Cientistas encontram provas de estranha ligação entre açúcar e demência

Os especialistas analisaram o conteúdo do açúcar no sangue em mais de 5 mil pessoas e o declínio cognitivo no cérebro humano num período de 10 anos.

Uma equipa de cientistas da China e do Reino Unido descobriu que a Diabetes tipo 2 e um nível elevado de açúcar no sangue estão associados a transtornos cognitivos, segundo um estudo publicado a semana passada na revista Diabetologia.

De acordo com as conclusões do estudo, pessoas com níveis elevados de açúcar no sangue, mesmo que não tenham diabetes, tendem a registar um declínio cognitivo a longo prazo mais acentuado do que pessoas saudáveis.

Na investigação participaram mais de 5 mil pessoas com mais de 50 anos. Os especialistas analisaram a quantidade de açúcar no sangue de pessoas com desordens cognitivas, tendo em conta o nível de colesterol, sexo, peso, doenças crónicas, maus hábitos, estado civil e outras características durante um período de 10 anos.

Os cientistas notaram uma deterioração significativa da memória, assim como da função executiva e cognitiva do cérebro.

Descobriram, além disso, que quanto maior é o nível de hemoglobina glucosilada, que reflete o conteúdo médio do açúcar no organismo humano, maior é a velocidade de deterioração do cérebro.

A principal conclusão a tirar, sustenta Wuxiang Xie, autora principal do estudo e investigadora do Imperial College de Londres, é que “controlar o nível de açúcar no sangue pode prevenir ou atenuar a deterioração do cérebro humano“.

Apesar de este estudo poder ter encontrado as primeiras provas conclusivas, não é a primeira vez que o açúcar e a diabetes são associados ao declínio cognitivo.

Pesquisas anteriores já tinham estabelecido uma ligação entre as duas condições: a diabetes tipo 2 é um fator de risco para a doença de Alzheimer. Um estudo de 2013 tinha também concluído que o excesso de açúcar no sangue provoca problemas de memória, e uma pesquisa 2015 tinha permitido concluir que a diabetes provoca declínio cognitivo.

Em contrapartida, esta estranha ligação não traz apenas más notícias. No início deste ano, um estudo realizado por uma equipa internacional de cientistas concluiu que um medicamento contra a diabetes pode reverter a perda de memória causada pelo Alzheimer.

ZAP // EurekAlert

PARTILHAR

RESPONDER

Alverca 2-0 Sporting | Leões desinspirados afastados da Taça pelo Alverca

O Alverca surpreendeu hoje o Sporting com uma vitória por 2-0, na terceira eliminatória da Taça de Portugal, tornando-se no primeiro grande «tomba-gigantes» da competição ao afastar o atual detentor do troféu. Alex Apolinário, aos 10 …

A Barbie também arrenda casa no Airbnb

A boneca mais famosa do mundo celebra 60 anos. Agora, a empresa que produz a Barbie, a Matel, tornou a boneca uma anfitriã no Airbnb e vai arrendar uma mansão à beira-mar em Malibu, na …

Os primeiros bebés podem nascer no Espaço daqui a 12 anos

A empresa SpaceBorn United pretende realizar missões espaciais entre 24 e 36 horas para que algumas mulheres dêem à luz em órbita dentro de 12 anos. A notícia é avançada pelo fundador e CEO da empresa, …

Japão importou cinco vírus mortais, incluindo Ebola, por causa de Tóquio 2020

Com os Jogos Olímpicos à porta, um laboratório japonês decidiu importar cinco vírus mortais, nomeadamente Ebola, para fazer frente a um eventual surto durante a competição que vai levar ao país mais de 600 mil …

Empresa anónima quer os direitos do seu rosto para construir robôs (e paga 115 mil euros)

Uma empresa privada anónima está a oferecer 115 mil euros pelos direitos de usar o seu rosto numa nova linha de robôs humanóides. A empresa quer usar a imagem para dar uma cara a um robô …

Empresa está a vender vinho (com flocos de ouro) para celebrar o Brexit

Quando o Reino Unido abandonar a União Europeia, uma saída programada para 31 de outubro, é provável que as pessoas celebrem com um vinho especial com flocos de ouro. Para aqueles que querem celebrar a saída …

Neandertais ocuparam ilhas do Mediterrâneo dezenas de milhares de anos antes do que se pensava

Cientistas descobriram provas de que a ilha de Naxos, na Grécia, já era habitada por neandertais há 200.000 anos, dezenas de milhares de anos antes do que se pensava até agora. Um estudo publicado esta quinta-feira …

Testes "bárbaros" em macacos levam ativistas a pedir encerramento de laboratório alemão

Durante meses, um ativista pelos direitos dos animais trabalhou no Laboratório de Farmacologia e Toxicologia (LPT, na sigla inglesa), em Hamburgo, na Alemanha, onde testemunhou situações de violência contra os animais utilizados em testes e …

Próxima cimeira do G7 vai ser num resort de Donald Trump

A próxima cimeira do G7 será realizada num dos clubes de golfe do Presidente norte-americano, Donald Trump, na Florida, e o clima não constará da agenda de trabalhos, disse esta quinta-feira o chefe de gabinete …

Russos e ucranianos estão em guerra por causa de sopa

A sopa de beterraba é russa ou ucraniana? Um tweet do Ministério dos Negócios Estrangeiros da Federação Russa veio falar em prato nacional e a reação na Ucrânia não tardou a chegar. O tweet é de …