890 migrantes morreram no Mediterrâneo nos últimos dez dias

(dv) Marina Militare

-

A sucessão de naufrágios no Mediterrâneo nos últimos dez dias matou 890 migrantes, disse hoje a Federação Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho.

Os naufrágios de embarcações abarrotadas de homens, mulheres e crianças multiplicaram-se nas últimas semanas na costa sul europeia, nesta passagem entre norte de África e Itália e, mais recentemente, até à ilha grega de Creta.

“Estamos num período de dor e vergonha. Dor pelas mães, pais e filhos que morreram, e vergonha porque tudo se passa aos olhos da Europa”, lamentou o secretário-geral da FICR, Elhadj As Sy.

No total, 1.086 pessoas desapareceram ou afogaram-se nas águas do Mediterrâneo só no mês de maio, o que, contudo, não dissuade as pessoas de todos os dias centenas de pessoas tentarem fazer esta perigosa travessia.

“Uma vez mais, peço aos governos que ofereçam rotas seguras às pessoas que procuram refúgio. As soluções para esta crise exigem que compartilhemos o nosso humanismo”, disse Elhadj As Sy.

(dv) Marina Militare

Migrantes resgatados de um naufrágio no Mediterrâneo pela Marinha Militar italiana

Migrantes resgatados de um naufrágio no Mediterrâneo pela Marinha Militar italiana

O último naufrágio ocorreu na sexta-feira com um bote que transportava 700 pessoas e que se afundou nas costas da Grécia.

Pelo menos 340 pessoas foram resgatadas, mas centenas continuam por encontrar pelas equipas da Cruz Vermelha da Grécia, que faz parte da FICR.

Na véspera, os socorristas da Cruz Vermelha da Líbia passaram o dia a recolher corpos que foram arrastados pelo mar até à praia da cidade de Zuwarah. No total foram 117 corpos, dos quais 81 eram de mulheres e crianças.

As equipas continuam a fazer esforços para resgatar os corpos dos mortos de modo a serem sepultados de forma condigna, enquanto as delegações da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho dos países afetados pela tragédia continuam a fornecer alimentos e serviços médicos aos sobreviventes.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas reverteram principal sintoma da esquizofrenia em camundongos

Um medicamento que está atualmente a ser desenvolvido para tratar a leucemia reverteu (em camundongos) um sintoma de esquizofrenia anteriormente intratável: o enfraquecimento da memória de trabalho. A memória de trabalho é um processo cerebral fundamental usado …

Para as criaturas marinhas, as doenças infecciosas são a sentinela da mudança

Uma recente investigação analisou as mudanças nas doenças relatadas em espécies submarinas num período de 44 anos. A conclusão não surpreende: a saúde dos oceanos está a piorar a passos largos. A compreensão das tendências oceânicas …

Solidariedade e ambiente. Nos EUA, já é possível doar as suas peças Lego

Nunca somos demasiado velhos para brincar com peças Lego. No entanto, se estiver a ficar sem espaço para as arrumar e estiver à procura de uma forma de garantir que os seus blocos acabam em …

Eis os primeiros smartphones pensados e fabricados em África

https://vimeo.com/365789486 No Ruanda nasceram os primeiros rebentos do grupo Mara, que anunciou o lançamento dos seus dois primeiros smartphones. São os primeiros a serem totalmente fabricados em África. Estes são os dois primeiros smartphones totalmente fabricados em …

Siza Vieira recebe Grande Prémio da Academia de Belas-Artes francesa

O arquitecto Álvaro Siza Vieira recebeu o Grande Prémio de Arquitetura da Académie des Beaux-Arts, pelo conjunto do seu percurso, no valor de 35 mil euros. “É uma grande honra, porque é um prémio importante. É …

Para os jovens refugiados, um telemóvel pode ser tão importante quanto comida ou água

Entre 2015 e 2018, mais de 200.000 jovens não acompanhados reivindicaram asilo na Europa. Muitos deles, agora na União Europeia, têm uma coisa em comum: os seus smartphones. Não são apenas ferramentas para entretenimento nem uma …

Cientistas observaram pela primeira vez porcos a usar ferramentas

Uma equipa de cientistas registou pela primeira vez uma família de javalis das Visayas, num jardim zoológico em Paris, a usar paus para cavar e construir ninhos. Os porcos não gostam só de chafurdar na lama …

Transição verde: o mundo tem muito a aprender com uma pequena cidade na Islândia

Uma pequena cidade no norte da Islândia tornou-se quase neutra em dióxido de carbono (CO2). Uma equipa de cientistas viajou até ao país insular nórdico para descobrir como podemos aprender com esta cidade. Atualmente, as cidades …

Adolfo Mesquita Nunes não será candidato à liderança do CDS

Adolfo Mesquita Nunes anunciou este domingo que não será candidato à liderança do CDS. A garantia foi deixada pelo próprio, na sua página pessoal de Facebook, depois de ter sido desafiado por António Pires de …

Afastado desde a noite eleitoral, Rui Rio volta para lançar suspeitas sobre a RTP

Afastado dos holofotes desde a noite eleitoral e sem dizer se se vai recandidatar à liderança do PSD, Rui Rio recorreu ao Twitter para comentar as suas suspeitas sobre a RTP. O líder social-democrata recorreu às …