Zainab, de 7 anos, foi violada, estrangulada e largada numa lixeira

Zainab, de sete anos, foi violada várias vezes, estrangulada até à morte e o seu corpo foi abandonado numa lixeira. O caso trágico é apenas um de uma sucessão de crimes cometidos sobre crianças, especialmente meninas, que está a revoltar a população do Paquistão.

Protestos violentos eclodiram na cidade de Kasur, na província de Punjab, no nordeste do Paquistão, onde Zainab vivia e onde têm ocorrido vários casos semelhantes, de crianças raptadas, violadas e mortas.

O corpo de Zainab foi encontrado no meio de uma lixeira na última terça-feira, vários dias depois do seu desaparecimento. Depois de ser violada, a menina de 7 anos foi estrangulada até à morte, de acordo com a autópsia realizada, conforme reporta a BBC.

A criança tinha marcas de tortura no rosto e a sua língua estava esmagada entre os dentes, noticia a estação norte-americana CNN que ouviu o médico legista responsável pela autópsia. Ela estaria morta há quatro ou cinco dias quando foi encontrada.

A polícia de Kasur afirma que ocorreram outros 11 homicídios semelhantes nos últimos dois anos, todos dentro de um raio de 2 quilómetros. Cinco deles terão relação com o mesmo suspeito que está a ser procurado pelas autoridades.

Nas ruas, os protestos têm assumido um tom violento, com a população revoltada e a acusar a polícia de inércia.

“Vivemos com medo”

Zainab desapareceu a 4 de Janeiro passado quando ia a caminho de uma sessão de leitura do Corão, o livro sagrado do Islamismo, religião da maioria dos paquistaneses. Imagens de câmaras de segurança, que chegaram a ser divulgadas nas redes sociais e nas televisões paquistanesas, mostram-na a seguir na rua de mão dada com um homem.

Foram familiares da menina que encontraram estas imagens. E a família de Zainab e os manifestantes acusam as autoridades de não estarem a fazer o suficiente para terminar com este tipo de crimes.

“Se a polícia tivesse agido imediatamente, o culpado já teria sido apanhado”, disse o pai da menina, Muhammad Amin Ansari, à emissora Geo TV, segundo cita a BBC, depois de regressar ao Paquistão da Arábia Saudita, onde tinha ido fazer uma peregrinação com a mulher. Eram os tios de Zainab quem estavam a cuidar dela quando desapareceu, enquanto os pais viajavam.

“Nos últimos dois anos, vivemos com medo. Os pais têm receio de deixar os seus filhos saírem de casa”, lamenta o pai de Zainab que assegura que a filha não será enterrada até que o responsável pela sua morte seja preso, contrariando assim os preceitos islâmicos.

As autoridades alegam que foram recolhidas amostras de ADN do corpo de Zainab e que os primeiros indícios apontam para que o crime tenha sido cometido por um conhecido da família da criança, conforme reporta o jornal The Washington Post.

#JustiçaparaZainab

Vários políticos já prometeram fazer justiça e nas redes sociais, a hashtag #JustiçaparaZainab está entre as mais comentadas no Twitter.

A Nobel da Paz Malala Yousafzai, estudante e activista paquistanesa, também se juntou à onda de revolta, apelando ao governo e às autoridades responsáveis do seu país para agirem. “Isto tem de parar”, escreve a jovem.

O ministro-chefe da província de Punjab já ofereceu uma recompensa de 10 milhões de rúpias paquistanesas (cerca de 130 mil euros) para quem ajudar a identificar o responsável pela morte de Zainab. Também disse que pediu detalhes sobre os casos de outras 11 meninas mortas.

Kasur já esteve no centro de um escândalo de abuso sexual devido a um gangue de 25 homens que chantageava crianças para as forçar a participarem em vídeos pornográficos. O caso veio à tona em 2015, e vários suspeitos foram presos.

