Alemanha paga propinas de refugiados em Portugal

Medvedev / Wikimedia

A chanceler alemã, Angela Merkel

A chanceler alemã, Angela Merkel

O plano que Costa propôs a Merkel de receber dois mil estudantes refugiados nas universidades nacionais pode ficar mais barato para Portugal: as propinas dos estudantes deverão ser suportadas pelo Estado alemão.

O Diário Económico avança que o Governo já está a preparar o protocolo com a Alemanha para que dois mil estudantes refugiados terminem os cursos em universidades e politécnicos portugueses.

Atualmente, 150 refugiados sírios estudam em Portugal, através da plataforma que foi lançada em 2013 pelo antigo Presidente Jorge Sampaio.

O Económico apurou que os estudantes serão admitidos nas instituições de forma faseada e vão ter uma propina ao nível da que é paga pelos estudantes internacionais. A taxa cobrada a estudantes internacionais nas universidades públicas portuguesas é mais elevada do que a que é paga pelos estudantes nacionais, chegando em muitos casos aos sete mil euros anuais.

As duas mil vagas resultam de um levantamento pedido pela tutela junto das instituições, mas o acordo está ainda numa fase embrionária e a tutela ainda não se reuniu com as instituições de Ensino Superior para acertar detalhes.

Cada um dos politécnicos e universidades “manifestou disponibilidade ou não para receber os alunos e quantos poderiam acolher”, explicou ao Diário Económico Joaquim Mourato, do Conselho Coordenador dos Politécnicos (CCISP).

Os lugares disponíveis para os refugiados vão fazer parte de um contingente especial, ou seja, não fazem parte do número de vagas disponíveis no concurso nacional de acesso ao Ensino Superior, para os quais se candidatam os alunos nacionais.

A distribuição das vagas entre as instituições e entre os cursos também ainda não está definida. “É uma disponibilização genérica das instituições e de Portugal e tudo ainda tem de ser trabalhado com detalhe”, afirmou António Cunha, presidente do Conselho de Reitores (CRUP), ao Económico. O reitor garante que as instituições têm “capacidade para absorver” estes alunos, que estão numa “situação especial”.

O problema, prevê o presidente do CRUP, “será o quadro de integração” destes estudantes, que será “um desafio interessante” para as universidades, não se sabendo ainda quem vai acompanhar estes estudantes e onde serão alojados estes alunos.

No entanto, num contexto de contenção orçamental, que põe as universidades e politécnicos em dificuldades financeiras, estes alunos vão permitir uma captação de receitas com um “valor significativo”, refere António Cunha.

O acordo foi anunciado esta sexta-feira por António Costa durante uma visita a Berlim, onde anunciou que Portugal está “empenhado” e “disponível” para “colaborar e ajudar a Alemanha” numa altura de forte pressão interna à chanceler alemã, Angela Merkel devido à política de portas abertas aos refugiados.

Além dos dois mil estudantes refugiados no Ensino Superior, Portugal vai acolher mais mil alunos nas escolas profissionais, revelou o ministro-adjunto, Eduardo Cabrita.

ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. mais um prego para o caixão dos jovens portugueses que se estavam a aventurar a Emigrar para terem uma vida melhor, dado que o nosso país não tem capacidade para receber os nosso jovens que se licenciam em Portugal.
    Que polticas são estas, não se deveria primeiro tentar satisfazer os jovens europeus que não encontram emprego no espaço comunitário e assim sim, depois vamos lá tentar ajudar os Migrantes,
    Estamos a dar o que não temos, nós os Europeus. Podem chamar a isto um discurso xenófabo que não tenho problemas em o assumir se assim o entenderem…..

RESPONDER

Cientista descobre espécie extinta de ganso através de uma pintura egípcia

Uma famosa pintura que estava originalmente no túmulo do príncipe egípcio Nefermaat levou um cientista a descobrir uma espécie de ganso já extinta. A cena "gansos de Meidum", originalmente pintada no túmulo do príncipe Nefermaat, encontra-se …

Físico cria algoritmo de IA que pode provar que a realidade é uma simulação

Hong Qin, do Laboratório de Física de Plasma de Princeton (PPPL) do Departamento de Energia dos EUA, criou um algoritmo de Inteligência Artificial que pode provar que a realidade é, na verdade, uma simulação. O algoritmo …

Quase 10 anos depois, avião de Gaddafi continua parado num aeródromo em França

Quase uma década depois de ter aterrado em solo francês, o avião presidencial do ex-ditador líbio continua parado num aeródromo no sul do país, estando no meio de vários processos judiciais que parecem não ter …

Governo recebeu 1.600 ideias para a bazuca. Costa agradece mobilização

Durante a fase de discussão pública, o Plano de Recuperação e Resiliência recebeu mais de 1.600 contribuições e mais de 65 mil consultas. O primeiro-ministro António Costa disse que, durante a fase de discussão pública, …

"Honjok" é o nome do movimento sul-coreano que reivindica a solidão

A solidão tornou-se um tema recorrente devido à pandemia de covid-19. Na Coreia do Sul, existe um movimento chamado "honjok", que promove um estilo de vida solitário. O isolamento imposto pela pandemia de covid-19 está a …

Do subsolo sírio à nomeação ao Óscar: hospitais em tempos de guerra numa "era de impunidade"

The Cave é o nome de uma produção que esteve nomeada para o Óscar de Melhor Documentário de 2020. É também o lugar onde hospitais sírios se escondem para salvar vidas longe de bombardeamentos e …

Patrícia Mamona sagra-se campeã no triplo salto em pista coberta

Esta tarde, Patrícia Mamona tornou-se a terceira atleta portuguesa a garantir a medalha de ouro para Portugal no Campeonato da Europa em pista coberta. A portuguesa Patrícia Mamona conquistou, este domingo, a medalha de ouro na …

Dias de aulas mais longos, férias mais curtas e cinco períodos. Em Inglaterra, já se equacionam formas de recuperar o tempo perdido

Há três medidas em cima de mesa que podem vir a ser adotadas para combater os atrasos na aprendizagem dos alunos. Na Inglaterra, as escolas reabrem para aulas presenciais esta segunda-feira, mas já se pensa …

Índia abre centro de bem-estar para hóspedes abraçarem vacas e "esquecerem todos os problemas"

Animais de conforto e apoio emocional são cada vez mais populares em todo o mundo. Embora a maioria das pessoas use cães ou gatos, há também algumas escolhas mais bizarras, incluindo pavões, macacos e cobras. Os …

Abel Ferreira tentou levar jogador do Benfica para o Palmeiras

O treinador português Abel Ferreira, no comando técnico dos brasileiros do Palmeiras, pediu a contratação de Franco Cervi, que alinha pelo Benfica, mas acabou por ver a sua proposta recusada pelo jogador argentino. A notícia …