Antigo professor condenado a prisão perpétua por genocídio no Ruanda

Gil Serpereau / Flickr

Genocídio no Ruanda, 1994

O Supremo Tribunal do Ruanda condenou o professor Emmanuel Mbarushimana a prisão perpétua por crimes de genocídio em 1994, nos quais morreram pelo menos 800 mil pessoas em cem dias.

Emmanuel Mbarushimana foi considerado culpado de cumplicidade, conspiração, homicídio e extermínio, sendo acusado de ter estabelecido controlos numa estrada numa província do atual distrito de Gisagara onde foram mortos centenas de tutsis e onde Mbarushimana era então inspetor escolar.

O tribunal também considerou que foi um dos líderes que organizou e executou um ataque aos tutsis nas colinas Kibuye no sudoeste do Ruanda.

Mbarushimana foi extraditado pela Dinamarca em 2014 para ser julgado pelo sistema judicial do Ruanda, tendo apelado ao Tribunal Europeu dos Direitos Humanos, alegando que não teria um julgamento justo no seu país.

O conflito do Ruanda eclodiu a 6 de abril de 1994 após o assassinato do então presidente Juvénal Habyarimana, que morreu após o avião em que viajava ter sido abatido. Contudo, o conflito entre o Presidente e os rebeldes da Frente Patriótica do Ruanda vinha de trás.

Após a morte de Juvénal Habyarimana seguiu-se um massacre que levou ao massacre de mais de 800 mil tutsis e hutus moderados em pouco mais de três meses, com os rebeldes tutsis da Frente Patriótica a serem acusados do genocídio.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

CDS critica PS por obrigar portugueses a pagar "buraco" da TAP para servir apenas Lisboa

O CDS está "chocado" por a TAP ir abandonar as quatro rotas que opera no Aeroporto Francisco Sá Carneiro e critica o PS por obrigar portugueses a pagar "buraco" da TAP para servir apenas Lisboa. O …

Contratos de associação dos colégios privados. Ministério da Educação vence todos os 55 processos judiciais

Em todos os 55 processos judiciais que os colégios privados moveram contra o Ministério da Educação em 2016, na sequência da polémica dos contratos de associação, todas as 55 decisões foram favoráveis ao Governo. O jornal …

Famílias numerosas podem pedir desconto no IVA da luz a partir de março

As famílias com cinco ou mais elementos só poderão usufruir da redução do IVA da eletricidade a partir de 1 de março e terão de o requerer junto do seu fornecedor, segundo uma portaria esta …

Vacina da gripe disponível para mais grupos. Farmácias temem não ter stock suficiente

A vacina da gripe está, a partir desta segunda-feira, disponível para mais grupos populacionais com o início da segunda fase da campanha, que estende a vacinação a pessoas com 65 ou mais anos e pessoas …

Franceses em protesto para homenagear professor decapitado. Autoridades procuram radicais islâmicos

Milhares de pessoas reuniram-se no domingo no centro de Paris numa demonstração de repúdio pela decapitação do professor que mostrou aos seus alunos desenhos do Profeta Maomé. Os manifestantes da Praça da República ergueram cartazes onde …

Proud Boys acreditam na vitória de Trump: "Vamos Ganhar". Voto antecipado começa hoje na Florida

O líder do grupo Proud Boys disse à Lusa, durante uma manifestação em Miami, que Donald Trump vai vencer as eleições presidenciais norte-americanas, e rejeitou a acusação de que é dirigente de uma organização extremista. …

Projeto desenvolve testes rápidos de baixo custo para detetar imunidade

Um consórcio de universidades e uma empresa querem desenvolver "testes rápidos e de baixo custo" para detetar a resposta imunitária ao vírus SARS-CoV-2. O projecto TecniCov, que "obteve um financiamento de 450 mil euros da Agência …

"Medo constante". Human Rights Watch denuncia tortura na Coreia do Norte

Uma organização não-governamental denunciou esta segunda-feira que o sistema norte-coreano de detenção pré-julgamento e de investigação é cruel e arbitrário, com ex-detidos a descreverem tortura sistemática, corrupção e trabalhos forçados não-remunerado. No relatório de 88 páginas, …

"Cibermáfia". Rede de criminosos "lavou" milhões de euros em Bancos portugueses

Uma rede de criminosos com origem na Europa de Leste montou um esquema de lavagem de dinheiro roubado em ataques informáticos através de Bancos de países como Portugal. Esta "cibermáfia", como é apelidada pelo Jornal de …

Diplomatas chineses e taiwaneses entram em confronto físico nas ilhas Fiji

Diplomatas da China e funcionários do Governo de Taiwan entraram em confronto físico durante uma receção nas ilhas Fiji, que marcou o dia nacional de Taiwan, ilustrando a crescente tensão entre Pequim e Taipé. A luta …