Há autarquias interessadas em substituir os serviços da EDP

Marcello Casal Jr / Agência Brasil

O concurso para a concessão de distribuição de eletricidade só avança em 2019, mas já há autarquias interessadas em substituir os serviços da EDP nas casas das famílias e em pequenas e médias empresas.

De acordo com o Dinheiro Vivo, foram vários os municípios, nomeadamente no norte do país, que manifestaram interesse em fazer a exploração direta da distribuição de eletricidade na rede de baixa tensão, garante o regulador do setor energético.

Cristina Portugal, presidente da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos afirmou na quinta-feira num encontro com jornalistas, que “são os municípios que decidem se querem explorar ou não”. Mas, as autarquias que escolherem esta via “têm de apresentar um estudo económico”, explicou

As autarquias têm o direito histórico sobre as concessões da distribuição de eletricidade em baixa tensão, mas agora, com o fim dos contratos com a EDP, podem escolher entre fazer uma nova concessão, eventualmente com novos operadores, ou assumir a gestão direta da rede.

Caso assumam a gestão direta da rede, deixam de receber rendas anuais e têm de ressarcir a EDP pelos ativos da rede afetos à concessão em causa. Se optarem por concessionar, além das rendas, podem vir a receber um valor adicional da concessionária mas que não pode ser repercutido nas tarifas e nos clientes.

Os prazos das concessões, fixados em 20 anos, têm diferentes datas para terminar, com os últimos a ter termo em 2026.

Regras para novas concessões

A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos propõe 3 modelos de distribuição das concessões pelo território nacional. A proposta apresenta um conjunto de regras para o concurso público que vai ser lançado em 2019.

De acordo com o Dinheiro Vivo, cada concessão deve ter mais de 600 mil clientes (pontos de entrega) para ser economicamente viável, segundo um estudo no qual se baseou o regulador. Além disso, o concurso de atribuição de concessões terá de respeitar a uniformidade tarifária, a coesão territorial e não pode haver aumentos dos custos.

A ERSE consultou a Associação Nacional de Municípios Portugueses antes de lançar a proposta, que estará em consulta pública até 17 de agosto. Será apresentado um primeiro relatório ao governo e à ANMP, a que se seguirá um relatório final, para o concurso avançar durante 2019.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Isto cheira-me a mais exploradores e novas manhas de exploração (mais custos), normalmente a coisa nunca vai para melhor veja-se o caso do tal imposto sobre o combustível que de provisório passou a definitivo.

  2. Mas porque é que os novos interessados teem que continuar a pagar a EDP os ativos?? em Portugal nunca nada funciona pela lei de mercado visto que existem interesses a serem salvaguardados e na energia estes serão de monopólio….

RESPONDER

Cientistas descobrem como a água é regenerada nos asteróides

Uma equipa de cientistas descobriu como as moléculas de água podem ser regeneradas nos asteróides que se deslocam pelo Espaço, num avanço emocionante que pode estender-se a outros corpos como a Lua. A nova investigação, publicada …

Foguete impresso em 3D está quase pronto para a sua primeira missão no Espaço

A Relativity Space é uma empresa que pretende lançar em órbita o primeiro foguete imprimido a 3D. A startup diz que já recolheu o financiamento necessário para a sua primeira missão. Com uma visão inovadora, a …

Casaco e guitarra de Kurt Cobain vão a leilão (e valem milhares de euros)

O casaco que o líder dos Nirvana usou no lendário concerto MTV Unplugged in New York vai ser leiloado, com um preço de venda estimado em 270 mil euros. Uma guitarra de Cobain pode ficar …

"50 sombras" da Idade Média. Páginas censuradas de um livro francês encontradas nos EUA

As páginas de um romance medieval foram descobertas nos arquivos da Diocese de Worcester, no estado norte-americano de Massachusetts.  Investigadores descobriram uma versão perdida de um romance medieval, que contém cenas eróticas. O poema francês - …

A tecnologia usada na Bitcoin também está a ser usada para encontrar o amor

Várias dating apps (aplicações de encontros) estão a recorrer ao blockchain para que os seus utilizadores possam encontrar a cara-metade de uma forma mais segura e transparente. O Tinder é provavelmente a dating app mais usada …

Elon Musk quer enviar passageiros para o Espaço já no próximo ano

O bilionário Elon Musk, também fundador da fabricante de automóveis elétricos Tesla, fez um anúncio surpreendente: quer que pôr passageiros no Espaço já em 2020. “Isto pode soar totalmente louco, mas queremos tentar entrar em órbita …

Cientistas reverteram principal sintoma da esquizofrenia em camundongos

Um medicamento que está atualmente a ser desenvolvido para tratar a leucemia reverteu (em camundongos) um sintoma de esquizofrenia anteriormente intratável: o enfraquecimento da memória de trabalho. A memória de trabalho é um processo cerebral fundamental usado …

Para as criaturas marinhas, as doenças infecciosas são a sentinela da mudança

Uma recente investigação analisou as mudanças nas doenças relatadas em espécies submarinas num período de 44 anos. A conclusão não surpreende: a saúde dos oceanos está a piorar a passos largos. A compreensão das tendências oceânicas …

Solidariedade e ambiente. Nos EUA, já é possível doar as suas peças Lego

Nunca somos demasiado velhos para brincar com peças Lego. No entanto, se estiver a ficar sem espaço para as arrumar e estiver à procura de uma forma de garantir que os seus blocos acabam em …

Eis os primeiros smartphones pensados e fabricados em África

https://vimeo.com/365789486 No Ruanda nasceram os primeiros rebentos do grupo Mara, que anunciou o lançamento dos seus dois primeiros smartphones. São os primeiros a serem totalmente fabricados em África. Estes são os dois primeiros smartphones totalmente fabricados em …