Turistas filmam refugiado a afogar-se e não fazem nada para o salvar

O migrante africano afogou-se no Grande Canal de Veneza, em Itália, e nenhum dos turistas que estava no local fez alguma coisa para o tentar salvar. Pelo contrário, no vídeo divulgado na Internet é possível ouvir comentários racistas e xenófobos sobre o homem natural da Gâmbia.

Um vídeo divulgado no passado domingo está a gerar indignação por mostrar um homem a afogar-se no Grande Canal de Veneza, em Itália, e ninguém fazer nada para o ajudar.

Pelo contrário, nas imagens registadas por turistas, podem ouvir-se comentários racistas e xenófobos sobre o homem, identificado como Pateh Sabally, um refugiado de 22 anos natural da Gâmbia.

“Deixem-no morrer” e “Vai em frente, volta para casa”, foram algumas das ofensas.

Um barco que estava a passar próximo do local ainda lhe lançou várias boias salva-vidas mas o migrante rejeitou a ajuda. Ao que tudo indica, Sabally, que estava há dois anos em Itália, tentou o suicídio por lhe ter sido negada permissão para ficar no país.

O facto de ninguém se ter disponibilizado para o tentar salvar motivou a abertura de uma investigação por parte das autoridades locais. Em declarações à imprensa, o chefe da associação italiana de salva-vidas, Dino Basso, criticou a negligência dos turistas.

“Eu não quero culpar ninguém, mas talvez pudesse ter sido feito algo mais para o salvar”, declarou.

Segundo o Corriere del Veneto, todas as despesas do funeral serão pagas pela Comuna de Veneza, como uma forma de homenagear o refugiado.

“É um gesto de respeito para com o jovem e pelos seus sonhos que foram destruídos.  A sua morte deixa em todos nós um sentimento de tristeza e compaixão humana para com aqueles que, face às adversidades da vida, já não conseguem encontrar força para reagir ao desespero”, lamenta o autarca Luigi Brugnaro.

ZAP // Fórum

PARTILHAR

14 COMENTÁRIOS

  1. O que dizer? É o dito “ser humano” no seu melhor.
    Egoista, com falta de sensibilidade, escrúpulos, dignidade, sem sentimentos, falta de respeito pelo próximo sem nada a não ser merda dentro de um casco oco a que alguns chamam cabeça. O ser humano no seu melhor. Viva o progresso.
    Só se esquecem de uma coisa. Um dia poder acontecer-lhes.
    Simplesmente vergonhoso

    • Estão todos fartos! Nos que somos um país de imigrantes!
      Só uma questão aqui ao 665 como é que sabiam que erra um imigrante e não um turista?
      Não sabiam não é pois… pode ser que um dia também não o confundam com um imigrante português e não o deixem afogar!
      Deviam apodrecer todos numa prisão… ou melhor provar do mesmo!
      Cambada de assassinos

  2. Farto ou não é algo que deveria ser impensável, deixar morrer e não fazer nada.
    Se fosse um Europeu noutro continente era extremismo, e no dia seguinte era tudo de luto no face.
    Não existe nada que descreva isto, nenhuma palavra, nenhum gesto.

  3. Esta turba do – coitado do coitadinho – será que só lêem a parte que lhes interessa? Não está lá escrito no artigo “Um barco que estava a passar próximo do local ainda lhe lançou várias bóias salva-vidas mas o migrante rejeitou a ajuda.” se o homem se queria suicidar alguém se mandava à agua para o ir buscar? Só se fosse para ir junto… ora haja paciência para ler os vossos comentários da treta… rsss

    • Comentário da treta é o seu e está ao nível dos que se ouvem no video. Fosse Vc atirado ao fundo do Tejo com uma bigorna amarrada aos pés, ainda era pouco.

      • Você é que merecia ser atirado ao Tejo. Aí lhe garanto que não o ia salvar.
        Além de besta não sabe aceitar uma opinião bem fundamentada. Continue com essas palas nos olhos e trate-se!

