UGT não quer acordo de governo à esquerda

Manuel de Almeida / Lusa

O secretário-geral da UGT, Carlos Silva

O secretário-geral da UGT, Carlos Silva

O secretário-geral da UGT, Carlos Silva, não vê com bons olhos que o PS negoceie um acordo à esquerda na formação de governo.

Em entrevista à Antena 1 e ao Diário Económico, Carlos Silva diz que as forças à esquerda do partido socialista não dão garantias de estabilidade para o futuro.

O líder da UGT e militante socialista diz que a central sindical prefere que o PS faça um acordo com a coligação PSD-CDS/PP.

Segundo o sue secretário-geral, a central sindical “mais tranquila” se o PS estabelecer um compromisso com a coligação de Passos Coelho e Paulo Portas.

De acordo com Carlos Silva, o PS precisaria do apoio do Bloco de Esquerda e do PCP, no que seria sempre “uma coligação muito instável que não daria garantias de que a “governabilidade seja assegurada por quatro anos”.

“Quem ganhou as eleições, sem maioria absoluta mas ganhou, foi a coligação PSD/CDS”, lembra o sindicalista.

Segundo Carlos Silva, o Presidente da República deverá “convidar o Dr. Passos Coelho, o líder da coligação, para encontrar soluções que garantam um governo a quatro anos”.

Eu sou um homem de esquerda, sou socialista, sou militante do PS. E não abdico da minha formação política e sindical de esquerda”, diz Carlos Silva.

“Acho que o Dr. António Costa fez bem ao avançar com a auscultação e com a troca de ideias e impressões com os partidos à sua esquerda”, diz ainda o líder da UGT na entrevista ao Diário Económico, “mas o PS está aqui numa posição charneira, uma posição difícil.

“Quero relembrar, também como militante socialista, que nos últimos meses antes das eleições e até às eleições, a esquerda fez um discurso muito anti-PS, com o BE a assumir claramente que o PS era a grande desilusão desta campanha eleitoral”, nota o líder sindical.

“E Jerónimo de Sousa acusou o PS de ser um partido que sempre aplicou na prática políticas de direita”, acrescenta Carlos Silva.

ZAP

PARTILHAR

16 COMENTÁRIOS

    • Maldita seja a Rússia Sorviética!
      Maditos os países,,, satélítes!
      Malditos porque cospem nas santinhas!
      Malditos porque comem criancinhas!

      Quando penso na Rússia Sorviética
      Inté me dá vontade de chorar
      A falta que fazia lá um homem
      Um homem como o nosso Salazar!

  1. A UGT percebeu que além de defender os interesses dos trabalhadores, também não se podem “matar” as empresas!!! pois sem empresas também não há empregos …. é uma posição moderada e inteligente …

  2. De facto com sindicalistas destes não é de admirar que a situação dos trabalhadores portugueses seja cada vêz pior e a contratação colectiva estar a ser alegremente destruida pelo patronato.

  3. Srs do zap está notícia já está ultrapassada pq segundo o secretariado da ugt está opinião é pessoal e não é vinculativa e já agora toda a opinião é muito dúbia diz que é de esquerda e quer q se faça acordo à dta, no mínimo é estranho

  4. Admira-me como há ainda trabalhadores que pertencem a esta corja pseudo-sindical de traidores que para “ficar bem na fotografia” e serem elogiados pelos esbirros da extrema-direita radical no poder, apunhalam os trabalhadores que neles depositam confiança !!! Aliás, basta olhar para este “marmelo bem tratado, gordinho e anafado” para perceber que esta pseudo central sindical “defensora dos trabalhadores” gosta é de bons almoços e jantares e o trabalhador que se f0da …

  5. A UGT parecia ter mudado um pouco depois daquele fantoche do patronato chamado Proença. Mas também não se lhe pode pedir que mude muito. No entanto, é a própria UGT que afirma (ver “Prós e Contras” n RTP desta noite) que o desacordo com um eventual governo de esquerdanão é mais do que a opinião pessoal do seu secretário geral actual e que, enquanto organização, a UGT não se manifesta acerca disso. É bom repor a verdade, para evitar manipulações.

  6. A UGT sempre defendeu patrões dos trabalhadores interessa é o dinheiro das quotas ao fim do mês.
    Mais um pançudo com medo que lhe tirem o taxo e deixe de poder comer almoçaradas de marisco no Tico-Tico.

