Matemático amador resolveu (parcialmente) um problema com mais de 60 anos

O biólogo profissional e matemático amador Aubrey de Grey surpreendeu o mundo da matemática ao resolver parcialmente um enigma de longa data.

Aubrey de Grey fez história ao dar o primeiro passo significativo na resolução de um enigma de longa data, que tem deixado qualquer matemático perplexo há mais de 60 anos.

O enigma, o conhecido problema Hadwiger-Nelson, surgiu quando Edward Nelson e Hugo Hadwiger se questionaram sobre o menor número de cores necessário para colorir todos os vértices de um grafo, sem que dois vértices surgissem unidos e pintados da mesma cor.

Ou seja: imagine que tem um grafo, um grupo de vértices ligados por arestas. Essas arestas têm o mesmo comprimento e tudo está dentro do mesmo plano. Se tivesse de colorir todos os vértices de forma a que dois pontos ligados não tivessem a mesma cor, qual seria o menor número de cores que iria precisar?

Simplificando, a pergunta que permanecia sem resposta era: se cada um desses pontos (ou vértices) fossem coloridos, de quantas cores diferentes iríamos precisar para que dois pontos unidos não partilhassem a mesma matiz?

Esta pergunta é tão simples quanto o problema de Hadwiger-Nelson, mas resolver o enigma não é uma tarefa nada fácil – especialmente quando a questão contempla teoricamente um número infinito de vértices.

Formulado de forma abrangente pelo matemático Edward Nelson, em 1950, o problema nunca foi definitivamente resolvido, mas não por falta de tentativa. Logo após a primeira pergunta, os matemáticos descobriram que exigiria não menos do que quatro cores, mas não precisaria de mais do que sete.

Durante décadas, houve um progresso mínimo na tentativa de diminuir essa margem, até este mês – altura em que De Grey enviou a sua nova solução para o arXiv.org. Mas o amador, que só recorre à matemática nos seus tempos livres e por diversão, não é apenas conhecido pela mais recente solução.

De Grey é conhecido por ser um estudioso da longevidade, que sustenta que os processos de envelhecimento humano podem realmente ser revertidos. Além disso, lidera uma fundação de pesquisa que se dedica a investigar como é que a medicina regenerativa pode curar “doenças relacionadas à idade”.

Foi durante as suas férias de Natal que Aubrey de Grey se conseguiu dedicar um pouco mais à matemática e colocar de lado a suposição que os matemáticos haviam feito (e em que tinham acreditado) durante décadas.

(dr) De Grey

Grafo com 1.581 vértices de Aubrey de Grey

De Grey demonstrou que um grafo com 1.581 vértices requer, pelo menos, cinco cores diferentes – e não quatro, como se pensava até então. Mas como é que o amador conseguiu chegar a esta solução?

O biólogo e matemático “brincou” com o grafo de Moser, composto por sete vértices e onze arestas, e chegou à conclusão de que um compósito de 20.425 pontos exigia mais do que quatro cores.

Assim, De Grey simplificou o seu grafo de cinco cores para 1.581 vértices e, partilhando o seu trabalho, convidou outros matemáticos a juntar-se naquela difícil resolução, de forma a encontrar grafos com menos vértices que requerem, pelo menos, cinco cores.

Foram vários os matemáticos que participaram neste desafio. Atualmente, o novo registo parece ser de 826 vértices. No entanto, como há um interesse acrescido pelo problema de Hadwiger-Nelson e pelas cores que não se podem tocar, não há forma de saber que rumo irá tomar a resolução do enigma.

Por seu turno, De Grey, o estudioso que pensa que irá viver até aos mil anos de idade, é bastante humilde em relação à sua contribuição. “Tive uma sorte extraordinária”, disse.

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. ZAP, por favor corrijam o artigo: neste contexto, a tradução em Português de “graph” é “grafo” (termo técnico da matemática e ciência de computadores), e não “gráfico”.

  2. Não é gráfico mas sim grafo. Graph em matemática é um objecto (um par de dois conjuntos, mais exactamente: um conjunto de vértices e um conjunto de arestas, que são pares de vértices e representam as ligações entre estes). Graph também tem um uso mais popular que é o de gráfico, melhor traduzido em inglês por chart. O problema é o da coloração de um grafo, e os pontos chamam-se vértices (ou nós) e as ligações entres vértices são arestas (ou arcos).

RESPONDER

Já se sabe onde se vão sentar os novos partidos no Parlamento

A deputada do Livre vai sentar-se entre PCP e PS, o deputado da Iniciativa Liberal entre PSD e CDS-PP e o deputado do Chega o mais à direita, todos na segunda fila. A conferência de líderes …

Rota do Cabo: Funcionária emitiu 15 mil números de contribuinte fraudulentos em três anos

Funcionários das Finanças, da Segurança Social, do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras e advogados estão entre os principais suspeitos desta rede criminosa de auxílio à imigração ilegal. A Polícia Judiciária (PJ) desmantelou, esta terça-feira, uma organização …

"É desonesto eu pagar". Paulo Maló revoltado por causa das dívidas do império que criou

O empresário e médico dentista Paulo Maló, fundador do grupo Malo Clinic, está revoltado com a possibilidade de ter que responder financeiramente no âmbito das dívidas de 70 milhões de euros que a empresa acumulou. O …

Sismo de magnitude 6.7 atinge as Filipinas

Um terramoto de magnitude 6.7 atingiu as Filipinas, a 69 quilómetros da cidade de Davao, avança a agência Reuters. De acordo com o Serviço de Prevenção de Tsunamis do Pacífico, não é esperado um tsunami …

Web Summit: Câmara de Lisboa terá que pagar mais 4,7 milhões de euros para assegurar edição deste ano

A Câmara de Lisboa vai discutir na quinta-feira alterações ao acordo para a realização da Web Summit, entre as quais o pagamento de mais 4,7 milhões de euros e o adiamento da expansão da Feira …

Business Insider: "Lisboa foi feita para o Instagram"

"Lisboa é cool." Hillary Hoffower, jornalista do Business Insider, apaixonou-se e descreveu a capital portuguesa num artigo em que diz entender porque é que Lisboa se tornou no "destino mais popular entre millenials em 2019". Hillary …

Bolsonaro prestes a deixar PSL. Partido da IURD na corrida para o receber

Em rota de colisão com o seu atual partido, o Partido Social Liberal (PSL), o Presidente brasileiro Jair Bolsonaro equaciona romper e já recebeu cinco convites de partidos de pequeno e médio porte, admitiu a …

Antigo ministro Pedro Mota Soares assume liderança da Apritel

O ex-ministro e ex-deputado do CDS foi o escolhido para liderar a Apritel, a associação que representa as principais operadoras de telecomunicações, como a Meo, a Nos e a Vodafone. O novo secretário-geral da associação …

E depois de Cristas? CDS atira congresso de sucessão para 2020

A direção nacional do partido vai propor que o Congresso, que decidirá a liderança do CDS, seja apenas em janeiro, apesar de Assunção Cristas ter manifestado vontade de que fosse ainda este ano. O CDS-PP reúne …

Hong Kong. Deputados pró-democracia forçam Carrie Lam a discursar à porta fechada

A chefe do Executivo de Hong Kong foi esta quarta-feira obrigada a discursar à porta fechada, depois ter sido impedida de falar no parlamento por deputados pró-democracia, que exibiram cartazes e projetaram um vídeo. O discurso …