Arquitecto nova-iorquino mostra como se vive em 7 m2

Há um par de anos, o jovem arquitecto Luke Clark Tyler vivia em Manhattan num pequeno apartamento com pouco mais de 9 m2. Recentemente, decidiu mudar — para um apartamento de 7 m2,  que lhe serve também de escritório.

Luke vive agora em Hell’s Kitchen, no centro de Nova Iorque, num apartamento que mais parece uma caixa de sapatos, onde conseguiu encaixar um sofá, uma cama, uma secretária, um frigorífico, um micro-ondas… e todos os seus pertences.

O arquitecto guarda as roupas, louça, especiarias, alimentos e produtos de limpeza num “enorme” armário embutido. A secretária onde trabalha é o seu escritório, e está apoiada no frigorífico que o transforma numa cozinha.

“Quando o espaço é limitado, um centímetro a mais ou a menos faz a diferença”, diz Luke, ” e quando mais compacto o espaço, mais importantes se tornam as escolhas que fazemos – principalmente no que diz respeito à mobília”.

Luke partilha a casa de banho com outros 3 inquilinos no mesmo piso, que vivem em mini-estúdios semelhantes ao seu.

Como arquitecto freelancer, Luke tem tudo o que precisa para trabalhar em casa – um portátil e uma secretária – e é frequentemente contratado para desenhar fantásticos apartamentos com armários maiores que o seu apartamento de 7 m2.

O arquitecto admite que sente a falta de uma cozinha a sério, mas ser vegetariano ajuda-o a relativizar o problema.

“Alimento-me essencialmente de vegetais e nozes. E consigo cozer ovos no micro-ondas”, diz o arquitecto.

Ocasionalmente, Luke tem visitas. “Há dias tive dois primos cá em casa, eles ficaram na cama, eu puxei as almofadas do sofá para o lado e pronto… foi como sardinhas, mas sobrevivemos”.

Luke adora viver no coração de Nova Iorque, a um passo de tudo – o que lhe permite viver de facto na cidade, e estar em casa apenas para trabalhar e dormir.

“Só estou realmente aqui quando estou a trabalhar”, diz, “quando não estou a a trabalhar, estou lá fora, há mil e uma coisas interessantes para fazer em Manhattan“.

Para Luke, viver em tão poucos centímetros quadrados não é um sacrifício, e adora a renda que paga – “apenas” 800 dólares por mês pelo que chama a sua Mansão na Baixa de Manhattan.

“É muito menos do que me pedem por um quarto partilhado, nesta zona”, diz.

Apesar da vista, mais de 700 euros por mês parece um preço exorbitante para se viver numa caixa de sapatos – excepto se fizermos como a cidade, que nunca dorme.

AJB, ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Federer acusado de manobrar a tabela ATP

Contas da associação de tenistas foram alteradas por causa do coronavírus. Roger Federer está no quinto lugar mas só disputou um torneio ao longo de 2020. Em ano anormal, contas anormais: a tabela oficial da Associação …

Astrónomo do Instituto SETI garante que vamos encontrar extraterrestres até 2036

Seth Shostak, astrónomo e astrofísico do Instituto SETI (Search for Extraterrestrial Intelligence) está convencido de que os humanos vão encontrar uma civilização extraterrestre inteligente até 2036. “O SETI duplica a velocidade aproximadamente a cada dois anos …

Mais leve e elegante. Assim é a nova e-bike que vai chegar às ruas da Europa

A startup Urban Cycles Oy, com sede em Helsínquia, demarcou uma espécie de lacuna no mercado europeu de bicicletas elétricas e por isso quis preenchê-la. O objetivo era produzir uma bicicleta elegante e mais leve. Um …

Incêndio reduz a maior ilha de areia do mundo a metade. É Património da Humanidade

Quase metade de Fraser, a maior ilha de areia do mundo, que se situa no nordeste da Austrália e foi classificada como Património da Humanidade pela UNESCO, foi destruída por um incêndio florestal. O incêndio queimou …

"Toca de bruxaria" permaneceu até agora numa casa do século XVI. Encontrados crânios de cavalo e veneno

Uma casa cheia de objetos ocultos foi recentemente alvo de grande interesse. O espaço estava localizado dentro de numa casa do século XVI no País de Gales, e encontrava-se repleto de objetos ocultos, incluindo crânios …

Em 1843, o primeiro cartão de Natal foi considerado "escandaloso" (agora vai ser leiloado pela Christie)

Um exemplar do primeiro cartão de Natal impresso comercialmente, em 1843, que retratava uma cena da era vitoriana que escandalizou a população, vai ser posto à venda esta sexta-feira e é considerado um item raríssimo. Este …

Marcelo quer alívio de restrições no Natal sem pôr em xeque janeiro

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou esta sexta-feira esperar que a "possível exceção" no Natal ao quadro de restrições para conter a covid-19 "seja bem entendida e bem vivida" e não provoque …

Bill Gates diz que o mundo estará de volta à normalidade já na primavera de 2021

Bill Gates, que desde 2015 tinha vindo a lançar alguns alertas sobre uma possível pandemia, deixou agora uma mensagem de esperança ao dizer que acredita que os EUA irão voltar ao normal na primavera de …

Mais um passo na hegemonia. China constrói aldeia nos Himalaias, em zona também disputada pela Índia e pelo Butão

Novas imagens de satélite mostram que a China construiu uma aldeia nos Himalaias, ao longo de uma fronteira que também é disputada pela Índia e pelo Butão, e que foi palco de um impasse agressivo …

João Félix eleito jogador do mês da liga espanhola. Ronaldo vence prémio em Itália

O português João Félix, do Atlético de Madrid, foi eleito o melhor jogador da Liga espanhola de futebol do mês de novembro. O luso revelou-se uma peça fundamental durante todo o mês e ajudou a equipa …