As autoridades afirmam que casos como o de Zainab ocorrem quase todos os meses na cidade.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Gente selvagem! Por todo o lado existem casos incríveis e cruéis mas há certos países que devido a uma cultura bárbara e quase primitiva são propícios a muitos mais casos de extrema violência e desumanização.

  2. Este mundo está podre, a humanidade está entregue a monstros assassinos espalhados por todo o lado, são pessoas sem respeito pelo próximo, sem sentimentos, sem escrúpulos, sem piedade, pior muito pior que qualquer animal selvagem, são cobardes que atacam crianças indefesas e se escondem, o mundo precisa de uma limpeza eu acredito que um dia isso vai acontecer, precisamos começar do zero e aprender com os erros que se cometeram para não se voltarem a repetir.

RESPONDER

Inundações no sul de França fazem 12 mortos

O número de mortos nas inundações na zona de Carcassonne, na região de Aude, no sudoeste de França, subiu para 12, anunciaram nesta segunda-feira as autoridades, referindo que há uma pessoa desaparecida. O primeiro-ministro francês, Édouard …

Ursos polares famintos estão a comer baleias (e isso ajuda-os a sobreviver ao aquecimento)

Há mais de um ano, ursos polares reuniram-se num ilha ao largo da costa norte da Sibéria para devorar uma baleia morta. Um estudo recente defende que, no passado geológico, os ursos polares podem ter …

Morreu Paul Allen, cofundador da Microsoft

Paul Allen, cofundador da Microsoft, morreu com 65 anos durante a tarde desta segunda-feira, anunciou a sua empresa, a Vulcan Inc, em nome da família.  Paul Allen tinha retomado recentemente tratamentos contra um linfoma não-Hodgkin, diagnosticado …

Todas as missões da NASA deveriam procurar vida extraterrestre

A procura por sinais de vida alienígena deve fazer parte de todas as missões futuras da NASA. A organização deve expandir o seu leque sobre possíveis sinais extraterrestres, de forma a conseguir identificá-los, aponta um …

Cientistas alcançam a primeira aceleração de eletrões em ondas de plasma

Físicos demonstraram uma nova técnica para acelerar eletrões a energias muito altas em distâncias muito curtas, uma técnica que permitirá alcançar novos avanços na física de partículas a preços mais modestos. O Large Hadron Collider (LHC) …

Casais de ratos do mesmo sexo tiveram crias

Cientistas da Academia Chinesa fizeram nascer crias de ratos de casais do mesmo sexo através de uma nova técnica que utiliza células estaminais modificadas. A nova técnica desenvolvida pelos cientistas chineses mistura células estaminais modificadas que …

Cientistas revertem casos de Diabetes tipo 2

Num novo estudo, cientistas bloquearam a proteína VDAC1 nas células que produzem insulina e conseguiram reverter casos de Diabetes tipo 2. Os investigadores também conseguiram mostrar que é possível prevenir o surgimento da doença. O estudo, …

Brexit. May diz que acordo “ainda é possível”, mas divergência que resta é “frustrante”

A primeira-ministra britânica, Theresa May, admitiu esta segunda-feira que "ainda é possível" um acordo que permita uma saída ordeira do Reino Unido da União Europeia, mas a divergência que resta com Bruxelas é "frustrante. Numa declaração …

Abrandamento económico pode dificultar consolidação orçamental em Portugal

A agência de notação financeira Fitch reconhece a "trajetória firme de descida" da dívida pública portuguesa, mas adverte que o abrandamento da economia e as pressões sobre o investimento poderão dificultar a consolidação orçamental nos …

Cinco detidos na Turquia após morte de 22 migrantes em acidente de viação

Cinco pessoas foram esta segunda-feira detidas na província de Izmir, no sudoeste da Turquia, após um acidente de viação que matou no domingo 22 imigrantes, incluindo crianças, informou a agência turca estatal Anadolu. Entre os detidos …