sempre contra a decisão. “[Essa ilação] não tem base. Pelo contrário, não se pode ser presidente da Comissão Europeia sem o apoio de França e Alemanha”, assegurou.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Durão Barroso, mesmo com os dados que tinha na altura, não devia ter apoiado a invasão do Iraque. Foi um erro crasso, mesmo não representando nada para além de um anfitrião cujo nome nem o Bush sabia. Mostrou ser um político medíocre e de pouca visão.
    Devia reconhecer o erro. Os relatórios de então, mesmo apimentados, não justificavam a intervenção militar americana. E se o objetivo era eliminar as armas biológicas ou de destruição maciça, nunca encontradas, então porque motivo foi decapitado o regime? Obviamente, o que Bush pretendia era aniquilar o ditador Saddam Hussein e o seu regime e criar uma nova ordem na região do Golfo. Q que não lhe saiu como esperava.

  2. Pois, provavelmente…
    E, provavelmente, o parasita covarde também não teria conseguido um tacho de luxo na máfia da Goldman Suchs!…

RESPONDER

Uma só teoria da conspiração sobre a covid-19 matou 800 pessoas. 60 ficaram totalmente cegas

Pelo menos 800 pessoas morreram e 60 ficaram cegas na sequência de uma teoria da conspiração sobre a covid-19, concluiu um novo estudo. A investigação, cujos resultados foram esta semana publicados na revista científica American Journal …

Apple e Google removem das suas lojas de aplicações um dos jogos mais populares do mundo

As gigantes tecnológicas Apple e Google removeram esta semana das suas lojas de aplicações, a App Store e a Google Play Store, respetivamente, o Fortnite, um dos jogos mais populares de todo o mundo. As …

Encontrado tesouro de artefactos nazis no "Covil do Lobo", o quartel-general ultrassecreto de Hitler

Quando os nazis se prepararam para invadir a União Soviética, em 1941, construíram um quartel-general militar secreto na floresta Masúria, na Polónia, ao qual chamaram "Wolfsschanze" ou "Covil do Lobo". Desde a sua descoberta após a …

Itália vai construir um túnel submarino para unir Sicília ao continente

Itália está a planear construir um túnel para ligar a região insular da Sicília ao continente italiano. O projeto de cinco mil milhões de euros vai ser pago com a parte do Fundo de Recuperação …

Point Roberts tinha um pé nos EUA e outro no Canadá (mas agora não "pertence" a nenhum)

Point Roberts, em Washington, está numa posição única. Localizada na ponta da Península de Tsawwassen, a cidade fica totalmente abaixo do paralelo 49, a linha que separa o Canadá dos Estados Unidos. Agora, a cidade …

Milhares de processadores quebraram um trilião de chaves para resgatar um Zip com bitcoins

Um misterioso homem perdeu o acesso a um ficheiro Zip onde estavam encriptadas as suas chaves privadas de bitcoins. Os 300 mil dólares foram resgatados por dois especialistas em criptografia — e por muitos milhares …

Reino Unido com mais de mil novas infeções pelo quarto dia consecutivo

O Reino Unido registou mais 11 mortos e 1.441 infeções de covid-19 nas últimas 24 horas, anunciou o Ministério da Saúde britânico, que manteve restrições sobre a área metropolitana de Manchester e parte do norte …

Governo não pondera (para já) proibição de fumar ao ar livre

O Governo não está a ponderar, neste momento, proibir fumar ao ar livre como foi decretado em Espanha, mas há “muitos aspetos em aberto” que serão acompanhados, disse esta sexta-feira a ministra da Saúde, Marta …

Lotação do Avante reduzida a um terço. Visitantes terão uma "área superior à que está estabelecida para as praias"

O PCP anunciou que vai limitar a entrada na sua anual Festa do "Avante!" a um terço da capacidade total, em virtude do contexto de pandemia de covid-19. O espaço de 30 hectares das Quinta da …

Governo da Guiné Equatorial demitiu-se em bloco

O Governo da Guiné Equatorial, liderado pelo primeiro-ministro Francisco Pascual Obama Asue, apresentou a sua demissão em bloco. Em declarações aos jornalistas, o ministro da Comunicação e porta-voz do Governo em funções, Eugenio Nze Obiang, explicou …