Ano novo, aumentos novos: o que muda em 2017

Este ano o tabaco, as bebidas açucaradas, as portagens, as rendas e o IMI vão estar mais caros.

Já costuma ser um clássico. A 1 de janeiro há sempre um aumento de preço em produtos ou serviços.

A começar pelo tabaco que, em 2017, vai ter um aumento de 10 cêntimos por maço, mas só a partir de fevereiro. Até lá ainda há stocks ao preço do ano anterior. Por outro lado, os cigarros eletrónicos vão ser mais baratos: o preço desce para metade (30 cêntimos por mililitro de líquido com nicotina).

Juntam-se à equipa dos aumentos as bebidas açucaradas. Graças ao novo imposto, uma garrafa de 1,5 litros pode ficar 30 cêntimos mais cara. Só para comparar, o Imposto sobre Bebidas Alcoólicas que incide sobre as cervejas aumenta apenas cerca de 3%.

Na estrada, o aumento vai fazer-se notar nas portagens. O Governo garante que apenas um quinto das portagens sofre alterações. No entanto, na A1, uma viagem Lisboa-Porto vai custar mais 35 cêntimos e viajar na A2 entre a capital e o Algarve mais 25 cêntimos. As pontes Vasco da Gama e 25 de Abril também sofrem aumentos nas portagens, entre 5 e 15 cêntimos.

Além disso, o Imposto sobre Veículos sofre um aumento de 3,2% em 2017 e o Imposto Único de Circulação também vai subir 0,8%.

Se deixa o carro na garagem e prefere os transportes públicos, saiba que isso também poderá ficar mais caro em 2017. Os passes intermodais aumentam, em média, 1,5%, mas será possível deduzir a totalidade do IVA na compra destes títulos no IRS.

No setor da habitação, alerta no valor do IMI para quem tiver uma casa com Valor Patrimonial Tributário entre os 600 mil e um milhão de euros, uma vez que será aplicada uma taxa de 0,7%. Quem tiver uma casa com um VPT acima de um milhão de euros terá em 2017 uma sobretaxa de 1%.

Por último, as rendas de casa aumentam 0,54% e a eletricidade para quem está no mercado regulado irá subir 1,2%. Só o gás, para quem está no mesmo mercado, escapa ao aumento em janeiro. Mas isso porque as tarifas são atualizadas em julho.

ZAP // Move

PARTILHAR

RESPONDER

Reabertura de ATL adiada para 15 de junho. Creches arrancam segunda-feira (sem apoios para os pais)

As Atividades de Tempos Livres (ATL) não integradas em estabelecimentos escolares só poderão voltar a funcionar a partir de 15 de junho, duas semanas depois daquilo que estava inicialmente previsto. O anúncio foi feito pelo primeiro-ministro, …

Governo britânico vai continuar a pagar 80% dos salários durante mais três meses

O Governo britânico vai continuar a pagar durante mais três meses 80% do salário de trabalhadores em lay-off devido à pandemia de covid-19, e reduzir gradualmente o valor até ao fim do sistema, em outubro. O …

Resgate à TAP deverá ser feito através de empréstimo obrigacionista

A ajuda do Estado à TAP deverá chegar através de um empréstimo obrigacionista convertível em ações, avança o jornal Expresso neste sábado. Este é o cenário mais provável para a TAP, apurou o semanário, que …

Lisboa pode receber a final deste ano da Liga dos Campeões

Istambul não está agradada com a ideia de receber a final da Liga dos Campeões sem adeptos no estádio. Por isso, outras hipóteses estão a ser consideradas, nomeadamente Lisboa. A final da Liga dos Campeões está …

Há mesmo algo de reconfortante quando dizemos palavrões

Um novo estudo sugere que, nas circunstâncias certas, dizer palavrões em voz alta parece fazer as pessoas sentirem menos dor. Exatamente como e porque é que o ato de dizer asneiras consegue fazer com que as …

"Paraministro" de Costa. Gestor independente chamado para negociar plano económico de retoma

O primeiro-ministro, António Costa, convidou o diretor executivo da petrolífera Partex, António Costa Silva, para estudar o plano de recuperação económica. De acordo com o semanário Expresso, que avança a notícia na sua edição deste …

Termina o dever cívico de confinamento

O Conselho de Ministros aprovou esta sexta-feira o fim do “dever cívico de recolhimento”, que entrará em vigor na próxima segunda-feira, prevê a resolução que prolongou a situação de calamidade até 14 de junho. A situação …

"Ratos" de musgo espalham-se pelos glaciares do Ártico (e intrigam cientistas)

A presença de estranhas bolas de musgos nos ecossistemas de glaciares tem atraído a atenção da comunidade científica. Estas estranhas criatura proliferam no Ártico, mas também em regiões da Islândia e América do Sul. Especialistas de …

Há 29 países que podem visitar a Grécia a partir de 15 de junho. Portugal ficou de fora

A partir de 15 de junho, cidadãos oriundos de 29 países poderão visitar a Grécia, revelou esta sexta-feira o Governo helénico, dando conta que a lista elaborada teve em conta a situação epidemiológica de cada …

Portugal Continental não vai ter quarentena para turistas

O primeiro-ministro, António Costa, garantiu esta sexta-feira que Portugal continental não vai aplicar normas de quarentena para quem vier de fora do país. No final de um Conselho de Ministros de quase oito horas, que se …