Dúvidas sobre os serviços públicos? A partir de 2020 pode ligar para o 147

A ministra da Modernização Administrativa disse à agência Lusa que a partir do primeiro semestre de 2020 estará disponível o número 147 para os cidadãos tirarem dúvidas sobre serviços públicos, no âmbito do iSimplex 2019.

“Quando há um mês apresentámos o Simplex, destacámos duas grandes prioridades: uma, enfrentar os problemas que os serviços públicos têm estado a revelar em alguns setores e algumas regiões e, a segunda, procurar trabalhar nas dimensões de maior inovação, utilizando a inteligência artificial e as tecnologias emergentes”, disse a ministra Mariana Vieira da Silva.

“E foi esse trabalho que começámos logo” a fazer e “ao fim de um mês já temos alguns avanços em medidas muito importantes do Simplex“, prosseguiu a governante, apontando entre elas o facto de ser possível desde 26 de julho o levantamento do Cartão de Cidadão urgente no próprio dia na Loja do Cidadão do Porto.

“Uma outra medida aprovada” em Conselho de Ministros de 01 de agosto diz respeito “às plataformas de compensação”, uma legislação que permite “que as empresas possam fazer acertos de contas entre elas”, como também já foram dados os “primeiros passos daquela linha telefónica que estava prevista para distribuir, no fundo, por todos os serviços públicos das perguntas de cidadãos”, afirmou a governante, no balanço de um mês após o anúncio do iSimplex 2019.

“Aprovámos com a Anacom [Autoridade Nacional de Comunicações] o número 147 e, portanto, no primeiro semestre de 2020 teremos a funcionar uma linha que pode responder a todas as perguntas que os cidadãos têm”, acrescentou a ministra da Presidência e da Modernização Administrativa.

Ainda entre as medidas concluídas ou em vias de serem concluídas constam a plataforma do arrendamento acessível, que permite a execução do programa do arrendamento acessível e que promove a oferta alargada de habitação para arrendamento a preços acessíveis, face aos rendimentos dos agregados familiares, e o portal do cuidador informal, que disponibiliza informação integrada e guia do cuidador informal no portal ePortugal.

“Além disso, temos continuado a fazer a aposta nos Espaços do Cidadão que temos estado a fazer nesta legislatura com o objetivo fundamental de juntar à rede de serviços públicos uma rede muito disseminada no território, são mais de 500, que possa servir os cidadãos nos 20 serviços fundamentais” mais procurados, prosseguiu a governante.

“Portanto, temos estado a trabalhar nesses serviços. Foi feita já uma experiência com os Cartões de Cidadão nas áreas metropolitanas e no Algarve, zonas de maior pressão”.

“O objetivo é que os Espaços do Cidadão possam corresponder cada vez mais a esses serviços mais requisitados. Todos esses passos que temos dado permitem já ter medidas concluídas ou em fase de conclusão do Simplex um mês depois”, sublinhou.

Questionada sobre o ponto de situação da Carta de Condução automática (renovação) e o balcão único do imigrante, a ministra disse que são medidas que demoram mais tempo a ser implementadas. “As medidas relacionadas com a Carta de Condução implicam algumas alterações legislativas que ainda precisamos de saber se temos de condições de fazer durante esta legislatura, já estamos a trabalhar, mas não consigo ainda dar a certeza que elas consigam ser cumpridas”, explicou.

“O balcão do imigrante é uma medida que é mais de longo prazo, implica alguma capacidade de trabalho conjunto com muitos ministérios e essas são sempre medidas que não se conseguem concretizar num só mês. De qualquer maneira o trabalho está avançado, e a nossa expectativa é conseguir cumprir o calendário dessa medida”, disse.

“Se nós formos ver, o aumento da imigração, que é uma coisa muito boa para o país, tem sido também uma fonte de pressão nos serviços públicos”, sendo que este balcão é “uma resposta para que o imigrante, quando chega, não tenha mais burocracias de que um cidadão [nacional e] tenha apenas que mostrar que pode entrar, que cumpre todas as condições legais”, concluiu a governante.

// Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Ponte inca com mais de 500 anos é reconstruída após cair durante a pandemia

Peruanos da comunidade Huinchiri, localizada na região de Cusco, estão a reconstruir uma ponte inca com 500 anos. Esta foi feita a partir de técnicas tradicionais de tecelagem para criar uma passagem sob o Rio …

Portugal 2-4 Alemanha | Reality check ao plano do engenheiro

A seleção portuguesa de futebol, campeã em título, caiu hoje para o terceiro lugar do Grupo F do Euro2020, ao perder por 4-2 com a Alemanha, em encontro da segunda jornada, disputado no Allianz Arena, …

Pandemia mostrou “falta de proteção das mulheres”

A pandemia de covid-19 mostrou “a vulnerabilidade e a falta de proteção das mulheres e quão pouco as sociedades se preocupam realmente em proteger elementos-chave em matéria de segurança”, considera Edit Schlaffer, diretora-executiva da Women …

Portugal vs Alemanha: Portugal perde por 2-4

A seleção portuguesa de futebol pode garantir hoje o apuramento para os oitavos de final do Euro2020, mas terá de vencer a poderosa Alemanha, ainda à procura dos primeiros pontos no Grupo F. O jogo …

Choques elétricos no pescoço podem combater a fadiga

Desde café a rotinas de sono complexas: os seres humanos desenvolveram várias estratégias para evitar o cansaço. Agora, cientistas acreditam ter descoberto uma nova técnica de combate à fadiga através de estimulação elétrica cerebral não …

"Juneteenth". Novo feriado americano comemora o fim da escravatura

Este sábado comemora-se o mais recente feriado nacional a ser instituído nos Estados Unidos da América. É o chamado Juneteenth, um termo que funde as palavras "june" (junho) e "nineteenth" (dezanove), e representa a data …

Chef Enrico Derflingher trabalhou em Buckingham e na Casa Branca (e revela as preferências da rainha e de Bush)

O chef Enrico Derflingher já alimentou algumas das figuras mais poderosas do mundo. Do Palácio de Buckingham à Casa Branca, o chef italiano sabe melhor do que ninguém quais são as preferências culinárias de Isabel …

Maiores de 35 anos vão poder agendar toma da vacina na segunda-feira

As pessoas com 35 ou mais anos vão poder agendar a toma da vacina contra a covid-19 na próxima segunda-feira. A informação foi confirmada ao Público por fonte da task force. A mesma fonte não adiantou …

Braga faz testes gratuitos a quem trabalhou em Lisboa

As autoridades de Braga estão a proporcionar testes gratuitos de despistagem da covid-19 a trabalhadores do concelho que tenham estado a trabalhar na Área Metropolitana de Lisboa, indicaram hoje os promotores da iniciativa. Os testes realizam-se …

Botswana descobre diamante que pode ser o terceiro maior do mundo

A empresa de diamantes Debswana, que se situa no Botswana, anunciou a descoberta de uma pedra de 1.098 quilates que descreveu como a terceira maior do seu tipo em todo o mundo. Contudo, ainda é …