Ainda há esperança de que Maëlys “conte” o que aconteceu

As buscas pelos restos mortais de Maëlys de Araújo terminaram, com a “quase totalidade do esqueleto” encontrada. Os investigadores forenses têm agora, pela frente, a árdua tarefa de “fazer falar” as ossadas da criança assassinada.

Enquanto os investigadores do caso esperam as explicações de Nordahl Lelandais, que alegou ter morto a menina de forma involuntária, os cientistas forenses vão começar a analisar os vestígios do corpo de Maëlys, na tentativa de encontrarem pistas sobre as circunstâncias do crime.

As autoridades afirmaram ter descoberto a “quase totalidade do esqueleto” da criança, incluindo o crânio, e também “roupas e um sapato”, numa ravina de uma montanha de Chailles, perto de Pont-de-Beauvoisin, no leste de França.

Estes vestígios vão, agora, ser passados a pente fino e, apesar de terem passado seis meses desde a morte da criança, o que terá levado à degradação dos ossos, ainda há esperança de que revelem dados sobre as causas da morte, destaca a Europe 1.

O coronel Charles Agostini, médico legista no Instituto de Pesquisa Criminal da polícia francesa, admite na France 3 que “inúmeras provas médico-legais” já desapareceram, mas sublinha que o esqueleto “ainda pode fornecer informações” úteis para o caso.

Assim, os investigadores vão começar por tentar datar a morte de Maëlys através das amostras recuperadas no local onde o esqueleto estava enterrado, analisando nomeadamente eventuais insectos detectados.

A investigação passa também por tentar encontrar elementos de prova microscópicos nas ossadas e por procurar substâncias toxicológicas.

O objectivo é “recuperar todos os elementos” e “estudar o seu posicionamento”, como explica o coronel Patrick Touron, que dirige a equipa criminal de investigação forense que vai analisar o esqueleto, ao site 20 Minutes.

O médico legista será “acompanhado de um antropólogo” que vai “examinar o conjunto das ossadas e procurar se há sinais de contusões particulares, de cortes que possam significar uma lesão com uma faca ou com uma arma”, explica o coronel Touron.

Também “é preciso assegurar que se trata mesmo da vítima“, constata o investigador, frisando que serão igualmente realizadas análises de ADN. A terra no local onde o esqueleto foi encontrado vai ser peneirada para tentar encontrar, por exemplo, “a presença de um projéctil”, como explica a France 3.

Aquilo que será impossível de determinar é se Maëlys foi vítima de abusos sexuais. Só Nordahl Lelandais o poderá confirmar e não é certo que o homem venha a contar toda a verdade sobre o caso.

O objectivo dos investigadores é recolher novas revelações científicas que forcem o assassino confesso a assumir aquilo que verdadeiramente aconteceu.

SV, ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. A pequena envergava o uniforme de Portugal. Nem quero pensar que o motivo tenha sido ódio futebolístico…
    A polícia francesa é muito branda no tratamento dos carrascos e distraída quanto às vítimas. Esperemos que este assassino não saia de pena leve por falta de provas.
    Em Portugal, “talvez” apanhasse 20 anos e daqui por 10, estaria na rua a escolher nova vítima.

  2. Prisão perpétua é no mínimo o que deveria ser aplicado a estes monstro e a todos como ele a começar aqui pelo nosso país onde um bandido pode matar uma centena de pessoas e paga apenas por uma, isto é simplesmente incrível como incrível é que os senhores deputados se entretenham em discussões infantis e ignorem por completo os verdadeiros problemas da sociedade.

RESPONDER

Áustria corrige Trump. Os seus cidadãos não vivem em florestas

O Governo austríaco decidiu corrigir a afirmação do Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que afirmou que as pessoas naquele país europeu vivem em "cidades da floresta". Trump referiu recentemente a Áustria e outros países europeu …

UE em rota de colisão com a Polónia. Em causa estão os crimes de ódio

A relação entre a União Europeia e a Polónia está cada vez mais comprometida. As duas partes têm chocado no que toca à discussão dos crimes de ódio. No seu primeiro discurso sobre o estado de …

Leixões nega ter colocado adeptos na bancada a ver um jogo

Episódio aconteceu numa partida de voleibol em Gondomar. Presidente garante que jovens pertencem aos órgãos sociais do clube, Federação não confirma a identidade à entrada. A Supertaça de voleibol começou, no Grupo B, com o duelo …

Ventura quer ser Sá Carneiro do século XXI e ter juventude partidária

O presidente do Chega vai apresentar-se este fim de semana em Évora para a II Convenção Nacional do partido populista de direita como “o principal continuador em Portugal” de Sá Carneiro, o falecido líder fundador …

Alemanha tem provas materiais de que Maddie está morta

As autoridades alemãs têm provas materiais de que Madeleine McCann está morta, garante o porta-voz da Procuradoria de Braunschweig, Hans Christian Wolters, à RTP. Apenas está por provar o envolvimento de Christian Brueckner no homicídio …

BE quer que direito das grávidas a acompanhante seja respeitado

O Bloco de Esquerda (BE) quer que as normas da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre gravidez e parto no âmbito da covid-19 sejam revistas para que o direito das mulheres grávidas a estarem acompanhadas seja …

Proposta do PCP para passar Novo Banco para esfera pública foi chumbada

A recomendação ao Governo proposta pelo PCP para reverter da venda do Novo Banco, transferindo-o para a esfera pública, foi hoje chumbada no parlamento com os votos contra de PS, PSD, CDS-PP, PAN, Iniciativa Liberal …

Trump ataca voto por correspondência. Resultados podem não ser "determinados de forma precisa"

O Presidente dos EUA, Donald Trump, reforçou na quinta-feira no Twitter os ataques ao voto por correspondência nas eleições de novembro, ao que a rede social reagiu ligando duas das suas mensagens a informação verificada …

Quatro candidatos disputarão sucessão de Santana no Aliança

O novo líder do Aliança, que sucederá ao fundador do partido, Pedro Santana Lopes, vai ser escolhido entre quatro candidatos no próximo congresso nacional, agendado para 26 e 27 de setembro em Torres Vedras. Segundo noticiou esta …

Recomendação do PS para tarifa social de Internet sem oposição (mas partidos querem mais)

A recomendação do PS ao Governo para que crie uma tarifa social de acesso à Internet não mereceu esta quinta-feira oposição de nenhuma bancada, mas foram vários os partidos que defenderam a necessidade de “ir …