Apoiantes de Erdogan furiosos com anúncio da “La Casa de Papel”

(dr) Antena 3

Série espanhola La Casa de Papel

Vários apoiantes do Presidente turco consideram que o anúncio gravado em Istambul, para publicitar a segunda temporada da famosa série, poderá incitar os jovens a um “segundo Gezi”, revolta de 2003 contra o Governo.

Segundo o Expresso, a propósito do lançamento da segunda temporada do recente fenómeno “La Casa de Papel”, a Netflix decidiu passar um anúncio rodado em Istambul que não foi visto com bons olhos pelos apoiantes do Presidente turco.

No anúncio em questão, veem-se vários atores vestidos com fatos encarnados e com a cara tapada com máscaras, tal como na série espanhola produzida pela Antena 3, a passear pela cidade turca ao som de “Bella Ciao”, uma importante música da trama.

“Desde a música aos slogans, das roupas aos cenários, cada fotograma inclui mensagens subliminares. Isto tem de ser investigado”, escreveu Ömer Turan, comentador da cadeia Akit TV, no Twitter, citado pelo semanário.

“Vocês podem achar normal que eles se encontrem em Kadıköy, o símbolo da oposição a Erdogan, mas eu não acho que seja normal”, explica o apoiante do Governo, citado pelo Observador.

De acordo com o jornal, Turan considera que o anúncio para publicitar a série transmitida no Netflix incita os jovens turcos a um “segundo Gezi”, a revolta que, em 2003, ameaçou o Governo de Erdogan. “É melhor ser paranoico do que ficar sem Estado”, afirmou ainda.

O ex-presidente da Câmara de Ancara, Nelih Gökçek, também usou a mesma rede social para mostrar que a intervenção da polícia e dos serviços secretos é necessária  porque a série está a tornar-se um “símbolo de rebeldia” muito perigoso.

Na série criada por Álex Pina, que nos últimos tempos se tornou um fenómeno mundial, um grupo de oito assaltantes, com nomes de cidades, toma de assalto a Casa Nacional da Moeda espanhola e faz reféns durante vários dias, enquanto o cérebro da operação, o “Professor”, comanda as operações a partir do exterior.

A série está a ter tanto sucesso que há até quem se deixe influenciar pelo enredo na hora de cometer um verdadeiro crime. Na semana passada, um grupo de dez criminosos, em Santiago do Chile, tentaram assaltar um multibanco vestidos com macacões vermelhos.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Bruno de Carvalho suspeito de tirar meio milhão de euros ao Sporting

Duas avultadas transferências de dinheiro, que saíram do Sporting a 24 de junho, estão sob suspeita. Estão em causa cerca de meio milhão de euros que terão sido pagos a duas construtoras. Não se sabe exatamente …

Bombeiros não informaram Proteção Civil de 50% das ocorrências

O corte de relações entre os bombeiros voluntários e a Proteção Civil está a fazer-se sentir. Os bombeiros não informaram a Proteção Civil de 50% das ocorrências no país. A Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) …

Funcionários públicos que continuem no ativo depois dos 70 não vão perder dinheiro

Os trabalhadores da Função Pública com mais de 70 anos que queiram continuar a trabalhar e, que para isso tenham a autorização do Estado, vão passar a receber, além do salário a que têm direito, …

Viagens podem obrigar deputados a entregar novas declarações de rendimentos

Os deputados podem ter de alterar as declarações de rendimentos para incluírem o reembolso das despesas de transporte como “rendimentos do trabalho”. A notícia foi avançada esta manhã pelo Diário de Notícias e surge depois de, …

Portugal já não deve ao FMI. Pagamento antecipado poupa 100 milhões de euros

O ministro das Finanças, Mário Centeno, anunciou que Portugal concretiza esta segunda-feira o pagamento do total da dívida ao Fundo Monetário Internacional (FMI), com a liquidação de 4,7 mil milhões de euros. Numa conferência de imprensa …

37% dos portugueses rezam diariamente. Somos o 9º país mais religioso da Europa

Portugal é um dos países mais religiosos da Europa, ocupando a nona posição, à frente de Itália (13.º) e de Espanha (16.º), com 44% da população a afirmar a sua crença absoluta em Deus. Estes dados …

Rui Rio acusa Governo de discriminação salarial

O presidente do PSD, Rui Rio, disse esta segunda-feira não compreender a proposta do Governo, que determina um salário mínimo diferente para o público e para o privado, defendendo que não deve haver discriminações. "Não compreendo. …

China e EUA discutem calendário de negociações para acabar com guerra comercial

O breve comunicado de Pequim indica que foi discutido "o calendário das próximas consultas económicas e comerciais", sem precisar, no entanto, onde e quando terão lugar. Negociadores chineses e norte-americanos discutiram por telefone um calendário de …

Sindicatos voltam ao Ministério das Finanças para discutir aumentos salariais

Os aumentos salariais na função Pública são esta terça-feira de novo discutidos entre as estruturas sindicais do sector e a secretária de Estado da Administração Pública, Maria de Fátima Fonseca. A Frente Comum de Sindicatos da …

Brexit. Juncker garante que "não há qualquer espaço" para renegociação

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, garantiu esta terça-feira no Parlamento Europeu que o texto do acordo de saída do Reino Unido da União Europeia (UE) não vai ser renegociado. "Estou espantado, porque chegámos a …