Arrow diz que não recebeu benefícios fiscais em Portugal

EU Council Eurozone / Flickr

A ministra as Finanças, Maria Luís Albuquerque

A ex-ministra das Finanças, Maria Luís Albuquerque

A Arrow Global, empresa que contratou a ex-ministra Maria Luís Albuquerque como administradora não executiva, garante que não beneficiou de isenção de impostos ou de benefícios fiscais em Portugal.

A empresa decidiu emitir um comunicado, depois de a imprensa ter avançado esta quarta-feira que as empresas Whitestar e Gesphone, detidas pela Arrow no ano passado, receberam cerca de 400 mil euros em benefícios fiscais até 2014.

Segundo a informação disponibilizada pela Autoridade Tributária, as duas tiveram benefícios fiscais num total de 381,7 mil euros entre 2012 e 2014, sendo que a maioria do benefício foi para a Whitestar, num total de 362,5 mil euros.

De acordo com a nota enviada pela empresa, citada pelo DN, a empresa assegura que “não recebeu qualquer tipo de isenção de impostos ou benefícios fiscais em Portugal”, até porque só adquiriu a Whitestar em abril de 2015.

Tudo indica que a empresa não teve benefícios fiscais de forma direta, mas falta saber se o mesmo aconteceu no ano de 2015 relativamente às subsidiárias que entretanto foram adquiridas.

Este é um assunto que os deputados do PCP e Bloco querem ver esclarecido na subcomissão de ética, que está também a avaliar se a atual deputada do PSD cumpre, ou não, o regime das incompatibilidades dos titulares de cargos políticos.

Segundo o Público, uma das questões que os deputados querem ver esclarecidas é se as subsidiárias da empresa receberam, de forma direta ou indireta, apoios financeiros do Estado enquanto Maria Luís esteve no Governo, entre 2011 e 2015.

Em declarações ao mesmo jornal, a bloquista Mariana Mortágua defende que é preciso esclarecer “qual é o papel da Arrow e a sua integração na economia portuguesa” para se perceber a “a gravidade do conflito de interesses”.

A polémica em torno da Arrow Global começou depois da empresa britânica ter contratado a ex-ministra Maria Luís Albuquerque para o cargo de administradora não executiva, sendo conhecido que gere em Portugal uma carteira de crédito de 5,5 mil milhões de euros, com clientes como o Banif, o Millennium BCP, o Santander, o Banco Popular, o Montepio, entre outros.

No mesmo comunicado, o grupo explica porque é que contratou a ex-governante do PSD, referindo que tem uma “vasta experiência e o conhecimento dos mercados financeiros internacionais”.

De acordo com o DN, a empresa garante ainda que “não teve qualquer contacto ou ligação” com Maria Luís durante o Governo de Passos Coelho e que esta “não esteve envolvida em qualquer contrato ou acordo comercial que envolvesse a Arrow Global ou a Whitestar”.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

"Evento raro". Nasceu uma baleia-branca no maior aquário do mundo (e o momento foi gravado)

Whisper, uma baleia-branca de 20 anos, deu à luz uma cria saudável em 17 de maio após uma gravidez de 15 meses, marcando a chegada do mais novo cetáceo do Georgia Aquarium, numa altura em …

Telemóveis são uma ferramenta poderosa contra a desigualdade de género em África

Ao dar às mulheres acesso a informação que, de outra forma, era quase impossível de obter, os telemóveis estão a salvar e a transformar vidas. De acordo com o site IFLScience, o estudo responsável por esta …

Desde março, morreram mais de 100 elefantes no Botsuana. Ninguém sabe porquê

As autoridades do Botsuana estão a investigar a morte de 110 elefantes na região do Delta do Okavango desde março, anunciou esta semana o Ministério do Meio Ambiente, Conservação de Recursos Naturais e Turismo daquele …

Um robô aprendeu a fazer uma omelete. E ficou melhor do que o esperado

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, treinou um robô a preparar uma omelete. Para os investigadores, avaliar se um robô cozinhou uma refeição com sucesso é uma fonte interessante de …

Covid-19 já matou mais no Reino Unido do que os bombardeamentos alemães da II Guerra

A pandemia de covid-19 já matou mais pessoas no Reino Unido do que os bombardeamentos alemães durante a II Guerra Mundial. O novo coronavírus oriundo da China já matou cerca de 50.000 pessoas em território …

Estudo mostra que os cães querem mesmo resgatar os seus donos do perigo

Um novo estudo mostra que os nossos amigos de quatro patas querem realmente salvar-nos em momentos de aflição, mas desde que saibam como o fazer. De acordo com o site Science Alert, os investigadores reuniram 60 cães …

Derek Chauvin foi detido, mas os precedentes mostram que o polícia pode sair impune

Derek Chauvin, o polícia responsável pela morte de George Floyd, foi detido e aguarda a sua primeira audiência. No entanto, há precedentes que sugerem que o agente pode sair impune. Derek Chauvin tem a sua primeira …

Cientistas encontram dois fragmentos do meteorito de Barcelona

Cientistas espanhóis encontraram dois pequenos fragmentos do chamado meteorito de Barcelona, que caiu, há mais de 300 anos, no dia de Natal. No dia 25 de dezembro de 1704, um meteorito rasgou os céus e caiu …

"Pressionaram-me para o denunciar". Higuita recorda amizade com Escobar

A relação de amizade entre René Higuita e Pablo Escobar levou a que o ex-futebolista fosse seguido pelas autoridades. A polícia chegou a pressioná-lo para denunciar Escobar. O antigo internacional colombiano René Higuita é provavelmente uma …

George Floyd. Portugal junta-se às manifestações mundiais contra o racismo

Cinco cidades portuguesas juntam-se hoje à campanha de solidariedade mundial contra o racismo, associando-se à luta pela dignidade humana na sequência da morte, a 25 de maio, do afro-americano George Floyd, sob custódia da polícia …