/

Família real do Dubai diz que princesa Latifa “está em casa e em segurança”

BBC

Latifa Mohamed

Segundo a família real do Dubai, a princesa Latifa está em casa. O comunicado, sem vídeo ou declarações da princesa, desmente o relato de várias testemunhas.

Pelo menos é o que garante a família real do Dubai, na informação divulgada esta quarta-feira, sem vídeo ou declarações da princesa Latifa Bint Mohammed al-Maktoum, desaparecida desde março deste ano.

A filha do emir do Dubai e primeiro-ministro dos Emirados Árabes, Mohammed bin Rashid al-Maktoum, não é vista em público há cerca de 9 meses e os amigos dizem não saber do seu paradeiro. Segundo várias pessoas, Latifa planeou a sua fuga durante 7 anos, mas já estava em alto mar num iate quando foi travada pelas autoridades do país.

O desaparecimento da princesa foi sempre um mistério. No entanto, sabe-se que a princesa tentou fugir da alçada do regime controlado pelo pai e que, quando as autoridades se aperceberam da situação, entraram em ação, capturando o iate em que seguia. Mas desde aí que não se conhecia qualquer outra informação.

Esta quarta-feira, no dia em que a princesa celebrava 33 anos, a família emitiu um comunicado a desmentir tudo. A divulgação da informação aconteceu um dia após a BBC revelar que iria transmitir um documentário intitulado “Escape from Dubai: The mystery of the missing princess” com entrevistas exclusivas a pessoas envolvidas no plano de fuga.

Segundo o Observador, o Sheikh Mohammed bin Rashid al-Maktoum garante, no comunicado, que a princesa está em casa e “em segurança”.

“Latifa e a sua família estão ansiosos para comemorar seu aniversário hoje [quarta-feira], em privacidade e paz, para construir um futuro feliz e estável”, lê-se no comunicado, citado pelo The Guardian.

A irmã mais velha de Latifa também não é vista em público desde 2000, após uma tentativa de fuga fracassada. O comunicado faz também referência a Shamsa, garantindo que ambas são “adoradas e estimadas pela família”.

Esta não é, contudo, a primeira tentativa de fuga de Latifa. A princesa, com 16 anos, tentou fugir, mas o plano saiu também furado, acabando por ser apanhada pelas autoridades do Dubai, afirmando ter sido espancada e torturada durante três anos. Foi por este motivo que planeou a sua segunda fuga tão meticulosamente, durante sete anos.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.