Vai passar pela Terra um “arranha-céus” a 122 mil quilómetros por hora

Um “asteróide potencialmente perigoso” dirige-se para a Terra a uma velocidade de mais de 122.000 quilómetros por hora, informou a agência espacial norte-americana NASA.

O asteróide 2002 AJ129 vai aproximar-se da Terra no próximo dia 4 de fevereiro. No momento da máxima aproximação, o asteróide passará a mais de 4,2 milhões de quilómetros de nosso planeta, cerca de 11 vezes a distância da Terra à Lua.

Apesar o corpo celeste ter sido classificado pela NASA, numa nota publicada esta sexta-feira, como um PHA – “asteróide potencialmente perigoso“, a agência espacial norte-americana esclarece que, quer no dia 4 de fevereiro, quer num futuro previsível, o 2002 AJ129 não representa qualquer ameaça real de colisão contra a Terra.

“Temos estado a acompanhar este asteróide nos últimos 14 anos e conhecemos a sua órbita com muita precisão”, afirmou Paul Chodas, especialista do Centro de Estudos de Objectos Próximos da Terra do Laboratório de Propulsão a Jacto da NASA.

“Os nossos cálculos indicam que o 2002 AJ129 não tem qualquer possibilidade de colidir com a Terra, em qualquer momento durante os próximos 100 anos“, acrescenta o cientista da NASA.

O 2002 AJ129, um asteróide de tamanho médio cujo diâmetro é de 0.5-1.2 quilómetros, supera em tamanho o edifício mais alto do mundo, o arranha-céu Burj Khalifa.

Foi descoberto a 15 de janeiro de 2002, no quadro do antigo projecto de rastreamento de asteróides próximos da Terra, financiado pela NASA, do Observatório de Haleakala, no Havaí, Estados Unidos.

ZAP // Sputnik News / NASA

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Se não representa qualquer perigo, porquê o : potencialmente perigoso???

    Deve ser como o aquecimento global, passou um pouco mais ao lado.

    • As evidências descaradas que existem sobre mudanças climáticas nos restantes planetas do nosso sistema solar, para além da Terra, apresentadas pela própria NASA, indicam que o tão aclamado “aquecimento global” antropogénico é uma farsa, não querendo retirar a importância e dever do Homem em tratar e preservar da melhor forma o nosso lindo planeta.
      Mas não esperem que a NASA explique e nos diga diretamente que existem alterações climaticas nos outros planetas. Eles não atam as pontas soltas por nós. Temos de ser nós próprios a procurar e desvendar o óbvio, que está escondido em plena vista.

  2. O “passar ao lado” pode ter implicações aqui no nosso planeta, tal como a Lua que mesmo longe actua na Terra. Acerca do “potencialmente perigoso”, isto pode indicar uma alteração no nosso campo gravitacional que poderá ter como consequência uma agitação de marés ou mesmo algum impacto tanto na nossa orbita à volta do Sol como na rotação da próxima Terra.
    Estamos em 2018, nunca foi tão fácil ter acesso à informação e ainda assim escolhemos dizer disparates. Para refletir.

    • Calcula-se que este asteróide tenha uma massa de 3e+15 Kg (um 3 seguido de 15 zeros). O conjunto terra/lua tem uma massa combinada de 6e+24 Kg (um 6 seguido de 24 zeros). Ou seja o asteróide tem 0,00000005% da massa do conjunto terra/lua, ou seja, 20 milhões de vezes menos massa.

      Um mosquito pesa em média 3mg. Comparado com um adulto de 85Kg o mosquito tem 300 mil vezes menos massa do que o homem, o que é esmagadormente mais próximo do que a relação da massa do asteróide com o conjunto terra/lua.

      Você sente realmente algum tipo de influencia gravítica sempre que um mosquito voa perto de si?

