ADSE vai verificar rendimentos de beneficiários familiares

Os requisitos de inscrição e manutenção dos beneficiários familiares na ADSE vão ser passados a pente fino. A medida consta do Decreto-lei de execução orçamental, publicado esta terça-feira.

A ADSE quer controlar de forma automática os rendimentos dos beneficiários que são familiares dos funcionários públicos e aposentados do Estado, de forma a reduzir as fraudes e a utilização indevida do sistema de assistência na doença.

Para isso, a ADSE irá celebrar nos próximos 30 dias um protocolo com o Instituto de Segurança Social e com a Agência de Modernização Administrativa.

Atualmente, para que um familiar de um funcionário público possa beneficiar da ADSE, não pode estar inscrito em outros regimes de proteção social, ou seja, só os familiares sem registo de remunerações ou pensões podem inscrever-se no subsistema de saúde dos atuais e antigos trabalhadores do Estado, explica o Diário de Notícias.

A medida, prevista no Decreto-lei de execução orçamental, publicado esta terça feira (e que entra hoje em vigor), define que estes requisitos sejam verificados de forma minuciosa.

Assim, no prazo de 30 dias, a ADSE, o Instituto de Segurança Social e a Agência da Modernização Administrativa deverão celebrar o protocolo que vai estabelecer os procedimentos necessários para que possa ser feita uma análise mais cuidada.

Uma das alterações previstas é que o sistema passe a verifica as faturas que “lhe são apresentadas para pagamento de cuidados de saúde prestados aos seus beneficiários quer em regime livre, quer em regime convencionado, no sistemas de e-fatura, junto da Autoridade Tributária e Aduaneira”. Este cruzamento irá permitir controlar se as despesas são mesmo efetuadas pelos beneficiários que as apresentam.

Além disso, o protocolo também deverá permitir à ADSE ter acesso a informação sobre “rendimentos, registo de remunerações, pensões do regime contributivo ou prestações sociais” dos beneficiários dos familiares.

A medida surge em resposta a uma recomendação do Conselho Geral de Supervisão da ADSE que tem alertado para a necessidade de reforçar a sustentabilidade financeira do subsistema, que conta com mais de 17 mil beneficiários diretos a que se juntam quase 3.500 familiares.

Através do decreto, o Governo define ainda que a partir desta quarta-feira os beneficiários do sistema a quem sejam pedidos documentos para justificar despesas tenham um prazo para fazer, que passa a ser de 60 dias.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Acabaram as teorias: franceses revelam como Hitler morreu em 1945

O ditador nazi Adolf Hitler definitivamente morreu em 1945, em Berlim, ao tomar cianeto e ser atingido por uma bala, de acordo com investigadores franceses que tiveram acesso a fragmentos dos dentes do ditador em …

Cientistas alertam para epidemia incurável que pode alastrar na Terra em breve

Um fungo resistente aos medicamentos pode em breve vir a provocar uma epidemia devastadora para os humanos, animais e plantas. A informação é de um estudo realizado pelos cientistas do Imperial College London e da Universidade …

Objeto descoberto no sistema solar indica existência do Planeta Nove

Os astrónomos especulam há alguns anos que um nono planeta pode orbitar o nosso astro-rei a uma grande distância, na fronteira do sistema solar. Embora não tenhamos encontrado evidências diretas desse planeta ainda, mais uma …

Cão-robô que inspirou episódio de Black Mirror chega ao mercado em 2019

Algumas das tecnologias que acompanhamos na série Black Mirror podem estar muito perto de se tornar realidade. É o exemplo do cão-robô, que chega ao mercado já no próximo ano. De todas as tecnologias que surgem …

Onde está o centro do universo?

Se olharmos para o céu noturno, vemos estrelas em todas as direções. Parece que somos o centro do cosmos, mas será que somos mesmo? E se não formos, onde é o centro universo? Na realidade, o …

Sobrevivente de Holocausto regressou ao campo de concentração de onde foi libertada

Pouco depois da libertação do campo de concentração de Bergen-Belsen, em abril de 1945, Hetty Verolme, de 15 anos, deu uma entrevista à BBC. 70 anos depois voltou a fazê-lo. Hoje, 70 anos depois, Hetty voltou …

Provável causa de ovário policístico finalmente é descoberta e a cura está a caminho

A causa mais comum da infertilidade feminina é a síndrome do ovário policístico, que pode ser causada por um desequilíbrio hormonal que acontece enquanto os fetos femininos se desenvolvem na barriga das mães, mas a …

Jesus quer Jamor verde, 30 notáveis pedem pacto de sangue

O técnico Jorge Jesus pediu hoje aos adeptos do Sporting que no domingo "pintem de verde" o Jamor e que se "foquem na paixão" pelo clube. "A força do Sporting é a massa associativa. Gostava que …

O exercício físico não trava o avanço da demência

Exercícios físicos para pessoas com sintomas de demência leve ou moderada "não funcionam", de acordo com estudo publicado na revista académica British Medical Journal. Os cientistas queriam testar sugestões, feitas por estudos anteriores, de que exercícios …

Afinal, comer pão ao pequeno-almoço pode ajudar a emagrecer

Um pequeno-almoço rico em energia, com uma boa e apetitosa torrada, traz benefícios para a saúde e engorda menos do que consumir uma fatia idêntica à noite. É a conclusão de um estudo científico feito …