Twitter bloqueia dezenas de milhares de contas associadas a propaganda da China, Rússia e Turquia

Tom Raftery

O Twitter desativou quase 24 mil contas vinculadas à China que serviam como “amplificadores”, em ações de propaganda e desinformação dirigidas por Pequim.

O Twitter anunciou, esta sexta-feira, que baniu dezenas de milhares de contas envolvidas em ações de propaganda, e controladas pela China, Rússia e Turquia, depois de a Comissão Europeia ter acusado Pequim de desinformação.

A rede social desativou um “núcleo” de quase 24.000 contas vinculadas à China e cujas mensagens eram reproduzidas por outras 150.000 contas, que serviam como “amplificadores”, em ações de propaganda e desinformação dirigidas por Pequim. O Twitter encerrou ainda 7.340 contas vinculadas à Turquia e 1.152 vinculadas à Rússia.

O conteúdo vinculado pelas diferentes contas foi guardado numa base de dados para análise, revelou em comunicado.

A rede social, com sede nos Estados Unidos, explicou que as contas vinculadas ao Estado chinês foram descobertas usando os mesmos métodos implementados em agosto passado para apagar contas vinculadas a Pequim, durante os protestos pró-democracia em Hong Kong.

Tradicionalmente, o regime chinês recorre aos seus órgãos de comunicação estatais para promover a narrativa oficial, tendo investido milhares de milhões de dólares, nos últimos anos, para expandir publicações e produção de conteúdo audiovisual em línguas estrangeiras.

No entanto, o uso das redes sociais de forma encoberta indica uma mudança para estratégias de desinformação já utilizadas pela Rússia e o Irão. “Toda a rede estava envolvida numa série de atividades manipulativas e coordenadas”, justificou o Twitter.

A rede de contas publicou mensagens, sobretudo em língua chinesa e provavelmente destinados à diáspora, “com narrativas geopolíticas favoráveis ao Partido Comunista Chinês e narrativas falsas sobre a dinâmica política em Hong Kong”.

A decisão do Twitter ocorre depois da Comissão Europeia ter acusado publicamente a China de espalhar desinformação sobre o novo coronavírus.

“Tomámos conhecimento de uma série de acusações, como a que o novo coronavírus foi desenvolvido em laboratórios norte-americanos e sobre uma promoção exagerada do apoio da China à União Europeia, com muita propaganda que indica que os Estados-membros e as instituições democráticas europeias não foram capazes de lidar com a crise”, indicou a vice-presidente da Comissão Europeia com a pasta dos Valores e Transparência, Vera Jourová.

“Embora o Partido Comunista Chinês não permita que o povo chinês use o Twitter, a nossa análise mostra que não hesita em usá-lo para espalhar propaganda e desinformação internacionalmente”, afirmou a unidade de investigação australiana ASPI.

Pequim, que há muito se queixa que a imprensa ocidental domina o discurso global e alimenta preconceitos contra a China, investiu nos últimos anos milhares de milhões de dólares para convencer o mundo de que o país é um sucesso político e cultural.

O Twitter ou o Facebook têm sido parte central dessa estratégia, apesar de estarem bloqueados na China, onde a narrativa é controlada pelo Partido Comunista, cujo Departamento de Propaganda emite diretrizes para os órgãos de comunicação ou censura informação difundida nas redes sociais domésticas, como o Wechat ou Weibo.

Vários órgãos de comunicação estrangeiros estão também bloqueados na Internet chinesa, a maior do mundo, com cerca de 710 milhões de utilizadores.

Lusa ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

França e Reino Unido mobilizam navios para Jersey e aumentam a tensão no Canal da Mancha

A Marinha francesa respondeu esta quinta-feira ao envio de dois navios-patrulha britânicos para Jersey, na véspera, e mobilizou as suas próprias embarcações militares para as imediações da ilha, contribuindo, dessa forma, para o aumento da …

Governo aprova a criação da tarifa social de internet. Preço ainda vai ser definido

O Governo aprovou esta quinta-feira, em Conselho de Ministros, a criação de uma tarifa social de acesso a serviços de internet em banda larga, conhecida como tarifa social de internet, anunciou o ministro de Estado …

Cerca sanitária em Odemira diminuiu casos para menos de metade, garante Governo

O ministro da Administração Interna salientou hoje que a cerca sanitária em Longueira-Almograve e São Teotónio permitiu baixar os casos de infeção por covid-19 em Odemira para menos de metade e acusou a direita de …

Joshua Wong condenado a mais dez meses de prisão por participar em vigília que lembrava "massacre de Tiananmen"

O ativista de Hong Kong Joshua Wong foi condenado a dez meses de prisão por participar em 4 de junho de 2020 numa vigília para lembrar o chamado "massacre de Tiananmen", que Pequim não reconhece. A …

Um polícia morto e vários feridos em tiroteio durante operação no Rio de Janeiro

Um polícia morreu e várias outras pessoas ficaram feridas num tiroteio esta quinta-feira durante uma operação da polícia contra o tráfico de droga na comunidade de Jacarezinho, no Rio de Janeiro, Brasil, noticiou a imprensa. Segundo …

Austrália vai manter fronteiras fechadas até 2022. Índia com novo máximo de casos

O Governo australiano vai manter as fronteiras internacionais fechadas até 2022 devido a incertezas sobre vacinas e novas estirpes, disse o ministro das Finanças do país, Simon Birmingham. "As incertezas sobre a velocidade da vacinação e …

Em breve será possível usar mesmos dados biométricos no Cartão de Cidadão e Passaporte

A ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública, Alexandra Leitão, disse esta quinta-feira que “em breve” será possível utilizar os mesmos dados biométricos no Cartão de Cidadão e no Passaporte ou ativar a …

Rio diz que Governo “vai levar ao colo” Medina. Moedas ataca o rival e diz que as suas promessas não valem nada

O presidente do PSD, Rui Rio, afirmou esta quinta-feira que o Governo “vai levar ao colo” o candidato socialista à Câmara Municipal de Lisboa, porque “pelas guerras e desequilíbrios internos” não pode perder a eleição …

Portugal regista cinco mortos e 373 novos casos nas últimas 24 horas

O boletim desta quinta-feira da Direção-Geral da Saúde (DGS) regista cinco óbitos e 373 novos casos de covid-19 em Portugal nas últimas 24 horas. Há ainda mais 538 recuperados. O boletim da DGS, do dia 6 …

“Quem não nasceu com o apelido Espírito Santo tem de ir à luta”, diz Gama Leão

João Gama Leão deixou uma dívida de mais de 300 milhões de euros ao Novo Banco através da Prebuild, um dos grandes devedores do banco. O empresário assumiu a responsabilidade pelos créditos em incumprimento, fez …