Vaga de frio nos EUA deixa milhões sem eletricidade. 20 pessoas morreram

Kjell Eson / Flickr

Milhões de pessoas no interior dos Estados Unidos ficaram sem eletricidade, depois de as redes de energia terem colapsado por sobrecarga, perante as baixas temperaturas.

Mais de 100 milhões de pessoas foram alertadas para o risco de temperaturas extremamente baixas, que chegaram a passar os 20 graus Celsius negativos, fazendo aumentar substancialmente o consumo de energia, o que causou perturbações graves no fornecimento de eletricidade.

Pelo menos 20 pessoas morreram, algumas delas lutando para encontrar aquecimento dentro das suas casas, no estado do Texas. Na área metropolitana de Houston, uma família sucumbiu ao monóxido de carbono do tubo de escape do carro na garagem onde se tentava aquecer e uma pessoa morreu depois de as chamas se terem espalhado a partir da lareira na sala de estar.

As concessionárias elétricas dos estados de Minnesota, Texas e Mississippi, entre outras, provocaram apagões repetidos para aliviar a carga sobre as redes de energia que se esforçavam para atender à extrema procura de calor e eletricidade.

Quase três milhões de clientes ficaram sem energia no Texas, Louisiana e Mississippi e mais de 200 mil pessoas foram afetadas pelos cortes de eletricidade em quatro estados da região do oeste, assim como outras tantas no noroeste do Pacífico, de acordo com as autoridades que rastreiam relatórios de interrupções de serviços públicos.

Os mais graves cortes de energia nos EUA aconteceram no Texas, onde as autoridades solicitaram 60 geradores da Agência Federal de Gestão de Emergências, que foram prioritariamente atribuídos a hospitais e lares de idosos.

A agência de gestão da rede de energia do Texas informou que o abastecimento de eletricidade foi restaurado para 600 mil casas e empresas na noite de terça-feira, mas que 2,7 milhões de famílias ainda estão sem energia.

Apagões com duração de mais de uma hora começaram antes do amanhecer de terça-feira em Oklahoma City e nos arredores, desligando aquecedores elétricos, fornos e luzes, numa região onde a temperatura chegou aos 22 graus Celsius negativos.

O Southwest Power Pool, um grupo de concessionárias de energia que cobre 14 estados, disse que os apagões foram “um último recurso para preservar a fiabilidade do sistema elétrico como um todo”.

A vice-Presidente dos EUA, Kamala Harris, dirigiu-se aos milhões de pessoas afetadas com os cortes de energia, dando-lhes alento, durante uma entrevista televisiva.

“Sei que eles não nos podem ver agora, porque estão sem eletricidade, mas o Presidente e eu estamos a pensar neles e esperamos conseguir fazer tudo o que estiver ao nosso alcance para obter ajuda federal”, disse.

O interior dos EUA está em estado de alerta, com as viagens a serem desaconselhadas, estradas impedidas e milhares de voos cancelados, por causa da vaga de frio.

No domingo, vários parques de energia eólica do Texas ficaram congelados, o que já tinha afetado quase metade da capacidade de geração de energia.

Tempestades de neve atingem Grécia e Turquia

Na Europa, fortes tempestades de neve atingiram a Grécia, a Turquia e países do Mediterrâneo Oriental, provocando também falta de energia e de água, queda de árvores, bloqueio de estradas, interrupção nos transportes, entre outros problemas.

Centenas de milhares de casas nos subúrbios de Atenas e outras partes do país ainda estavam hoje sem energia ou água. O sol voltou hoje, provocando o derretimento da neve após esta atingir cerca de 30 centímetros de espessura nos subúrbios da capital grega.

Atenas foi atingida segunda e terça-feira por uma onda de frio chamada “Medeia”, em homenagem à figura da mitologia grega, e por uma tempestade de neve sem precedentes nos últimos treze anos, segundo os meteorologistas.

Os militares das forças armadas gregas usaram hoje guindastes e motosserras para ajudar os bombeiros a limpar centenas de árvores que caíram e que danificaram a rede elétrica e bloquearam estradas.

As condições meteorológicas continuam a causar grandes problemas na Turquia, onde as tempestades de neve estão a cair em partes do norte do país, enquanto a frente fria avança pelo Mediterrâneo Oriental.

Uma grande parte da Síria foi coberta pela neve, incluindo a capital, Damasco, que está a testemunhar a primeira tempestade de neve este inverno. A neve chegou a 15 centímetros nas montanhas da província de Sweida, segundo a agência de notícias oficial SANA.

A Universidade de Damasco cancelou os exames de meio de semestre programados para hoje e quinta-feira por causa das condições climáticas extremas. Os portos do país permanecem abertos.

