Avião com 133 pessoas a bordo cai no sudoeste da China

Aero Icarus / Flickr

Boeing 737-800 da China Eastern Airlines

Um avião da China Eastern Airlines que viajava entre as cidades chinesas de Kunming e Cantão caiu hoje com 133 pessoas a bordo, informou a televisão estatal CCTV.

O Boeing-737 caiu perto da cidade de Wuzhou, na região de Guangxi, e “causou um incêndio” nas montanhas, informou a CCTV, acrescentando que as equipas de resgate foram enviadas para o local.

Desconhece-se para já se há sobreviventes. As imagens divulgadas nas redes sociais mostram a queda praticamente a pique da aeronave. Outros vídeos mostram também o incêndio causado pelo impacto e destroços do avião.

O voo MU5735 da China Eastern Airlines descolou pouco depois das 13h00 locais (5h00 de Portugal Continental). De acordo com o portal FlightRadar24, o voo deixou de estar visível nos radares pelas 14:22 (6:22 em Lisboa).

Segundo o mesmo site, o avião, com seis anos de idade, terá descido de 29.100 pés (8.870m) para 3.225 pés (980m) em pouco mais de dois minutos. Não há mais registo do 737 depois disso.

O histórico de segurança do setor aéreo da China está entre os melhores do mundo na última década, nota a Reuters. O último acidente fatal na China foi em 2010, quando 44 das 96 pessoas a bordo morreram quando um Embraer E-190 da Henan Airlines caiu na aproximação ao aeroporto de Yichun.

  Daniel Costa, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.