Descoberto lendário tesouro perdido no século XVI no fundo de rio chinês

Arqueólogos chineses descobriram um tesouro no fundo do rio Min, no centro do país, que suspeitam pertencer a um antigo líder de uma rebelião, cuja frota se afundou durante uma batalha, informou esta sexta-feira a agência oficial Xinhua.

O tesouro inclui mais de 30.000 objetos, entre os quais mais de 10.000 moedas de ouro e prata, assim como joias, peças de porcelana, armas e objetos de uso quotidiano.

Os objetos foram encontrados no fundo do rio Min, um dos maiores rios da província central de Sichuan, e “pertencem ao período médio da dinastia Ming”, assinalou o diretor do Património Cultural de Sichuan, Gao Delun, citado pela Xinhua.

Os especialistas que anunciaram a descoberta afirmam tratar-se de objetos que pertenciam ao famoso Zhang Xianzhong (1606-1647), antigo líder de uma revolta camponesa contra o império dos Ming, cuja frota foi derrotada e afundada naquele rio, quando tentava fugir com mais de mil embarcações.

A lenda conta que Zhang, que chegou a conquistar Sichuan e a proclamar-se rei daquela região, tentava fugir com as suas riquezas para o sul da China, mas foi travado pelo exército real, que afundou a sua frota em 1646.

A descoberta parece confirmar aquela lenda.

O tesouro poderá ser maior do que o reportado até agora, já que os responsáveis pelas escavações só examinaram cerca de 2% do terreno onde foram encontrados os objetos.

As escavações no local tiveram início em fevereiro, depois de em outubro do ano passado a polícia de Sichuan ter desmantelado uma operação de tráfico ilegal de relíquias na região de Jingkou.

Segundo o jornal local Global Times, a operação levou à detenção decorreu durante dois anos, envolveu a investigação de 328 casos e levou à detenção de 77 pessoas.

A grande quantidade de artefactos, jóias e peças de ouro traficadas na região nos últimos meses provavam, segundo o jornal, que a lenda de Zhang Xianzhong era verdadeira – e que alguém já teria encontrado o local onde o tempo guardava o seu tesouro.

ZAP // Lusa

RESPONDER

Marcelo "está atento", pede consequências e usará todos os poderes contra fragilidade do Estado

O Presidente da República advertiu esta terça-feira que usará todos os seus poderes contra a fragilidade do Estado que considerou existir face aos incêndios que mataram mais de 100 pessoas, e defendeu que se justifica …

#MeToo: a hashtag que está a mostrar a magnitude do assédio sexual

Mais de 200 mil pessoas já partilharam a hashtag "Me too" ("eu também" em inglês) para mostrar a magnitude do assédio sexual, um problema que tem feito correr muita tinta nos últimos dias devido às …

Leipzig vs Porto | Dragões sem asas para os alemães

FC Porto somou a sua segunda derrota nesta edição da Liga dos Campeões, ao perder, por 3-2, na deslocação ao terreno do Leipzig, com todos os golos a serem apontados na primeira parte. A equipa …

Falha de segurança ameaça redes Wi-Fi de todo o mundo

Uma falha descoberta no protocolo WPA2 coloca as redes Wi-Fi em perigo. O "ataque KRACKS" pode roubar informação como palavras-chave e números de cartões de crédito.  A mais recente ameaça tecnológica dá pelo nome de "ataque …

CDS-PP avança com moção de censura ao Governo

A presidente do CDS-PP anunciou, esta terça-feira, que o partido vai apresentar uma moção de censura ao Governo em resultado dos incêndios e devido à falha em "cumprir a função mais básica do Estado: proteger …

Cristiano Ronaldo rejeita acordo com fisco espanhol e volta a defender Jorge Mendes

Os advogados de Cristiano Ronaldo defendem que a atribuição ao jogador de uma fraude fiscal no valor 14,7 milhões de euros é "inconsistente" e sem fundamento. O jornal espanhol El Mundo avança a notícia depois de …

Forças da Síria anunciam conquista de Raqa, antiga capital do Daesh

As Forças da Síria Democrática (FSD), uma aliança armada liderada por milícias curdas, anunciaram esta terça-feira que controlam totalmente a cidade de Al Raqa, mas sem confirmar o fim da presença do grupo extremista autodenominado …

Ministério da Saúde falseou tempos de espera nos hospitais

O Ministério da Saúde apagou pedidos antigos para falsear os tempos de espera no Serviço Nacional de Saúde (SNS). A conclusão é de uma auditoria realizada pelo Tribunal de Contas. De acordo com esta análise, divulgada …

Linha da EDP causou incêndio de Pedrógão Grande (e um segundo fogo nunca foi registado)

Um novo relatório, encomendado pelo Governo, conclui que o grande incêndio de Pedrógão Grande começou por causa de uma linha de média tensão da EDP que terá entrado em contacto com a vegetação. Essa circunstância …

Governo e sindicatos dos enfermeiros chegam a acordo

O Ministério da Saúde chegou, esta segunda-feira, a acordo com as estruturas sindicais representantes dos enfermeiros, anunciou o Governo em comunicado. "Após um período longo de negociações árduas com as estruturas sindicais, o Governo está em …