400 milionários americanos suplicam: não nos baixem os impostos

Mais de 400 milionários e bilionários americanos escreveram uma carta ao Congresso norte-americano a pedir aos legisladores republicanos para não lhes cortarem os impostos.

Os signatários alertam que a reforma fiscal do governo norte-americano vai aumentar a desigualdade e a dívida do país. Na mensagem, pedem mesmo o aumento das taxas para os mais ricos.

Em causa, está a reforma fiscal anunciada pelo presidente Donald Trump. Segundo os que subscrevem o apelo, o Partido Republicano está a cometer um erro ao reduzir os impostos sobre as famílias mais ricas num momento em que o endividamento do país é alto.

Além disso, afirmam que esta reforma irá aumentar também as desigualdades no país e que esta não é a altura ideal, já que a desigualdade tinha atingido o seu nível mais baixo desde a década de 1920.

A carta foi promovida por um grupo chamado Responsible Wealth e entre os seus signatários estão nomes como Ben Cohen e Jerry Greenfield, da cadeia Ben & Jerry’s, George Soros e Steven Rockefeller, diz o Washington Post.

“Estamos seriamente preocupados que a perda de receita possa levar a cortes profundos na educação e na saúde”, lê-se na carta. Cortar impostos de empresas e indivíduos é parte central do plano económico do presidente Donald Trump para aumentar o crescimento económico e a criação de empregos nos Estados Unidos.

A Casa Branca e os Republicanos defendem que a lei visa dinamizar a economia norte-americana e argumentam que a mudança vai permitir mais crescimento na economia, uma vez que o dinheiro que não seria pago em impostos seria revertido em novos investimentos.

O grupo critica principalmente a tentativa de eliminar o imposto sucessório, que só é pago sobre bens de valor superior a 5,9 milhões de dólares.

“Só o corte neste imposto vai fazer com que o Estado perca 269 mil milhões em dez anos – mais do que gastamos na Administração de Alimentação e Medicamentos, o Centro para do Controlo de Doenças, e a Agência de Proteção Ambiental”, argumenta a carta.

“Esta é uma das poucas vezes em que deputados são pressionados por pessoas que não querem que os seus impostos sejam cortados“, diz Mie Latham, um dos coordenadores do Responsible Wealth.

Os ricos não precisam disso“, conclui Latham.

4 COMENTÁRIOS

  1. “a desigualdade tinha atingido o seu nível mais baixo desde a década de 1920”!!!! Cambada de facínoras sem vergonha: o rendimento das pessoas está em clara divergência com o aumento da produtividade desde os anos 70!!!! Só os ricos é que papam tudo.

  2. Este tipo de ideais têm claramente uma segunda intenção.
    E dado o tema em questão, só pode ser algo extremamente terrível.
    Será que alguém acredita mesmo que os ricos estão preocupados por lhes reduzirem os impostos e terem de deixar de sair dinheiro do bolso para dar à nação… DUVIDO!!!

RESPONDER

NASA mostra como o furacão Ofélia influenciou os incêndios em Portugal

A estação espacial norte-americana NASA divulgou um vídeo que ilustra o impacto dos furacões que atingiram o Oceano Atlântico, nos últimos meses, mostrando em particular como o Ofélia teve influência nos grandes incêndios que abalaram …

Cesarianas e tempos de espera nas urgências vão condicionar financiamento

Os hospitais com taxas de cesariana superiores a 29,5% ou 31,5%, consoante o grau de diferenciação, não vão receber do Estado o pagamento pelos respetivos episódios de internamento, no âmbito do programa para a redução …

Empresas públicas escondem das Finanças os salários dos gestores

Cerca de metade das empresas públicas não comunicaram dados sobre os salários dos membros do conselho de Administração ao Ministério das Finanças, como está estipulado na Lei. O Correio da Manhã apurou que, em 2016, 118 …

"0 tiros disparados". PSP publica (e depois retira) post polémico sobre tiroteio

O post partilhado no Facebook da PSP, que parecia fazer alusão ao tiroteio que, na semana passada, provocou a morte de uma mulher, já foi retirado desta rede social. "0 tiros disparados", podia ler-se. A PSP …

PJ descarta abuso sexual na Queima das Fitas de Porto e Braga. Autores dos vídeos ainda por apurar

A Polícia Judiciária descartou o crime de abuso sexual nos dois casos, mas mantém a investigação aos crimes de de gravação ilícita e devassa da vida privadas. Dois jovens envolvidos numa cena de sexo num autocarro …

Negociações para formar Governo fracassam na Alemanha

A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, lamentou no domingo em Berlim o fracasso das negociações da CDU com os liberais do FDP e com Os Verdes para a formação de um novo governo. Desde as eleições …

Armada argentina duvida que chamadas de satélite sejam do submarino desaparecido

No sábado, bases navais da Argentina anunciaram ter recebido contactos por telefone-satélite que poderiam ter sido feitos a partir do submarino militar argentino Ara San Juan. De acordo com o Diário de Notícias, sete chamadas de …

Morreu o infame Charles Manson

Na sequência dos assassínios brutais que levou a cabo com a sua seita, Charles Manson tinha sido condenado à morte em 1971. Um dos criminosos mais famosos dos Estados Unidos, Charles Manson, líder de uma seita …

Portugal prepara-se para o regresso dos seus jihadistas

As autoridades portuguesas estão a preparar-se para o regresso dos jihadistas que partiram de Portugal para combater nas fileiras do Estado Islâmico. Polícia e entidades de apoio social estão a receber formação para prevenir a …

Criminologista espanhol encontrou a "mulher de roxo" do caso Maddie

A polícia inglesa procurava a "mulher de roxo", que tinha saído da Praia da Luz com o marido - um pedófilo condenado que entretanto morreu -  na mesma altura do desaparecimento de Madeleine McCann, em …