Yoga ajuda alunos a concentrarem-se para exames

Sheba_Also / Flickr

-

Alunos do ensino básico, secundário e superior da Póvoa de Varzim e Vila do Conde tiveram este ano uma nova ajuda na preparação para os exames, com aulas de yoga para adquirir técnicas de concentração e controlo da respiração.

Yoga e Exames sem stress” é o título da iniciativa, que pretende ajudar os jovens a melhorar os seus níveis de concentração, promovida pelos Áshramas (centros de yoga) locais que desenvolveram a atividade nas escolas básicas e secundárias dos dois concelhos e na Escola Superior de Estudos Industriais e de Gestão (ESEIG), despertando o interesse de centenas de jovens.

Ana Martins, do Áshrama da Póvoa de Varzim, descreve que “cerca de 700 estudantes, do 1º ciclo do ensino básico até ao ensino universitário, participaram nestas aulas de yoga de preparação para os exames de final do ano letivo”.

Na Póvoa de Varzim, a aula gratuita teve lugar na Escola Secundária Eça de Queirós. Pedro Neto, estudante do 12º ano, considerou a iniciativa positiva, realçando: “é necessário para dar aos alunos uma definição do que é ter calma e saber respirar, para na altura dos exames, saber concentrar-se e saber separar todas as incertezas que se transporta neste dia e concentrar-se na matéria”.

Já Maria João Oura, também estudante da Eça de Queirós, apontou a importância do controlo da respiração. “É importante sabermos controlar a nossa respiração para nos tranquilizarmos, sobretudo quando estamos no 12º ano e temos exames muito importantes que vão definir o resto da nossa vida”.

No final da aula, Ana Martins sublinhou: “Estamos numa sociedade com muitos estímulos, com todos os sentidos voltados para fora e vários alunos têm dificuldade em concentrarem-se. Quando fazem a aula, sentem logo os benefícios, ficam surpreendidos pelo controlo mental e emocional que conquistam”.

“O objetivo foi de ensinar técnicas do yoga que ajudam os alunos a concentrarem-se melhor e a gerirem o stress durante o estudo e durante os exames, permitindo-lhes estudar e trabalhar durante mais tempo e de forma mais produtiva e também a recuperar mais facilmente do desgaste”, contou Ana Martins.

Na Escola Secundária Eça de Queirós e na ESEIG foi realizada uma ação pontual nesta época que antecede os exames nacionais. Noutras escolas das duas cidades as aulas foram dadas ao longo do ano letivo e asseguradas pelas Associações de Pais e direção do agrupamento.

“A iniciativa “Yoga e Exames Sem Stress” foi criada pelo departamento de jovem da Confederação Portuguesa do Yoga em 2005, nas universidades, mas o sucesso que tem junto dos estudantes levou ao seu alargamento a outros níveis de ensino”, reforçou a responsável pelos Áshramas da Póvoa de Varzim e Vila do Conde.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Em apenas três anos, a Austrália perdeu um terço dos seus coalas

A seca, os incêndios florestais e a desflorestação na Austrália levaram o país a perder um terço dos seus coalas nos últimos três anos. A Austrália perdeu cerca de 30% dos seus coalas nos últimos …

Há modelos matemáticos que preveem se uma música vai ser viral — os mesmos utilizados com a covid-19

O uso de modelos matemáticos para antecipar o nível de sucesso de uma música pode começar a ser usado, a partir da publicação do presente estudo, por artistas e editoras para melhorar o desempenho dos …

Alemanha. Funcionário de posto de combustível abatido a tiro por cliente que se recusou a usar máscara

Um homem de 49 anos matou um funcionário de um posto de combustível na Alemanha, após tentar comprar cerveja sem utilizar a máscara. No país, o uso deste equipamento de proteção é obrigatório para entrar …

Um violino gigante flutuou no Grande Canal de Veneza (ao som de Vivaldi)

No passado fim de semana, um violino gigante, com quase 12 metros de comprimento, desceu o Grande Canal de Veneza. A bordo estava um quarteto de cordas, que tocou Four Seasons de Vivaldi. O Noah's Violin …

Assembleia de credores aprova recuperação da Groundforce

Esta quarta-feira, os credores da Groundforce aprovaram a recuperação da empresa. Em causa está uma dívida de 154 milhões de euros. Os credores da Groundforce, reunidos esta quarta-feira em assembleia de credores, no tribunal de Monsanto, …

Europeus acreditam numa "guerra fria" entre os EUA e a China e Rússia

A maioria dos cidadãos da União Europeia (UE), 62%, considera que os Estados Unidos (EUA), com apoio das instituições comunitárias, estão numa nova "guerra fria" com a China, mas recusam envolvimento nacional, revelou um inquérito …

Desenho de Van Gogh esteve guardado mais de 100 anos. Agora, é exibido pela primeira vez

O Museu de Amesterdão, nos Países Baixos, ganhou um novo inquilino: Study for 'Worn Out', um desenho recém-descoberto de Vincent van Gogh. O holandês Vincent van Gogh ainda continua a impressionar o mundo inteiro com a …

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã, com receio de que os avanços dos últimos 20 anos tenham sido conquistados em vão. A Vice falou com algumas professoras afegãs que garantem continuar …

Apenas um terço das crianças em 91 países tem acesso a uma alimentação adequada, alerta UNICEF

Apenas um terço das crianças com menos de dois anos em 91 países em desenvolvimento têm acesso aos alimentos que necessitam para um crescimento saudável, revelou um relatório da UNICEF, apontando que nenhum progresso foi …

Preços das casas voltaram a aumentar no segundo trimestre

Entre abril e junho, o índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu 6,6% em termos homólogos. A revelação foi feita esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). O Índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu …