Educação ou higiene? Cientistas dão o seu veredicto sobre o uso de sapatos em casa

2

(dr) Christopher Gannon / Iowa State University

Apesar de muitos responderem com os perigos de uma casa demasiado esterilizada, cientistas argumentam que o não uso de sapatos será sempre benéfico.

É um hábito comum para muitos indivíduos: assim que passam da soleira da porta de casa, os sapatos são descalçados imediatamente.

Alguns fazem-no inconscientemente, tal o enraizamento do processo, outros por preocupação de que a poluição exterior invada o seu ambiente doméstico, prejudicando crianças ou animais, por exemplo.

Esta iria juntar-se ao pó e outro tipo de sujidades que carregamos no cabelo ou na pele, apesar de não nos apercebermos de tal.

De facto, alguns dos microorganismos presentes nos sapatos e no chão são resistentes aos produtos usados nas limpezas, nomeadamente os agentes associados às infeções hospitalares que também são de difícil de tratamento.

A isto acrescenta-se toxinas que podem motivar o doenças oncológicas, nomeadamente as usadas no alcatrão e outros produtos químicos.

Como tal, uma equipa de cientistas focou-se em monitorizar e analisar o nível de exposição a este conjunto de ameaças nocivas e que podem afetar a saúde humana. As observações incluíram, por exemplo, metais potencialmente tóxicos, como o arsénico, o cadmio e o chumbo.

Acontece que estas substâncias não têm qualquer tipo de odor ou cor, pelo que é fácil passarem despercebidas caso estejam no chão da rua ou da sala de estar, por exemplo.

De facto, ciência parece sugerir uma forte ligação entre  a presença de chumbo dentro das habitações e dos jardins exteriores. Uma justificação possível é que a sujidade seja soprada desde os jardins ou calcada e, consequentemente levada para dentro de casa – mesmo pelos animais de estimação.

Apesar de estudos recentes apontaram para a ausência de perigo, a equipa de investigadores da Universidade do Indiana pesou os fatores e, num artigo publicado na The Conversation, concluiu que é mesmo melhor deixar os sapatos à porta de casa. Sendo várias as justificações para tal.

Caso não se consiga habituar a andar descalço ou de pantufas, a alternativa será ter um calçado próprio para andar em casa  – e que dela nunca devem sair.

  ZAP //

2 Comments

  1. Pois de facto muitas poeiras entra pela janela, mas vejo tanta gente a “escarrar” para o chão… muito revela a falta de civismo! Por isso todo o cuidado é pouco! Ainda há muito a aprender… caso não seja no berço… que seja na escola.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.