Está a ser desenvolvida uma vacina contra a covid-19 em forma de comprimido

Cecília Bastos / USP Imagens

Uma farmacêutica israelo-americana, juntamente com uma empresa indiana, está a desenvolver aquela que poderá ser a primeira vacina oral contra a covid-19.

De acordo com o jornal The Jerusalem Post, a empresa farmacêutica israelo-americana Oramed juntou-se à indiana Premas Biotech para desenvolver a Oravax, a primeira vacina contra a covid-19 em forma de comprimido.

“Uma vacina oral contra a covid-19 eliminaria várias barreiras para uma distribuição mais rápida e em larga escala, permitindo potencialmente que as pessoas tomassem por si próprias a vacina em casa”, afirmou ao jornal israelita Nadav Kidron, CEO da Oramed.



“Embora a facilidade de administração seja hoje crucial para acelerar as taxas de inoculação, uma vacina oral poderá tornar-se ainda mais valiosa no caso de uma vacina contra a covid-19 poder ser recomendada anualmente, tal como a vacina da gripe”, disse ainda.

Esta vacina oral tem como alvos três proteínas estruturais do novo coronavírus, explicou Kidron, em oposição às vacinas da Moderna e da Pfizer, que só têm como alvo a proteína de espigão único.

Assim sendo, o responsável desta farmacêutica considera que a futura vacina “deverá ser muito mais resistente às variantes da covid-19″.

Está previsto que o primeiro estudo clínico da Oravax comece no segundo trimestre deste ano. A empresa israelo-americana já está a negociar ensaios em vários países, como Israel, Estados Unidos e México, mas também alguns do continente europeu.

Além disso, a farmacêutica também espera poder realizar ensaios em África, onde esta vacina oral seria essencial.

O administrador espera que os dados da Fase I dos ensaios clínicos em humanos estejam disponíveis no prazo de três meses.

Bluepharma desenvolve medicamento para tratar covid

A farmacêutica portuguesa Bluepharma, sediada em Coimbra, está a desenvolver um medicamento para o tratamento da covid-19, revelou à agência Lusa o presidente da empresa, Paulo Barradas Rebelo.

“Está aprovado o financiamento e estamos a fazer o desenvolvimento do medicamento para a covid”, disse o responsável, escusando-se a adiantar mais informação.

Barradas Rebelo explicou que, como empresa que desenvolve medicamentos, a Bluepharma coloca “uma força muito grande em Investigação e Desenvolvimento (I&D)”.

“Separamos bem o I do D. A investigação é de maior risco, leva mais tempo, requer muito investimento. Não deixamos de fazer o investimento, mas doseamo-lo”, contou.

Da verba alocada a I&D, acrescentou o presidente da farmacêutica, “15% são para investigação e 85% para desenvolvimento”.

O desenvolvimento é muito importante para nós e é uma área que emprega gente muito qualificada. Temos 130 cientistas muitos qualificados a trabalhar em I&D”, sublinhou.

A Bluepharma é uma empresa de capitais portugueses, que iniciou a sua atividade em fevereiro de 2001, depois de um grupo de profissionais ligados ao setor ter adquirido a unidade industrial pertencente à multinacional alemã Bayer.

Ao longo dos seus 20 anos, transformou uma unidade industrial que empregava 58 pessoas e operava para o mercado nacional num grupo farmacêutico de 20 empresas e com 750 trabalhadores. A sua atividade percorre toda a cadeia de valor do medicamento, desde I&D até ao mercado.

A empresa projetou um plano estratégico de investimento de cerca de 200 milhões de euros para a próxima década, que inclui a ampliação das atuais instalações em São Martinho (Coimbra), a construção de uma nova unidade industrial em Eiras (Coimbra) e a construção do Bluepharma Park, que será o maior parque tecnológico do cluster farmacêutico a nível nacional.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Comissão Europeia envia primeiro “cheque” do PRR na próxima semana

A Comissão Europeia irá fazer o pagamento da primeira verba do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) no decorrer da próxima semana. Na sessão de assinatura dos contratos do Mecanismo de Recuperação e Resiliência da União …

Marcelo pede ao TC fiscalização do artigo 6.º da Carta de Direitos na Era Digital

O Presidente da República pediu, esta quinta-feira, ao Tribunal Constitucional a fiscalização sucessiva do artigo 6.º da Carta Portuguesa de Direitos Humanos na Era Digital em vigor, tendo em conta o "importante debate público" sobre …

Portugal regista mais 10 mortes e 3009 casos de covid-19

Portugal registou, esta quinta-feira, mais 10 mortes e 3009 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 3009 novos …

Ministra da Coesão diz que Portugal vai precisar de imigrantes

A ministra da Coesão Territorial disse hoje que a perda de população é preocupante e que Portugal vai ter de trabalhar numa política de imigração muito ativa e acolhedora para fazer face aos investimentos previstos. "Estando …

Testes rápidos serão gratuitos até ao final de agosto

A comparticipação a 100% dos testes rápidos de antigénio (TRAg), que vigorava até final do mês, foi alargada até 31 de agosto, segundo uma portaria esta quinta-feira publicada em Diário da República. "Perante a atual situação …

Tiago Antunes acusa Rui Rio de usar Constituição como "moeda de troca" para agradar ao Chega

No podcast Política com Palavra do PS, o secretário de Estado adjunto do primeiro-ministro, Tiago Antunes, acusou Rui Rio de propor a revisão da Constituição e do sistema eleitoral como "moeda de troca" para o …

Pedro Nuno Santos quer receitas da rodovia a ajudar a financiar a ferrovia

Há dois anos, o ministro defendia a possível separação da REFER das Estradas de Portugal. Agora, volta atrás e quer que as receitas de rodovia ajudem a financiar a ferrovia. O Ministro das Infraestruturas e da …

A China está a construir 110 novos silos nucleares. Estados Unidos estão preocupados

Na segunda-feira, a Federação de Cientistas Americanos (FAS) publicou um relatório no qual denuncia a existência de um campo de instalações nucleares perto da cidade de Hami, na província chinesa de Xinjiang. Estarão a ser …

Inglaterra desconfinou totalmente. Então, porque estão os novos casos a descer?

O fim das restrições a 19 de Julho fez soar alarmes por toda a Europa sobre o possível aumento exponencial de casos. Na verdade, o número de novos casos tem vindo a descer e a …

Siza Vieira admite possibilidade de "alargar" funcionamento das atividades económicas

O ministro de Estado e da Economia disse que o Conselho de Ministros desta quinta-feira vai analisar "todas as medidas restritivas" atualmente em vigor e terá a possibilidade de "alargar" o funcionamento das atividades económicas. "Eu …