Assunção Cristas defende união entre agricultura e agroindústria para criar riqueza

portugal.gov.pt

A Ministra da Agricultura, Assunção Cristas (foto: d.r. portugal.gov.pt)

A ministra da Agricultura, Assunção Cristas, afirmou hoje, durante a visita a um souto na Serra da Padrela, em Valpaços, que a agricultura deve associar-se à agroindústria para acrescentar valor aos produtos, criar riqueza e emprego.

A transformação de produtos, nomeadamente da castanha, permite, na opinião da governante, criar postos de trabalhos fixos durante o ano, e não apenas sazonais, e atrair “mais” investimentos, sobretudo estrangeiros.

“Dar novas formas aos produtos é muitíssimo positivo e os mercados internacionais agradecem essa vivacidade”, afirmou.

Assunção Cristas considerou que a união entre a agricultura e a agroindústria deve ser, no futuro, a aposta e o caminho a “trilhar”.

Enquanto caminhava pelo souto, acompanhada pelos filhos, a ministra da Agricultura caracterizou a castanha como o “ouro” da região de Trás-os-Montes e lembrou que o setor tem ganho “grande dinamismo e impulso” no país.

Nos últimos dois anos, avançou, a área de soutos plantados duplicou, o que demonstra a sua importância.

E, acrescentou, “os investimentos nacionais e estrangeiros neste setor estão a aumentar, criando postos de trabalho, o que, aqui, é muito importante”.

A governante relembrou que, em 2012, foram exportados 17,5 milhões de euros em castanhas e derivados e canalizados para o setor, no âmbito do programa de desenvolvimento rural, 10 milhões de euros.

Este ano, comentou, a produção da castanha vai aumentar 27%.

Além de castanhas, a ministra da Agricultura recebeu, por parte dos produtores, pedidos de ajuda.

O proprietário do souto, Flávio Batista, relembrou que “nem tudo é bom”.

E, disse, “temos várias dificuldades, por exemplo, os castanheiros estão a ser afetados e a morrer devido a várias doenças, por isso, precisávamos de ajuda, não financeira, mas técnica para as travar”.

O produtor anotou que noutros países, nomeadamente na França, existem já tratamentos para pôr fim a “estas pragas”, pedindo à ministra para copiar este exemplo.

Ao repto, Assunção Cristas garantiu estar “muito atenta”, sobretudo a fenómenos que começam noutros países e atingem Portugal, por isso, vai aumentar a formação e informação no domínio das boas práticas agrícolas.

Depois de apanhar castanhas, a ministra da Agricultura visitou uma unidade de produção, comercialização, transformação e distribuição de frutos secos, frutos vermelhos, produtos transformados e `gourmet, em Vila Pouca de Aguiar.

O administrado da empresa Agroaguiar, Rodrigo Reis, pediu “sensibilidade” ao Governo para pequenos investimentos que, nesta região, “significam muito”.

A fábrica, que exporta 75% da sua produção, está a construir uma nova base logística para armazenar os produtos congelados, num investimento de 1, 5 milhões de euros.

Assunção Cristas garantiu que o próximo programa do Governo terá medidas “concretas” para a agricultura tradicional e das espécies para revitalizar o setor.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Veneno de caracol marinho usado para criar insulina híbrida promissora no tratamento da diabetes

Cientistas criaram uma versão minimalista e híbrida de insulina, a partir da hormona humana e de um caracol marinho, que pode vir a melhorar o tratamento da diabetes, divulgou a universidade norte-americana de Ciências da …

Sequelas da covid-19 em doentes mais graves ainda estão por compreender

O acompanhamento depois da alta para doentes que estiveram internados com covid-19 é um dos grandes desafios do sistema de saúde para compreender que sequelas, por enquanto desconhecidas, a doença poderá deixar. “Só daqui a seis …

Criança nasce com duas bocas nos EUA. É o 35.º caso registado desde 1900

A menina, nascida nos Estados Unidos, foi operada ao seis meses para remover a cavidade oral secundária, que incluía dentes, língua e um lábio. Uma bebé nasceu nos Estados Unidos com duas bocas, devido a uma …

Funcionários do Facebook em "greve virtual" face à recusa de Zuckerberg em agir contra Trump

Os funcionários do Facebook estão insatisfeitos com a decisão do fundador da rede social de manter uma postura neutra perante as recentes publicações do Presidente dos Estados Unidos. De acordo com o jornal The Guardian, os …

Inteligência Artificial recria "verdadeiro" rosto de Napoleão Bonaparte

Recorrendo a uma técnica de Inteligência Artificial, um artista holandês criou um retrato em alta definição do imperador francês Napoleão Bonaparte. O fotógrafo freelancer holandês Bas Uterwijk, cujo pseudónimo é Gandbrood, recorreu a uma rede neuronal …

"Apito" da covid-19. Novo teste deteta novo coronavírus em apenas um minuto

Uma equipa de cientistas da Universidade Ben-Gurion, em Israel, desenvolveu um novo dispositivo que é capaz de detetar a presença do novo coronavírus no organismo humano em apenas um minuto. O novo teste, desenvolvido pelos investigadores …

"We Call it Alentejo". Novo filme promocional destaca as maravilhas alentejanas

A gastronomia e vinhos, as pequenas aldeias, a sustentabilidade e a natureza são atributos do Alentejo evidenciados no mais recente filme promocional do território, lançado pela agência regional de promoção turística para chamar visitantes estrangeiros. Com …

Curandeiro convocou cerca de 100 pessoas para se abraçarem contra a "farsa" da pandemia

Josep Pàmies, um agricultor espanhol defensor das terapias alternativas, convocou cerca de 100 pessoas a abraçarem-se a beijarem-se contra a "farsa" da pandemia. No sábado, cerca de uma centena de pessoas juntaram-se em Balanguer, na província …

Rússia anuncia início de ensaios clínicos de uma vacina contra a covid-19

A Rússia vai começar os ensaios clínicos de uma vacina contra a covid-19 em 50 soldados que se ofereceram para participar nos testes, anunciou esta terça-feira o Ministério da Defesa. "Para verificar a segurança e eficácia …

Montenegro tem uma carta na manga para promover o turismo

Para incentivar o turismo, Montenegro tem a intenção de usar a carta da segurança sanitária para convencer os turistas estrangeiros a visitar o país. No dia 25 de maio, Montenegro declarou-se um "país livre de coronavírus" …