Bactéria que matou menina de sete anos na Maia é de “fonte alimentar” e não de hamster

Microbe World / Flickr

Cluster de bacterias E. coli

A Autoridade de Saúde está a investigar a morte de uma criança de 7 anos, na Maia, devido a uma doença infecciosa que se acreditava ter sido causada por uma bactéria de hamster. Agora sabe-se que a infeção foi causada por uma bactéria que “terá sido contraída a partir de uma fonte alimentar”.

Segundo o Jornal de Notícias, a Autoridade de Saúde, que está a investigar o caso, confirmou que a morte da menina de 7 anos foi provocada pela bactéria “Escherihia coli”, vulgarmente conhecida como E. coli. Assim, a hipótese de contágio a partir de um hamster fica descartada.

Além disso, a Direção Geral de Alimentação e Veterinária garantiu não existir “qualquer prova de que o foco de contágio tenha sido o animal de estimação”. Em comunicado a DGVA explicou ainda que “nenhuma das doenças transmitidas dos roedores para os humanos provoca diarreia e vómitos nas pessoas atingidas“, sintomas que a criança de sete anos apresentava na sexta-feira quando foi internada.

A bactéria E. coli é comum e habita em todos os intestinos humanos e de alguns animais, mas em grandes quantidades pode causar problemas como infeção intestinal e infeção urinária, tendo na água e nos alimentos contaminados a sua principal fonte de transmissão.

Joana Teixeira morreu na segunda-feira, na sequência da falência dos rins, depois de sentir sintomas de gripe, vómitos e diarreia durante alguns dias.

A nota informativa da escola que dá conta da morte de uma aluna daquele Centro Escolar, a que a Lusa teve acesso, refere que “as principais medidas de proteção recomendadas são cuidados habituais de higiene pessoal e alimentar, comuns a outras infeções transmitidas pelos alimentos (incluindo a água) e por via fecal-oral”.

Não consumir leite ou seus derivados não pasteurizados, não consumir carne ou peixe mal cozinhados, evitando especialmente os produtos elaborados a partir de carne picada, de que são exemplos os hambúrgueres, almôndegas ou similares, e lavar cuidadosamente a fruta e os vegetais são algumas recomendações expressas.

É também referido que se deve “prevenir a contaminação cruzada, não utilizando, na preparação, os mesmos utensílios para diferentes alimentos“, bem como que se deve “separar os alimentos crus dos cozinhados”.

Na nota, que também foi dada a conhecer ao pessoal docente e não docente da escola, o diretor fala ainda no “afastamento do local de trabalho de qualquer manipulador de alimentos que apresente sintomas da doença”, bem como de qualquer aluno, docente ou não docente que apresente também os sintomas.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Marcelo Rebelo de Sousa critica "instrumentalização do medo" pelo poder

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse hoje haver demasiados poderes com medo que o medo acabe, considerando a "instrumentalização do medo" para acorrentar os outros como um problema na ordem do dia. “Há …

CGTP ameaça Costa: “Ou dá resposta às reivindicações ou conta com contestação” nas ruas

O secretário-geral da CGTP-IN, Arménio Carlos, defendeu a alteração das leis laborais e o aumento do salários na próxima legislatura, avisando que caso estas reivindicações não sejam atendida, o Governo terá forte contestação nas ruas. Arménio …

Das eleições resultou um "Governo instável" e Marcelo foi "o grande ganhador sem ter participado"

Para Luís Marques Mendes, o PS teve mais votos, mas tem piores condições para governar. Além disso, na opinião do comentador político, foi Marcelo quem ganhou estas eleições, por não ter havido maioria absoluta. O Partido …

"Querem que pique a bolha?" Conselheiros do Banco de Portugal compararam Montepio ao caso BES

Numa "discussão acesa" no Banco de Portugal, conselheiros da entidade de supervisão compararam a situação do Banco Montepio ao caso BES, com referências a um "esquema de Ponzi", em pirâmide, e a ideia de que …

CGD e Novo Banco vão atrás da fortuna de Paulo Maló

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) e o Novo Banco vão tentar executar o património pessoal de Paulo Maló, médico e empresário que fundou a Malo Clinic, empresa especializada em medicina dentária, escreve o Jornal …

Comandante que desviou dinheiro da Proteção Civil recebe avença do Estado

Gil Martins foi condenado de desviar mais de cem mil euros da Proteção Civil. Ainda assim, o antigo comandante recebe uma avença de mil euros brutos por mês. O ex-comandante nacional da Autoridade Nacional de Emergência …

New York Times divulga provas de que a Rússia bombardeou deliberadamente hospitais na Síria

O The New York Times publicou este domingo, segundo avança o próprio jornal norte-americano, provas de que a Rússia bombardeou repetidamente e deliberadamente hospitais na Síria, onde intervém em apoio do regime sírio do Presidente …

Simone Biles torna-se na ginasta mais medalhada de sempre em Mundiais

Esta foi a quarta medalha de ouro para Biles em Estugarda, depois de ter vencido a prova por equipas, o concurso geral individual e a prova de salto. A norte-americana Simone Biles tornou-se hoje a ginasta …

Há um Reino muito pouco Unido na corda bamba. Rainha inicia semana decisiva para o Brexit

Depois do discurso real desta segunda-feira, as conversações entre Londres e Bruxelas deverão continuar e avançar pela cimeira da UE de quinta e sexta-feira. No sábado, o Parlamento britânico reúne-se excecionalmente para votar o que …

Esther Duflo, Abhijit Banerjee e Michael Kremer vencem Nobel da Economia

O prémio Nobel da Economia de 2019 foi esta segunda-feira atribuído à francesa Esther Duflo, ao indiano Abhijit Banerjee e ao norte-americano Michael Kremer, anunciou a Real Academia das Ciências sueca. O Prémio de Ciências Económicas …