    • Estão todos fartos! Nos que somos um país de imigrantes!
      Só uma questão aqui ao 665 como é que sabiam que erra um imigrante e não um turista?
      Não sabiam não é pois… pode ser que um dia também não o confundam com um imigrante português e não o deixem afogar!
      Deviam apodrecer todos numa prisão… ou melhor provar do mesmo!
      Cambada de assassinos

  4. A indiferença está a dominar o ser humano e toda a sociedade, amanhã se um dos turistas que fizeram tais comentários estiver em apuros na sua terra natal os que presenciarão a cena vão fazer exatamente a mesma coisa, seguem o seu caminho indiferentes à situação, é para aqui que caminhamos indiferentes a tudo que nos rodeia!

  5. Como foi la parar? tava apanhar amejoa? rejeitou ajuda ainda estão tristes aqui, como se diz na gíria menos um para comer e viver dos outros onde são eles mesmo a foderem se uns aos outro falo por experiência própria não porque vejo na televisão como alguns aqui

Responder a 665 Cancelar resposta

França confirma 3 casos de coronavírus chinês. Já chegou à Austrália e Malásia

Depois de França ter confirmado três pessoas infetadas com o novo coronavírus oriundo da China, também a Austrália e Malásia reportaram casos. As autoridades da Malásia anunciaram este sábado terem registado os primeiros três casos de …

Amadora. Agredido motorista de autocarro que denunciou Cláudia Simões

Foi agredido o motorista de autocarro que chamou a PSP para denunciar a passageira Cláudia Simões, que alegou posteriormente ter sido agredida pelos agentes da polícia. As agressões tiveram lugar na noite desta sexta-feira, em …

"Dos 4 mil euros que ganho, 3 mil vão para os frades". O padre Vítor Melícias recusa que Tomás Correia ainda controle o Montepio

O padre Vítor Melícias, presidente da Assembleia Geral do Montepio, diz que Tomás Correia "faz falta, mas fez muito bem" em abandonar a liderança da mutualista Montepio. "Dizer que Tomás Correia continua a controlar através …

Amesterdão prepara-se para comprar dívidas dos seus jovens

A partir de fevereiro, a capital dos Países Baixos vai comprar dívidas dos seus jovens para ajudá-los a recomeçar e a construir um futuro. Numa nota publicada esta semana na página oficial do Governo local …

PJ acredita que Rui Pinto é o denunciante dos Luanda Leaks

A Polícia Judiciária acredita que o hacker português Rui Pinto é o denunciante dos Luanda Leaks, que revelou mais 715 mil ficheiros sobre alegados esquemas fraudulentos que envolvem a empresária angolana Isabel dos Santos. A …

Descobertos na Sibéria vestígios de um mítico povo que "vivia debaixo da terra"

Uma equipa de arqueólogos russos encontrou na península de Taimyr, na Sibéria, vestígios do mítico povo Sikhirtia, avança a Russia Today. Os investigadores encontraram na pequena baía de Makárov uma caverna reforçada com uma estrutura de …

Greenpeace na lista de grupos extremistas da polícia britânica

As organizações ambientalistas Greenpeace e Extinction Rebellion foram incluídas num documento da polícia britânica contraterrorismo que elenca grupos extremistas e potencialmente perigosos, escreve o jornal The Guardian. De acordo com o diário britânico, que avança a …

PGR de Angola quer julgar portugueses em Angola (e admite ir atrás de outros "poderosos")

O procurador-geral da República de Angola, Hélder Pitta Grós, considerou, em entrevista ao jornal Expresso, que os os três arguidos portugueses envolvidos na investigação à empresária Isabel dos Santos devem ser julgados em Angola. “Nós achamos …

Há dezenas de medicamentos não oncológicos capazes de matar células cancerígenas

Uma nova investigação concluiu que existem dezenas de medicamentos não oncológicos capazes de matar células cancerígenas em laboratório. O estudo, cujos resultados foram esta semana publicados na revista Nature, descobriu que alguns medicamentos para a diabetes, …

Sismo na Turquia faz pelo menos 14 mortos

Pelos menos 14 pessoas morreram e cerca de 300 ficaram feridas depois de um sismo de magnitude preliminar 6,8 na escala de Richter ter atingido esta sexta-feira o leste da Turquia, havendo também relatos de …