Artistas sul-coreanos e uma banda K-pop foram a Pyongyang actuar para Kim Jong-un

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, e a mulher, Ri Sol-ju, assistiram este domingo ao primeiro espetáculo de artistas sul-coreanos em Pyongyang em mais de uma década, segundo a agência noticiosa sul-coreana Yonhap.

O evento acontece num período de apaziguamento entre as duas Coreias, iniciado nos recentes Jogos Olímpicos de Inverno, após cerca de dois anos de uma escalada devido à realização de testes nucleares e balísticos por parte do regime de Pyongyang.

Cento e vinte artistas sul-coreanos, incluindo a popular girls band K-pop Red Velvet, dançarinos e praticantes de artes marciais, chegaram no sábado à capital do país. O espectáculo, que contou com a presença do líder norte-coreano, Kim Jong-Un, aconteceu este domingo no grande teatro de Pyongyang leste, com capacidade para 1.500 pessoas.

Segundo a imprensa sul-coreana, Kim Jong-Un assistiu ao espectáculo ao lado da mulher, Ri Sol-ju. A imprensa de Seul diz ainda que a irmã mais nova do líder, Kim Yo-jong, e outros altos funcionários norte-coreanos estiveram também presentes.

Kim Jong-un ficou profundamente comovido e de coração inchado ao ver a resposta entusiástica do público norte-coreano, avança a agência de notícias KCNA, citada pela BBC. O líder norte-coreano terá aplaudido e apertado a mão aos artistas sul-coreanos durante o evento, e após o espectáculo terá ficado a tirar fotografias com os músicos.

“Kim Jong-un demonstrou muito interesse, e fez perguntas sobre as músicas e as letras”, afirmou o ministro da Cultura sul-coreano, Do Jong-whan, aos repórteres.

KCNA / YONHAP

Kim Jong-un e o ministro da Cultura sul-coreano cumprimentam artistas sul-coreanos em Pyongyang

Esta postura coincide com a do ministro da Cultura sul-coreano, que lidera a delegação de 190 pessoas – entre as quais responsáveis políticos do país – que viajou para Pyongyang. Do Jong-whan defendeu o regresso a projectos conjuntos e intercâmbios culturais e desportivos entre as duas Coreias para uma coexistência pacífica na região.

Na terça-feira, os sul-coreanos vão juntar-se a artistas norte-coreanos para actuar no complexo desportivo de Ryugyong Jong Ju Yong, que pode receber 12 mil pessoas.

No próximo dia 27 de abril, está previsto um encontro entre o líder norte-coreano, Kim Jong-un, e o recém eleito presidente sul-coreano, Moon Jae-in. Esta será a primeira cimeira entre as duas Coreias em 11 anos.

Para maio é aguardada uma cimeira inédita entre a Coreia do Norte e os Estados Unidos.

Em outro sinal de pacificação, os exercícios militares anuais conjuntos da Coreia do Sul e dos EUA, que começaram hoje e que todos os anos são encarados por Pyongyang como uma manobra de provocação, foram este ano encurtados para um mês.

Este ano, os dois aliados optaram pela não utilização de armas estratégicas, enquanto Kim Jong-un afirmou compreender o compromisso assumido por Seul e Washington para a realização destes exercícios militares.

ZAP // Lusa / Deutsche Welle

PARTILHAR

RESPONDER

John Cleese esgota três coliseus em 48 horas

John Cleese vai estar no Coliseu de Lisboa com “Last Time To See Me Before I Die” durante três dias. O humorista britânico esgotou as três datas em apenas 48 horas. Durante esta madrugada (10), a …

Descoberta no Egito múmia de grande animal semelhante a um leão

O Ministério das Antiguidades egípcio anunciou esta segunda-feira que uma equipa de arqueólogos desenterrou uma múmia de um grande animal incomum, semelhante a um leão ou uma leoa. “É um animal muito estranho, como um gato …

Ex-agentes da DEA revelam detalhes da vida de Escobar na prisão que o próprio construiu

Dois dos agentes do DEA, que durante mais de um ano participaram na operação de captura de Pablo Escobar, revelaram alguns detalhes sobre a vida do narcotraficante e ex-líder do cartel de Medellín na prisão La …

Num jardim zoológico da Austrália, há concertos ao vivo (para entreter os elefantes)

https://vimeo.com/372400002 O jardim zoológico de Melbourne está a desenvolver um programa mundial de músicos para tocar para a sua multigeracional manada de elefantes asiáticos em perigo de extinção para que melhore a ligação entre os seis …

Montijo: ANA pede mais tempo para analisar medidas de mitigação ambiental

A ANA – Aeroportos de Portugal pediu à Agência Portuguesa do Ambiente (APA) uma prorrogação do prazo para analisar as medidas de mitigação propostas pela entidade na Declaração de Impacte Ambiental (DIA) do futuro aeroporto …

Sérgio Conceição ultrapassa número de jogos de José Mourinho

No jogo deste domingo, que o FC Porto acabou por vencer o Boavista com um golo solitário de Alex Telles, Sérgio Conceição cumpriu o seu 128.º jogo como treinador dos dragões - mais uma partida …

Governo australiano acusado de censurar livro sobre história de Timor-Leste

O Ministério dos Negócios Estrangeiros australiano está alegadamente a tentar censurar partes do primeiro de dois volumes da história de operações militares em Timor-Leste, o dedicado à Força Internacional para Timor-Leste (Interfet), segundo revelou a imprensa …

Norte-americanos acordaram com mensagens de texto estranhas nos seus telemóveis

Na passada quinta-feira, uma grande parte da população norte-americana recebeu mensagens estranhas e inexplicáveis, muitas das quais desconfortáveis e até preocupantes. Stephanie Bovee, uma norte-americana de 28 anos de Portland, no oeste dos Estados Unidos, acordou …

Pai que fugiu por 15 países com os dois filhos no ano passado encontrado pela PSP

O pai mudou 15 vezes de país com as crianças desde o verão passado sempre sem o consentimento da mãe e sem que a mãe tivesse qualquer notícia do paradeiro dos filhos, revela a PSP. A …

Daesh está a tentar criar um novo Estado islâmico nas Filipinas

Há dois anos que a bandeira negra do Daesh deixou de esvoaçar no topo de um edifício da cidade de Marawi, em Mindanau, no sul das Filipinas, e o Presidente, Rodrigo Duterte, declarou tê-lo derrotado. …