Avião que transportava Emiliano Sala não tinha autorização para voos comerciais

faneitzke / Flickr

Emiliano Sala

O departamento de investigação britânico de acidentes aéreos (AAIB) esclareceu, esta segunda-feira, que o avião em que morreu o futebolista argentino Emiliano Sala, após despenhar-se no Canal da Mancha, não estava autorizado a operar voos comerciais.

Esta segunda-feira, a Agência de Investigação de Acidentes Aéreos Britânica (AAIB) divulgou as primeiras conclusões sobre o acidente que vitimou o jogador Emiliano Sala e o piloto David Ibbotson a 21 de janeiro deste ano.

A aeronave, registada nos Estados Unidos, “não podia ser utilizada para voos comerciais sem autorização da FAA e da CAA”, as autoridades de regulação da aviação civil nos Estados Unidos e no Reino Unido, respetivamente, “não havendo qualquer prova de que essa autorização tivesse sido pedida ou concedida”, escreveram os investigadores.

Além disso, os investigadores indicam que David Ibbotson tinha uma licença de piloto emitida pela Agência Europeia para a Segurança da Aviação, mas essa licença não pressupõe necessariamente uma autorização para voar à noite. Por sua vez, a AAIB diz desconhecer se o piloto possuía ou não tal autorização.

“Estima-se que a licença e o registo do piloto se perderam com a queda da aeronave”, escreveram os investigadores, sendo que o aparelho foi localizado, mas não recuperado, permanecendo a 67 metros de profundidade.

Os vídeos feitos por um robô no fundo do mar mostram a aeronave “severamente danificada”, partida em três partes “mantidas apenas ligadas por cabos elétricos e cabos de controlo da aeronave”.

O jogador de 28 anos faleceu no passado dia 21 de janeiro, quando o avião em que viajava caiu no Canal da Mancha. O corpo do futebolista foi encontrado dentro da avioneta, a norte da ilha de Guernsey, a 3 de fevereiro, sendo identificado quatro dias depois. De momento, não há informação sobre o paradeiro de David Ibbotson, que pilotava o aparelho.

Sala tinha assinado contrato com o Cardiff City, por quem não chegou a ser apresentado, depois de ter marcado 12 golos em 19 jogos na Liga francesa de 2018/19, ao serviço do Nantes.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Estamos sozinhos no Universo? Cientistas detalham que exoplanetas poderiam albergar vida

Através da modelagem climática, uma equipa de cientistas da Universidade de Northwestern, nos Estados Unidos, apontou que tipo de planetas têm maior probabilidade de serem habitáveis. A descoberta pode ajudar os astrónomos a selecionar áreas …

Viagens ao Espaço têm um novo perigo desconhecido para os astronautas

Há um perigo inerente às longas viagens espaciais dos astronautas desconhecido até aos dias de hoje. Um novo estudo aponta que os cosmonautas podem ver o seu fluxo sanguíneo revertido na parte superior do corpo. A …

Macrocilix maia, a misteriosa traça que tem moscas a comer fezes nas suas asas

Macrocilix maia é uma espécie de traça que se destaca pela forma como se camufla dos seus predadores. Nas suas asas vê-se duas moscas a comer excrementos de pássaro. A natureza nunca falha em surpreender-nos e …

Há provas que ligam misteriosa doença que paralisa crianças a vírus raro

Pela primeira vez, foram encontradas provas da associação do Enterovírus D68, um vírus raro até há algum tempo, à Mielite Flácida Aguda, uma doença semelhante à poliomielite que tem afectado centenas de crianças, provocando a …

Antigos egípcios podem ter encurralado milhões de pássaros só para os mumificar

Novas evidências de ADN sugerem que os antigos Egípcios capturavam pássaros selvagens para sacrifícios ritualísticos (e para os poderem mumificar depois). As catacumbas egípcias contêm milhares de pássaros mumificados, especificamente íbis-sagrados (Threskiornis aethiopicus), empilhados uns sobre …

Estudo mostra que sondagens tendenciosas enviesam eleições políticas

Através de experiências práticas, uma investigação recente sugere que as sondagens tendenciosas podem influenciar e enviesar as eleições políticas, até mesmo nas grandes democracias. Enquanto uma eleição se aproxima no Reino Unido e uma votação presidencial …

A Rússia criou a arma mais mortífera da história. Foi há 72 anos

Comummente conhecida por AK-47, a espingarda Kalashnikov foi responsável por milhões de mortes durante a nossa História, sendo uma das armas mais populares do mundo e a mais fabricada pela indústria de armamento. Segundo o The Conversation, …

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …

Hologramas e outras tecnologias podem ajudar a combater incêndios florestais

Portugal continua a ser assombrado pela destruição sem precedentes dos incêndios florestais. Agora é a hora de aproveitar as nossas ferramentas tecnológicas e encontrar maneiras inovadoras de ajudar a aliviar o problema e também evitar …

Pombos estão a perder dedos ou patas por causa da poluição

Basta passar algum tempo na praça de uma cidade para ver que alguns pombos têm patas feridas ou dedos em falta. Embora possamos pensar que isto é causado por algum vírus ou pelos eventuais desentendimentos …