UGT não quer acordo de governo à esquerda

Manuel de Almeida / Lusa

O secretário-geral da UGT, Carlos Silva

O secretário-geral da UGT, Carlos Silva

O secretário-geral da UGT, Carlos Silva, não vê com bons olhos que o PS negoceie um acordo à esquerda na formação de governo.

Em entrevista à Antena 1 e ao Diário Económico, Carlos Silva diz que as forças à esquerda do partido socialista não dão garantias de estabilidade para o futuro.

O líder da UGT e militante socialista diz que a central sindical prefere que o PS faça um acordo com a coligação PSD-CDS/PP.

Segundo o sue secretário-geral, a central sindical “mais tranquila” se o PS estabelecer um compromisso com a coligação de Passos Coelho e Paulo Portas.

De acordo com Carlos Silva, o PS precisaria do apoio do Bloco de Esquerda e do PCP, no que seria sempre “uma coligação muito instável que não daria garantias de que a “governabilidade seja assegurada por quatro anos”.

“Quem ganhou as eleições, sem maioria absoluta mas ganhou, foi a coligação PSD/CDS”, lembra o sindicalista.

Segundo Carlos Silva, o Presidente da República deverá “convidar o Dr. Passos Coelho, o líder da coligação, para encontrar soluções que garantam um governo a quatro anos”.

Eu sou um homem de esquerda, sou socialista, sou militante do PS. E não abdico da minha formação política e sindical de esquerda”, diz Carlos Silva.

“Acho que o Dr. António Costa fez bem ao avançar com a auscultação e com a troca de ideias e impressões com os partidos à sua esquerda”, diz ainda o líder da UGT na entrevista ao Diário Económico, “mas o PS está aqui numa posição charneira, uma posição difícil.

“Quero relembrar, também como militante socialista, que nos últimos meses antes das eleições e até às eleições, a esquerda fez um discurso muito anti-PS, com o BE a assumir claramente que o PS era a grande desilusão desta campanha eleitoral”, nota o líder sindical.

“E Jerónimo de Sousa acusou o PS de ser um partido que sempre aplicou na prática políticas de direita”, acrescenta Carlos Silva.

ZAP

PARTILHAR

16 COMENTÁRIOS

    • Maldita seja a Rússia Sorviética!
      Maditos os países,,, satélítes!
      Malditos porque cospem nas santinhas!
      Malditos porque comem criancinhas!

      Quando penso na Rússia Sorviética
      Inté me dá vontade de chorar
      A falta que fazia lá um homem
      Um homem como o nosso Salazar!

  1. A UGT percebeu que além de defender os interesses dos trabalhadores, também não se podem “matar” as empresas!!! pois sem empresas também não há empregos …. é uma posição moderada e inteligente …

  2. De facto com sindicalistas destes não é de admirar que a situação dos trabalhadores portugueses seja cada vêz pior e a contratação colectiva estar a ser alegremente destruida pelo patronato.

  3. Srs do zap está notícia já está ultrapassada pq segundo o secretariado da ugt está opinião é pessoal e não é vinculativa e já agora toda a opinião é muito dúbia diz que é de esquerda e quer q se faça acordo à dta, no mínimo é estranho

  4. Admira-me como há ainda trabalhadores que pertencem a esta corja pseudo-sindical de traidores que para “ficar bem na fotografia” e serem elogiados pelos esbirros da extrema-direita radical no poder, apunhalam os trabalhadores que neles depositam confiança !!! Aliás, basta olhar para este “marmelo bem tratado, gordinho e anafado” para perceber que esta pseudo central sindical “defensora dos trabalhadores” gosta é de bons almoços e jantares e o trabalhador que se f0da …

  5. A UGT parecia ter mudado um pouco depois daquele fantoche do patronato chamado Proença. Mas também não se lhe pode pedir que mude muito. No entanto, é a própria UGT que afirma (ver “Prós e Contras” n RTP desta noite) que o desacordo com um eventual governo de esquerdanão é mais do que a opinião pessoal do seu secretário geral actual e que, enquanto organização, a UGT não se manifesta acerca disso. É bom repor a verdade, para evitar manipulações.

  6. A UGT sempre defendeu patrões dos trabalhadores interessa é o dinheiro das quotas ao fim do mês.
    Mais um pançudo com medo que lhe tirem o taxo e deixe de poder comer almoçaradas de marisco no Tico-Tico.

