Vai ser leiloado o “certificado de nascimento da América”

FA2010 / wikimedia

5ª cópia do primeiro mapa mundo com o nome “América” individualizado, Martin Waldseemüller (1470–1520)

A leiloeira londrina Christie’s anunciou esta quarta-feira que vai leiloar o primeiro mapa da história no qual a palavra ‘América’ surge pela primeira vez. O preço base estabelecido rondará os 680 mil e um milhão de euros.

O primeiro mapa da história, chamado de “certificado de nascimento da América”, é de 1507. Com 510 anos, é uma cópia até então totalmente desconhecida do cartógrafo alemão Martin Waldseemüller.

Além de nomear a América, este mapa é a primeira versão impressa na qual a Terra está representada como um globo e que ilustra a América do Sul e a América do Norte como continentes distintos.

Trata-se assim de uma das cinco cópias de um exemplar no qual Waldseemüller descreveu com exatidão o mundo em 360 graus, incluído o Oceano Pacífico, ainda desconhecido.

“A descoberta desta cópia marca o momento mais excitante dos meus 20 anos de carreira na Christie’s. Esta inovação teve uma enorme influência na cartografia e definiu a história ao nomear a América”, afirmou o especialista da casa de leilões Julian Wilson.

Na mesma época, o cartógrafo alemão produziu outro mapa no qual nomeia a América também. Desse mapa, só existe uma única cópia, comprada pela Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos, em 2003, por mais de 8 milhões de euros.

Universalis Cosmographia, mapa de Martin Waldseemüller adquirido pela Biblioteca do Congresso dos EUA

Antes desta descoberta, existiam mais quatro mapas ocidentais que já representavam a América. No entanto, estão preservados em museus e coleções particulares, sendo que este mapa era o único totalmente desconhecido. Um dos manuscritos de Juan de La Costa encontra-se conservado no Museu Naval de Madrid.

Wilson sustenta que o mapa é “incrivelmente preciso“. Martin Waldseemüller é um dos cartógrafos que vivia em Saint-Die, em França, que descobriram alguns dos feitos de exploradores portugueses e espanhóis, tendo tido na altura acesso a informações atualizadas e detalhadas.

O mapa tem algumas peculiaridades, como “um Sri Lanka muito grande e uma Índia muito pequena”. O Japão é colocado no meio do oceano Pacífico e a Austrália não existe. Mas “as principais características geopolíticas do globo que nós reconheceríamos hoje são pela primeira vez visíveis neste documento”, disse Wilson.

O mapa está a ser vendido pela família do restaurador britânico Arthur Drescher, que morreu em 1986. A família levou o mapa, que só agora foi encontrado, à casa de leilões para ser avaliado.

A data prevista para o leilão do mapa do “certificado de nascimento da América” é no dia 13 de Dezembro, em Londres.

ZAP // New York Post / EFE

PARTILHAR

RESPONDER

Biden diz que ataque a oleoduto veio da Rússia. Mas exclui envolvimento do Kremlin

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, afirmou na quinta-feira que o ciberataque que paralisou durante vários dias a maior rede de oleodutos do país foi proveniente da Rússia, mas exclui envolvimento do Governo …

Máscaras vieram para ficar. Mas pode haver exceções

A máscara de proteção individual vai continuar a fazer parte do nosso dia-a-dia. No entanto, pode haver exceções para os já vacinados contra a covid-19. O Governo convidou os especialistas a criarem um novo plano e …

Chega quer que agentes da PSP e GNR usem câmaras de vídeo nas lapelas e nas viaturas

O deputado único do Chega entregou esta quinta-feira um projeto de resolução no Parlamento que recomenda a colocação de câmaras de vídeo nas lapelas das fardas e nas viaturas das forças de segurança, a fim …

Em dia sem registo de mortes, Portugal contabiliza 450 novos casos

Esta sexta-feira, Portugal não regista qualquer óbito. Nas últimas 24 horas, houve 450 novos casos positivos de infeção, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Não morreu ninguém infetado com o novo …

Câmara de Torres Vedras deteta migrantes a viverem em armazéns e antigas pecuárias

Além de espaços sem condições de habitabilidade, como armazéns e pecuárias desativadas, a autarquia tem conhecimento de "casas alugadas a pessoas migrantes onde existe sobrelotação". A Câmara de Torres Vedras, no distrito de Lisboa, levantou coimas …

Parlamento aprova "direito ao esquecimento" para quem superou doenças graves

O Parlamento aprovou esta sexta-feira, na generalidade, o projeto-lei do PS que pretende consagrar o “direito ao esquecimento” para acabar com a discriminação de pessoas que tiveram cancro. O Parlamento aprovou, na generalidade, o projeto-lei do …

No seu último discurso, presidente do Supremo atira críticas aos megaprocessos

António Piçarra, presidente do Supremo Tribunal de Justiça, centrou o seu último discurso na falta de eficácia do sistema judicial em tratar os processos especialmente complexos de corrupção. Para o presidente do Supremo Tribunal de Justiça, …

Viagens não essenciais de e para o Reino Unido permitidas a partir de segunda-feira

Cristóvão Norte, deputado do PSD, criticou a indefinição em torno das viagens do Reino Unido para Portugal, em entrevista à BBC. Entretanto, esta manhã, fonte governamental revelou que as viagens não essenciais de e para …

PPP na saúde levou Estado a "poupar" mais de 200 milhões

As Parceiras Público-Privadas (PPP) dos hospitais de Braga, Vila Franca de Xira, Loures e Cascais trouxeram ao Estado uma "poupança" de 203 milhões de euros, menos de um terço do que se esperava no arranque …

Praias podem receber mais banhistas este verão

Apesar de o semáforo de lotação das praias se manter nesta época balnear, a percentagem de ocupação sobe para os 90%. Quem não respeitar as regras estará sujeito a coimas. As limitações à lotação, introduzidas no …