  7. Mais um moina. Ate o tinha em consideração, afinal é mais um tachista!! Carlos Silva a partir de agora, além de não te poder ver, nem quero ouvir falar de ti!! Emigra!! Emigra porque pertences à escumalha de portugueses e és persona non grata neste pais!!

  8. Já foi tudo dito, este tipo é um catavento e recebe por baixo da mesa, está a tentar manter o “saco azul” desculpabilizando-se com a cartada da “estabilidade”, mas falta-lhe estaleca, acaba por ser ridiculo por tão transparente e desesperado que é…. ridiculo.

  9. Mas a UGT alguma vez representou os trabalhadores? Pena é que alguns distraídos ainda paguem para ouvirmos estas barbaridades!

  10. Da minha parte acabava-se já com os Sindicatos. Já se vê que são uma corja de bandidos e não defendem os interesses dos trabalhadores. Não me admirava nada que os famosos “acordos” com o governo não fossem mais do que uma injecção de capital na conta bancária destes senhores.

  11. Alguém me sabe dizer se o BES ainda paga o ordenado a este cromo? E já agora, a Carris ainda paga o ordenado ao arménio? Para destruir a própria Carris? Só no Portugal de Abril…!

RESPONDER

França investe oito mil milhões de euros para aumentar profissionais de saúde

O Governo francês anunciou, esta segunda-feira, que vai disponibilizar quase oito milhões de euros para que os profissionais de saúde possam ter aumentos salariais.  De acordo com a rádio Renascença, a medida foi anunciada pelo novo …

Máscaras e luvas usadas para proteger contra covid-19 enchem rios europeus

Os principais rios da Europa estão cheios de máscaras cirúrgicas e luvas médicas descartadas por pessoas que utilizaram estes equipamentos para se protegem contra o novo coronavírus, denunciaram cientistas. Segundo noticiou na segunda-feira a agência AFP, …

Dez milhões de crianças "podem nunca voltar à escola" após coronavírus

A pandemia de coronavírus causou uma "emergência educacional sem precedentes", com 9,7 milhões de crianças afetadas pelo encerramento de escolas em risco de nunca voltar às aulas, alertou na segunda-feira a Organização Não Governamental (ONG) …

Nos Estados Unidos, há uma máquina obsoleta a dificultar a resposta à pandemia. Chama-se fax

O facto de vários departamentos de saúde pública norte-americanos ainda utilizarem o fax para trocarem informação com hospitais, centros de saúde e laboratórios que realizam testes de deteção do novo coronavírus é um grande problema …

Uber passa a estar disponível em todo o país

A plataforma de transporte pode, a partir desta terça-feira, ter operadores em todo o território nacional, considerando ser um passo importante num contexto em que o turismo interno ganha relevância, no âmbito da pandemia da …

Profissionais do SNS já trabalharam oito milhões de horas extra no primeiro semestre

No primeiro semestre de 2020, contam-se mais 1,2 milhões de horas suplementares trabalhadas, sendo que só em maio a subida foi superior a 471 mil. Segundo o Jornal de Notícias, nos primeiros seis meses deste ano, …

Rui Moreira diz que não é possível prevenir festejos de adeptos do FC Porto

O presidente da Câmara Municipal do Porto disse, esta terça-feira, não ser possível tomar medidas de prevenção em relação a possíveis festejos de adeptos do FC Porto pela conquista do título, pedindo apenas que se …

Mulher assintomática provoca surto de 71 infetados na China. Bastou entrar sozinha num elevador

A passagem de uma mulher infetada com covid-19, mas assintomática, por um elevador de um edifício habitacional na China deu origem a um surto de 71 contagiados. De acordo com o estudo publicado pelo Centro de …

Detido em França um dos pedófilos da "darknet" mais procurados do mundo

A polícia francesa prendeu um suspeito de gerir portais na "darknet" que permitiram a "milhares de internautas de todo o mundo ter acesso a fotografias ou vídeos de caráter pedopornográfico", anunciou, esta segunda-feira, o Ministério …

Mais seis mortes e 233 novos casos de covid-19 em Portugal

Portugal regista, esta terça-feira, mais seis mortes e 233 novos casos de infeção por covid-19 em relação a segunda-feira. Segundo o boletim diário da Direção-Geral de Saúde (DGS), dos 233 novos casos, 143 são na região …