No noroeste da Síria, controlado pela oposição, as equipas de proteção civil têm vindo a construir barreiras desde terça-feira ao redor dos campos de deslocados para evitar que a chuva inunde a área.

Quase três milhões de pessoas deslocadas vivem no noroeste da Síria, a maioria em tendas e abrigos temporários, e chuvas fortes, no mês passado, danificaram mais de 190 acampamentos de deslocados, destruindo e danificando mais de 10 mil tendas.

No vizinho Líbano, a tempestade Joyce atingiu o país na terça-feira com ventos fortes que registaram entre 85 e 100 quilómetros por hora. A tempestade deve intensificar-se na quinta-feira.

Quebrando um período de calor, a tempestade trouxe fortes chuvas, uma queda acentuada nas temperaturas e a maior queda de neve no Líbano este ano, com quase uma dúzia de estradas no leste e norte encerradas ao tráfego por causa da neve, que deve cobrir até mesmo áreas com 400 metros de altitude, de acordo com o departamento de Meteorologia. A neve atingiu também uma área no nordeste da Líbia pela primeira vez em 15 anos.

O Serviço Meteorológico de Israel previu fortes tempestades e baixas temperaturas em grande parte do país, com queda de neve em altitudes mais elevadas esperada para o final do dia de hoje, incluindo em Jerusalém.

Uma forte tempestade de neve cobriu os Montes de Golã ocupadas por israelitas, perto da fronteira com a Síria.

  ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Para estes Americanos, deve ser bem vindo o aquecimento Global, se eu estivesse num lugar destes tudo faria para melhorar o clima, acho eu?,

RESPONDER

Depressão: o relato de Vanessa Fernandes

Escrava do seu sucesso, a vencedora de uma medalha nos Jogos Olímpicos confessa que teria ficado destruída, caso não tivesse pedido ajuda. A ideia era sempre "ganhar e ser a melhor" mas, nos bastidores, Vanessa Fernandes …

Squid Game. Coreia do Norte ataca Coreia do Sul com base no novo sucesso da Netflix

A série "Squid Game", que é a mais vista de sempre na Netflix, tornou-se tão popular que nem a Coreia do Norte ficou indiferente — mas por maus motivos. Enquanto a série sul-coreana tem conquistado espectadores …

O Presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque

Albuquerque mostrou-se disponível para negociar o OE, mas Rio diz que "a Madeira não está à venda"

O presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque, manifestou hoje disponibilidade para conversar com o Governo sobre o OE, mas Rui Rio garantiu que os deputados madeirenses não vão contrariar o partido. “Se for para …

Golpe de Estado no Sudão. Confrontos nas ruas causam sete mortos e 140 feridos

Milhares de sudaneses têm saído às ruas para protestarem a tomada do poder pelos militares. A comunidade internacional tem sido unânime na condenação ao golpe de Estado. Na sequência do golpe de Estado de segunda-feira, os …

Amnistia Internacional pede que EUA retirem acusações a Assange e a Londres que evite extraditá-lo

A Amnistia Internacional (AI) pediu aos Estados Unidos que retirem as acusações contra o fundador da Wikileaks, Julian Assange, e ao Reino Unido que evite extraditá-lo, pedido feito hoje antes do início, quarta-feira, de nova …

Mudar de telemóvel pode ser um rombo nas poupanças a longo prazo, mais do que se pensa

Especialistas em finanças ouvidos pelo The New York Times consideram que mudar de telemóvel anualmente, dando o dispositivo anterior para retoma (quando este ainda tem um valor elevado), não é uma boa aposta, sobretudo a …

Costa confessa a "enorme frustração pessoal" com a morte da geringonça e admite governar em duodécimos

O debate deixou tudo em águas de bacalhau e nem a esquerda nem o governo dão sinais de ceder. Costa admite que o fim da parceria com o PCP e o Bloco é uma derrota …

Koeman: "O que se passou comigo é um problema social"

Treinador do Barcelona teve dificuldades em sair do Camp Nou, depois de perder frente ao Real Madrid. A contestação à volta de Ronald Koeman em Barcelona já se verifica há algum tempo (começou em alguns momentos …

Mais de 100 mil doentes podem ter covid longa e sobrecarregar o SNS

Com o crescimento do número de pacientes que reportam sintomas de covid prolongada, os especialistas receiam que o Serviço Nacional de Saúde não tenha capacidade de resposta. Segundo avança o Expresso, os directores e coordenadores de …

O serial killer John Wayne Gacy

Vítima de serial killer identificada 40 anos depois através do ADN de um dente

Os restos mortais de Francis Wayne Alexander foram encontrados há mais de 40 anos na casa do infame serial killer John Wayne Gacy. Mas só agora se conseguiu verificar a sua identidade. Segundo conta a cadeia …