Nova tecnologia militar aquece as mãos em temperaturas negativas sem luvas

Mallory Roussel/USARIEM

Cientistas do exército norte-americano criaram uma tecnologia capaz de aquecer as mãos dos soldados em baixas temperaturas sem serem necessárias luvas.

Se completar uma tarefa do dia-a-dia com luvas pode revelar-se complicado, imagine-se tentar recarregar uma arma com um par de luvas nas mãos. Como tal, o Instituto de Investigação de Medicina Ambiental do Exército dos Estados Unidos (USARIEM) criou uma tecnologia capaz de aquecer as mãos dos soldados em temperaturas negativas, sem recorrer a luvas.

As luvas tendem a ser uma maneira prática e eficaz de aquecer as mãos em baixas temperaturas, mas reduzem significativamente a destreza dos movimentos. Sem as luvas, o frio tem um efeito semelhante, para além de ser extremamente incomodativo. A solução foi agora encontrada pelo exército norte-americano.

“Quem já tentou fazer alguma coisas com as mãos e os dedos no frio sabe que é difícil fazer isso ao usar luvas, porque isso diminui a destreza de 50 a 80%“, explica o principal investigador do projeto, John Castellani, em declarações à Popular Mechanichs.

A inovação, conhecida como “Dispositivo de Destreza para Aquecimento Pessoal”, promete ter importantes aplicações militares em ambientes com baixas temperaturas. A tecnologia aquece os antebraços para aumentar a circulação sanguínea nos dedos.

Castellani está desde 1995 a trabalhar, conjuntamente com a sua equipa, para encontrar soluções para o exército norte-americano em condições climáticas adversas. O investigador explica que, para além de reduzir a destreza, o frio pode fazer com que os soldados percam força, poder, mobilidade e circulação sanguínea.

A solução passa por colocar dispositivos de aquecimento nos antebraços e no rosto. Em experiências realizadas pela equipa, os soldados foram colocados com a tecnologia num ambiente a 0ºC. Normalmente, os dedos estão a uma temperatura a rondar os 10ºC, mas com a ajuda dos dispositivos, aumentou cerca de três graus.

O número mágico que gostaríamos de atingir é de 15ºC, que é um ponto de mudança na temperatura da pele dos dedos”, disse Castellani. “Mas o nosso aumento de três graus melhorou a destreza em cerca de 50%, o que é um bom começo”, acrescentou.

Apesar de durante os testes a cara também ter sido aquecida, o produto final apenas vai aquecer os antebraços. Ainda será preciso um par de anos até que este dispositivo comece a ser utilizado pelo exército, mas Castellani espera que, posteriormente, seja lançada uma versão comercial para civis.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Gigante americana Walmart retira (temporariamente) armas e munições das prateleiras

A gigante de distribuição norte-americana Walmart decidiu retirar temporariamente armas e munições das prateleiras das suas lojas, anunciou na quinta-feira um porta-voz da cadeia. A medida preventiva foi tomada a cinco dias de uma eleição presidencial …

BE afasta para já estado de emergência e defende requisição civil na saúde

A coordenadora do BE afastou para já a necessidade de um novo estado de emergência e defendeu que o Governo utilize toda a capacidade instalada na saúde, se necessário recorrendo à requisição civil dos setores …

Sismo de magnitude 7 abala Turquia e Grécia e provoca mini-tsunami. Pelo menos 4 pessoas morreram

Quatro pessoas morreram no oeste da Turquia, depois de um forte terramoto de magnitude 7 atingir o Mar Egeu na tarde desta sexta-feira. O abalo derrubou edifícios em áreas costeiras e fez pelo menos 120 …

EDP desiste de processo contra o Estado, mas vai levar tarifa social a Bruxelas

A EDP desistiu da litigância judicial com o Estado sobre a contribuição extraordinária sobre o setor energético (CESE), mas vai pedir à Comissão Europeia uma análise sobre o mecanismo de financiamento da tarifa social a …

"Fora com os pretos". Universidades e escolas de Lisboa vandalizadas com mensagens racistas

Várias universidades e escolas secundárias da região de Lisboa foram vandalizadas com mensagens de teor racista e xenófobo. "Viva a Europa Branca" ou "Fora com os pretos" são algumas das frases escritas. Várias pessoas denunciaram esta …

Preços das casas não baixam porque há Fundos a comprar tudo

Apesar de estarmos em plena crise pandémica, os preços das casas não têm sofrido uma baixa significativa. Uma realidade que se pode explicar pelo interesse de alguns Fundos na aquisição de imóveis, com a perspectiva …

Infetados, mortes e internamentos. Portugal bate recordes diários de covid-19

Portugal bateu o recorde diário de infeções, mortes e internamentos de doentes com covid-19. Registam-se mais 4.656 casos positivos, 40 óbitos e 1.834 pacientes internados. Nas últimas 24 horas, Portugal registou mais 4.656 casos positivos e …

CSD tem a "chave" da geringonça açoriana (mas ainda não sabe de que lado vai ficar)

Os Presidentes do PSD e do PS já se reuniram com o líder regional do CDS, Artur Lima. O dilema é entre suportar um executivo PS ou integrar uma coligação à direita. A decisão dos …

Professores "desenrolam" queixas em frente do parlamento (e pedem saída do ministro)

Dirigentes da Federação Nacional dos Professores (Fenprof) colocaram esta quinta-feira grandes faixas com reivindicações junto da Assembleia da República e criticaram o ministro da Educação, que tem que “ir embora”. “Quem não sabe ter uma atitude …

Iniciativa Liberal quer retirar "carga ideológica" da Constituição

A Iniciativa Liberal vai apresentar um projeto de revisão constitucional com uma primeira parte dedicada a retirar "carga ideológica à Constituição", clarificando, por exemplo, que serviços públicos de saúde e educação podem ser prestados pelo …