      • Caro Pedro Afonso,
        partindo do princípio que os 85 kg não têm a força gravítica do sol, vou supôr que o dito mosquito não se sinta atraído por essa massa ao ponto de mudar a sua trajectória a cada passagem que faça nas suas imediações apenas devido às influências das forças atractivas;
        por outro lado, o mosquito é ser um consciente, com capacidade de decisão e, como tal, escolhe um trajecto em detrimento de outro, i.e. não é um objecto inanimado apenas sujeito as forças que se lhe impõem;
        para além disso, o corpo humano sente qualquer alteração de gravidade que lhe seja induzida, podemos é não ter sensibilidade suficiente para a notar duma forma consciente/macroscópica. A título de exemplo vide URL: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/21266543
        Como tal, comparar o par mosquito/humano ao par asteróide/terra não é correcto.

        Cumprimentos.

        • Caro Filipe S.
          Claro que não é correcto comparar o par mosquito/humano ao par asteróide/terra porque o par mosquito/humano tem uma relacão de forças, apesar de minúscula e praticamente negligenciável, ainda assim imensamente superior ao par asteróide/terra.
          Portanto, se quando consideradas todas as forças a influencia gravítica de um mosquito não nos influencia, a do asteróide muito, mas muito, muito menos!
          Foi só isso que quiz explicar ao senhor Zorro.

RESPONDER

Aumento extra de dez euros pode beneficiar 1,6 milhões de pensionistas

O aumento extra de dez euros nas reformas até 658,2 euros, confirmado esta quinta-feira pelo secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, pode vir a beneficiar cerca de 1,6 milhões de pensionistas. A estimativa é avançada …

Rui Pinto vai a julgamento por 93 crimes

A juíza do Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa decidiu que Rui Pinto vai ser julgado por 93 crimes, e não 147 como estava acusado. O Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa decidiu esta sexta-feira levar …

Um "palhaço" que vai apunhalar os iranianos nas costas. Líder supremo do Irão arrasa Trump

O líder supremo do Irão classificou esta sexta-feira o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, como "um palhaço" que finge querer ajudar os iranianos, mas vai atacá-los pelas costas com "um punhal envenenado". As declarações do …

"Lava que se farta". Justiça dá razão a Ana Gomes no processo movido por Isabel dos Santos

A ex-eurodeputada Ana Gomes venceu um dos processos que foi movido contra ela por Isabel dos Santos. Em causa estão publicações no Twitter, onde a diplomata acusava a empresária angolana de estar a usar Portugal …

Secretário da Cultura brasileiro vai ser demitido depois de se inspirar em discurso nazi de Goebbels

Roberto Alvim, secretário da Cultura brasileiro, fez um discurso esta quinta-feira copiando um discurso muito conhecido do ministro da propaganda de Adolf Hitler, Joseph Goebbels. O secretário da Cultura do Brasil, Roberto Alvim, divulgou um vídeo …

Presidente da Guatemala anuncia corte de relações com Venezuela

O novo Presidente da Guatemala, Alejandro Giammattei, anunciou na quinta-feira que ordenou o corte de relações com a Venezuela e o encerramento da embaixada neste país. Alejandro Giammattei, médico e ex-diretor do Sistema Penitenciário da Guatemala, …

Bolsonaro vai manter secretário acusado de irregularidades no Governo

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, defendeu hoje o titular da Secretaria Especial da Comunicação Social (Secom, órgão da Presidência), Fabio Wajngarten, acusado de alegadas irregularidades em contratos, garantindo que o manterá no cargo. “Pelo que eu …

FC Porto empresta Waris ao Estrasburgo com opção de compra obrigatória

O avançado ganês foi emprestado pelo FC Porto ao Estrasburgo até ao final da temporada, num negócio que inclui uma cláusula de opção de compra obrigatória. No final do empréstimo, o Estrasburgo fica obrigado a contratar …

Miguel Guimarães reeleito bastonário da Ordem dos Médicos

O bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, foi eleito esta quinta-feira para um segundo mandato, com 93% dos votos. De acordo com os resultados provisórios avançados pela Ordem, estando contados 16.723 votos, Miguel Guimarães foi …

Governante sugere "chazinhos e bolos" para acabar com agressões nas salas de espera dos hospitais

"Salas de espera com bom aspecto, com televisão, revistas" e com "chazinhos e bolos" podem ajudar a reduzir o "clima de tensão" que se vive em alguns hospitais, contribuindo para acabar com as agressões a …