O vinho “chora” quando é agitado (e os físicos explicam porquê)

Um grupo de físicos encheu o seu laboratório com vinho em nome da Ciência para tentar perceber porque é que surgem “lágrimas” quando um copo de vinho é agitado.

De acordo com o IFLScience, quando um copo de vinho é agitado, aparecerão linhas retas de fluído a descer pelo copo, que são chamadas “lágrimas” ou “pernas”. Há quem acredite que a presença ou a falta dessas “lágrimas” é indicativa do nível e qualidade do álcool do vinho.

Porém, pode não ser bem assim. Quando se gira um copo de vinho, uma fina película de líquido permanece nos lados do copo. Isso acontece porque o álcool no vinho evapora muito mais rapidamente do que a água e a mudança na tensão superficial envia a bebida para cima à medida que o copo é girado. Após a agitação, um anel de vinho permanece intacto em cima, mas não se sabia porque é que descia em “lágrimas”.



Hangjie Ji, da Universidade da Califórnia, e os seus colegas decidiram tentar entender porque é que esse fenómeno acontece. A equipa de físicos realizou uma análise teórica que tomou em consideração os efeitos gravitacionais já estabelecidos a partir de estudos anteriores, explicando por que a película de vinho sobe tão rapidamente no copo.

Os investigadores estabeleceram que o fluxo ascendente do vinho é caracterizado por uma onda de escalada que começa como uma consistência uniforme. Porém, quando a agitação termina, a espessura diminui abruptamente na borda traseira. A queda segmentada no interior do vidro é causada por uma onda de choque que interrompe o anel de fluido preso ao vidro.

De acordo com o estudo publicado este mês na revista científica Physical Review Fluids, o modelo da equipa sugere que o contraste entre o fluxo de líquido na lateral do vidro e a força descendente da gravidade se juntam para formar uma onda de choque.

A onda é chamada choque subcompressivo, um tipo instável de onda de choque que faz com que gotas de vinho se acumulem e acabem por escorrer pelo copo como uma lágrima.

Os cientistas tentaram rodar copos de vinho no seu laboratório e observaram que a onda de choque podia ser visualizada como uma crista na borda posterior.

“As lágrimas de vinho são estudadas há mais de um século e é notável que é a primeira vez que são conectadas à instabilidade de um choque subcompressivo“, disse Anette Hosoi, do Instituto de Tecnologia de Massachusetts, em declarações ao New Scientist. “Este estudo é um belo exemplo de tais choques num ambiente familiar”.

Este efeito pode explicar por que as películas líquidas influenciadas pelo vento escorrem de maneira semelhante, como visto nas asas do avião ou nas janelas do carro.

  ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Desde quando é que a água evapora mais depressa que o álcool???
    É melhor ir rever a tradução do artigo e usar o cérebro… Ou no mínimo um pouco de senso comum.

        • Perfeito! Não é preciso ser ríspido, pois todos estamos sujeitos a erros. Aliás, nossas atitudes dizem muito mais sobre como somos, do que propriamente o que queremos dizer…Quis ser solidária pq tbm já cometi erros e levei umas “pauladas” desnecessárias…Que possamos brindar com um bom vinho quando isso tudo passar e que as lágrimas sejam somente nas taças…

  2. Este efeito é em função da viscosidade e corpo do vinho.
    Vinhos mais encorpados com alto niveis de álcool e glicerol suas lágrimas são mais numerosas e descem mais rápido, pois o álcool evapora mais rápido do que a água.
    Vinhos menos encorpado de baixo teor alcoólico, são mais ralos e as lágrimas descem lentamente, pois possuiem mais água e menos álcool e glicerol. Este estudo leva o nome de efeito Marangoni.

    • As primeiras referências a este fenómeno, das lágrimas do vinho no copo. Já li uns artigos há alguns anos, que faziam referência a um engenheiro James Thomson, irmão de William Thomson, pelo ano de 1855. Depois em 1865, dez anos mais tarde, um físico italiano chamado Carlo Marangoni, que realizou uma tese de doutoramento na Universidade de Pavia, em Itália, publicou os seus resultados relativos a este fenómeno. Ficou conhecido pelo “Princípio de Marangoni”. Como se pode constatar este assunto já foi estudado há mais de século.

RESPONDER

Mosteiro medieval abriga o mais completo museu do circo da Europa

Nos salões de um mosteiro medieval na pitoresca localidade de Besalú, em Girona, alojou-se o Circusland - Palácio Internacional do Circo, o primeiro museu profissional da Europa que se dedica ao circo. O espaço conta com …

Livro de estreia de José Saramago publicado em castelhano pela primeira vez

O livro “Terra do Pecado”, que marcou a estreia na ficção de José Saramago, em 1947, vai ser lançado em Espanha na quinta-feira, no que é a primeira vez que a obra está disponível em …

A Citroën concebeu um skate inspirado na mobilidade urbana

O Citroën Skate é uma plataforma de veículos elétricos, totalmente autónoma, que pode ser equipada com diferentes tipos de cápsulas. A plataforma Citroën Skate quer revolucionar o transporte em meio urbano sem que seja necessário um …

Bebeu demais na noite anterior? Não é aconselhado tomar um parecetamol

A combinação de álcool e este tipo de medicação pode sobrecarregar o fígado e provocar danos hepáticos, refere uma especialista. Muitas das vezes cometem-se excessos com o álcool e, tendencialmente, os sintomas de desconforto surgem no …

Portugal 5-0 Luxemburgo | Manita com três de Cristiano

Goleada das grandes. Portugal recebeu o Luxemburgo e não permitiu as mesmas dificuldades do jogo da primeira volta. Aos 17 minutos a formação das “quinas” já vencia por 3-0, com duas grandes penalidades a ajudar, e …

Vantablack. A tinta preta mais preta do mundo já é vendida em peças (que se unem como legos)

Desde a substituição dos ecrãs verdes à pintura dos cenários do teatro, o futuro do entretenimento tem tudo a ver com a Ventablack - a cor preta mais preta do mundo. Nenhuma cor - ou, melhor …

Itália vai exigir passaporte sanitário a todos os trabalhadores a partir de sexta-feira

O primeiro-ministro italiano, Mario Draghi, assinou hoje um decreto com as normas sobre a obrigatoriedade de os funcionários públicos exibirem o passe sanitário a partir de 15 de outubro nos locais de trabalho, medida que …

Está criado o primeiro iPhone com entrada USB — pelas mãos de um estudante de robótica

Ken Pillonel é estudante do mestrado em robótica do Swiss Federal Institute e implementou um sistema que daqui a uns meses pode tornar-se regra nos dispositivos da marca da maçã. Numa altura em que a União …

Autópsia revela que Gabby Petito morreu por estrangulamento. Namorado continua desaparecido

A autópsia ao corpo de Gabby Petito revela que a jovem foi estrangulada. O namorado, Brian Laundrie, que a acompanhava na viagem, continua desaparecido. Além de revelarem o motivo da morte da norte-americana, as autoridades também …

F1: piloto do carro médico continua a recusar vacina (e português beneficia)

Alan van der Merwe não esteve no Grande Prémio da Turquia e, provavelmente, não vai estar em mais nenhuma corrida em 2021. Um português foi chamado para o Grande Prémio da Turquia, na Fórmula 1: Bruno …