A longo prazo a dieta vegetariana causa mudanças genéticas de risco nas populações

Investigadores da Universidade de Cornell, nos EUA, encontraram provas de uma variação genética em populações com um histórico de dieta baseada em vegetais, que pode explicar o aumento de doenças crónicas que se tem verificado em alguns países em desenvolvimento.

Este alelo divergente parece ter-se desenvolvido ao longo de centenas de gerações, permitindo que os vegetarianos processassem mais eficientemente os ácidos gordos ômega-3 e ômega-6.

Tal permite que estes ácidos sejam processados de forma mais eficiente e convertidos em compostos que favorecem o desenvolvimento do cérebro.

Segundo o estudo, as populações Inuit da Groenlândia, cujas dietas são baseadas principalmente em peixe, não têm os mesmos blocos de construção de DNA que as comunidades maioritariamente vegetarianas.

O alelo vegetariano tem uma sequência de 22 bases de DNA dentro do gene, que foi eliminada do alelo da dieta marinha, sugerindo que ao longo de gerações os nossos corpos se adaptam ao tipo de alimentos que comemos.

“Na história da evolução humana, quando os povos migram para ambientes diferentes, às vezes comem uma dieta baseada em vegetais e às vezes comem uma dieta à base de animais marinhos”, explica Kaixiong Ye, um dos autores do estudo, à Science Alert.

“Ao longo do tempo, estes alelos diferentes tornara-se adaptativos”, acrescenta o investigador.

O estudo

O estudo foi baseado numa amostra de 234 índios e 311 norte-americanos vegetarianos. O alelo vegetariano foi encontrado em 68% dos índios, mas apenas se encontrava presente em 18% dos norte-americanos.

A equipe também usou dados recolhidos do Projecto 1000 Genoma, que cobre vários milhares de indivíduos, e constatou que o mesmo alelo vegetariano estava presente em 70% dos sul-asiáticos, 53% dos africanos, 29% dos leste-asiáticos, e 17% dos europeus.

Molecular Biology And Evolution

Frequência do alelo adaptativo vegetariano na população

Frequência do alelo adaptativo vegetariano na população

Em cada caso, a variação genética é mais comum em áreas com dietas de preferência tradicionalmente vegetarianas.

Isso significa que, o genoma de um indivíduo não muda quando a sua dieta muda, mas ao longo de gerações, se uma região dá preferência à dieta vegetariana, o DNA das pessoas ali nascidas pode ser diferente do de outras regiões.

“Uma implicação do nosso estudo é que podemos usar essa informação genética para tentar adequar a nossa dieta ao nosso DNA – a chamada nutrição personalizada”, sugere Ye.

Mas pode haver efeitos colaterais indesejáveis.

alelo vegetariano ajuda as pessoas a metabolizar mais rapidamente os ácidos gordo dentro do organismo, o que está associado a um aumento do risco da criação de ácidos inflamatórios ligadas a doenças cardíacas e a cancro de cólon – especialmente em combinação com óleos vegetais.

“As mudanças na dieta podem contribuir para o aumento de doenças crónicas que se tem registado em alguns países em desenvolvimento”, explica Tom Brenna, outro dos autores do estudo, ao Telegraph.

A mensagem para os vegetarianos é simples: prefira sempre os óleos vegetais com baixo teor de ácido linoleico ómega-6, como o azeite”.

Os resultados do estudo foram publicados na revista Molecular Biology and Evolution.

ZAP / HypeScience

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. O título não reflecte absolutamente nada o conteúdo, basicamente é um chorrilho de disparates. O artigo refere que as populações evolvem geneticamente em função da dieta predominante e que os europeus e americanos têm menos frequente um alelo (ou gene, para facilitar a compreensão) que dá vantagem numa dieta vegetariana. Não é nenhum bicho papão e não é nada que ponha em causa a dieta vegetariana. Quanto muito este estudo poderia servir de incentivo para os europeus e americanos aderirem a longo prazo a dietas vegetarianas, de forma a também desenvolverem o alelo protector nas suas populações. E enquanto não o têm, os vegetarianos devem preferir consumir óleos de melhor qualidade de ácidos gordos como o azeite. Uau, preocupante.

RESPONDER

Governador do Rio de Janeiro acusado de fraude com hospitais de campanha

O Ministério Público brasileiro indicou ter reunido provas de que o governador do Rio de Janeiro comandou uma organização que defraudou a construção de hospitais de campanha, no âmbito do combate à covid-19. De acordo com …

Centeno já cativou mais de 1025 milhões de euros no Orçamento de 2020

As cativações no Orçamento do Estado (OE) para 2020 ascendem a 1025,5 milhões de euros, revelou o boletim da Direção-Geral do Orçamento relativo a abril, montante inferior ao do OE 2019. Segundo avançou o Expresso esta …

Supremo Tribunal anula presidência parlamentar de Juan Guaidó

Esta terça-feira, o Supremo Tribunal de Justiça da Venezuela reconheceu como presidente do parlamento Luís Parra, um dissidente da oposição. O Supremo Tribunal de Justiça da Venezuela (STJ) declarou nula a junta de direção da Assembleia …

Há 285 novos casos de covid-19. São quase todos na Grande Lisboa

A região de Lisboa continua a registar o maior número de novos casos de covid-19 registados no país. A Direcção Geral de Saúde (DGS) anuncia hoje 31.292 infectados com o coronavírus, mais 285 do que …

Com bens arrestados e a filha a pagar contas, é quase impossível cobrar multa de 3,7 milhões a Ricardo Salgado

O Tribunal Constitucional confirmou a multa de 3,7 milhões de euros que foi aplicada pelo Banco de Portugal ao banqueiro Ricardo Salgado, mas é quase impossível cobrar esse valor. O ex-presidente do BES tem os …

França suspende tratamentos com hidroxicloroquina

O Governo francês decidiu esta quarta-feira suspender os tratamentos à base de hidroxicloroquina para pacientes infetados com a covid-19. O Executivo revogou o decreto de 11 de maio que autorizava a prescrição e a administração …

Decisão unânime. Deputados vão pedir para ver contrato de venda do Novo Banco (e para ouvir Carlos Costa)

Os deputados da comissão de orçamento e Finanças aprovaram esta quarta-feira por unanimidade o requerimento do Bloco de Esquerda para que seja entregue ao parlamento o contrato de venda do Novo Banco ao Lone Star. Segundo …

Portugal poderá receber 26,3 mil milhões de Bruxelas. 15,5 mil milhões a fundo perdido

Portugal poderá receber 26,3 mil milhões de euros em subvenções e empréstimos no âmbito do Fundo de Recuperação da União Europeia (UE), após a crise da covid-19, que ascende a um total de 750 mil …

"Taxa covid" cobrada por clínicas e hospitais privados não é ilegal (e pode alastrar ao comércio)

Aumentaram, nos últimos dias, as queixas à DECO, a Associação de Defesa do Consumidor, relacionadas com o pagamento de taxas adicionais no acesso a hospitais e clínicas privadas. Taxas que se destinam a pagar os …

O Banif deixou de ser um banco em 2015, mas continua sem haver relatório obrigatório por lei

Os credores aguardam há quatro anos e meio que seja divulgado o relatório que diga qual a percentagem de recuperação a que têm direito por lei. A 20 de dezembro, completaram-se quatro anos desde que o …