  7. Mais um moina. Ate o tinha em consideração, afinal é mais um tachista!! Carlos Silva a partir de agora, além de não te poder ver, nem quero ouvir falar de ti!! Emigra!! Emigra porque pertences à escumalha de portugueses e és persona non grata neste pais!!

  8. Já foi tudo dito, este tipo é um catavento e recebe por baixo da mesa, está a tentar manter o “saco azul” desculpabilizando-se com a cartada da “estabilidade”, mas falta-lhe estaleca, acaba por ser ridiculo por tão transparente e desesperado que é…. ridiculo.

  9. Mas a UGT alguma vez representou os trabalhadores? Pena é que alguns distraídos ainda paguem para ouvirmos estas barbaridades!

  10. Da minha parte acabava-se já com os Sindicatos. Já se vê que são uma corja de bandidos e não defendem os interesses dos trabalhadores. Não me admirava nada que os famosos “acordos” com o governo não fossem mais do que uma injecção de capital na conta bancária destes senhores.

  11. Alguém me sabe dizer se o BES ainda paga o ordenado a este cromo? E já agora, a Carris ainda paga o ordenado ao arménio? Para destruir a própria Carris? Só no Portugal de Abril…!

RESPONDER

Chuva deixa Austrália entre incêndios e cheias. Número de mortos sobe para 29

A chuva trouxe algum alívio aos bombeiros e habitantes do leste da Austrália, mas também causou cheias e novos problemas. As equipas ainda combatem cerca 100 focos de incêndio na região e o número de …

Sem Joacine, nova direção do Livre foi eleita com 95 votos a favor e 15 brancos

Este domingo, no segundo dia do IX congresso do Livre, a nova direção do partido foi eleita com 95 votos a favor e 15 brancos (e não conta com a deputada Joacine Katar Moreira). No final …

Juiz pede escusa do caso dos emails por ser adepto do Benfica

O juiz desembargador apresenta vários motivos para pedir escusa do processo, nomeadamente por ser "sócio do Benfica desde 1968". De acordo com o jornal Público, Eduardo Pires, juiz desembargador do Tribunal da Relação do Porto (TRP), …

Afinal, Irão já não vai pedir ajuda para analisar caixas negras do avião

O Irão recuou na intenção de enviar para análise as gravações da caixa negra do avião ucraniano, que abateu acidentalmente na semana passada, para que sejam sujeitas a análises adicionais, revelou a agência noticiosa iraniana. Citado …

Bruno Fialho sucede a Marinho e Pinto na liderança do PDR

Bruno Fialho é o novo presidente do Partido Democrático Republicano (PDR), ao obter 75% dos votos na eleição deste sábado para escolher o sucessor de António Marinho e Pinto, que anunciou o abandono do cargo …

Legislador russo culpa "arma climática" dos EUA pelo inverno quente de Moscovo

Alexei Zhuravlyov, membro da câmara baixa do Parlamento da Rússia (Duma), culpou uma alegada "arma climática" secreta dos Estados Unidos pelas anómalas temperaturas que se fizeram sentir este inverno em Moscovo.  Em declarações à estação de …

Nova espécie de louva-a-deus empala as suas presas como se fossem fondue

O Carrikerella simpira, uma nova espécie de louva-a-deus, caça as suas presas perfurando-as de um lado ao outro com as suas patas em forma de tridente. Cientistas descobriram uma nova espécie de louva-a-deus com uma característica …

Astrónomos descobrem que o fósforo foi gerado na formação de estrelas

Astrónomos descobriram que o fósforo, elemento químico essencial à vida, se constituiu durante a formação de estrelas e sugerem que chegou à Terra através de cometas. Uma equipa de astrónomos detetou monóxido de fósforo na região …

Nova máquina repara e mantém fígados vivos fora do corpo humano durante uma semana

Um novo sistema consegue manter um fígado humano vivo fora do corpo durante sete dias, período no qual o órgão danificado pode ser reparado e preparado para o transplante. As tecnologias convencionais conseguem sustentar um fígado …

Rui Rio vence segunda volta. Líder reeleito quer "estabilidade, lealdade e unidade"

O presidente social-democrata, Rui Rio, afirmou hoje que espera poder “trabalhar com estabilidade e lealdade”, recusou que o PSD esteja “partido” e vincou estar “a iniciar o momento para marcar a unidade” no partido. O líder …