Turistas filmam refugiado a afogar-se e não fazem nada para o salvar

O migrante africano afogou-se no Grande Canal de Veneza, em Itália, e nenhum dos turistas que estava no local fez alguma coisa para o tentar salvar. Pelo contrário, no vídeo divulgado na Internet é possível ouvir comentários racistas e xenófobos sobre o homem natural da Gâmbia.

Um vídeo divulgado no passado domingo está a gerar indignação por mostrar um homem a afogar-se no Grande Canal de Veneza, em Itália, e ninguém fazer nada para o ajudar.

Pelo contrário, nas imagens registadas por turistas, podem ouvir-se comentários racistas e xenófobos sobre o homem, identificado como Pateh Sabally, um refugiado de 22 anos natural da Gâmbia.

“Deixem-no morrer” e “Vai em frente, volta para casa”, foram algumas das ofensas.

Um barco que estava a passar próximo do local ainda lhe lançou várias boias salva-vidas mas o migrante rejeitou a ajuda. Ao que tudo indica, Sabally, que estava há dois anos em Itália, tentou o suicídio por lhe ter sido negada permissão para ficar no país.

O facto de ninguém se ter disponibilizado para o tentar salvar motivou a abertura de uma investigação por parte das autoridades locais. Em declarações à imprensa, o chefe da associação italiana de salva-vidas, Dino Basso, criticou a negligência dos turistas.

“Eu não quero culpar ninguém, mas talvez pudesse ter sido feito algo mais para o salvar”, declarou.

Segundo o Corriere del Veneto, todas as despesas do funeral serão pagas pela Comuna de Veneza, como uma forma de homenagear o refugiado.

“É um gesto de respeito para com o jovem e pelos seus sonhos que foram destruídos.  A sua morte deixa em todos nós um sentimento de tristeza e compaixão humana para com aqueles que, face às adversidades da vida, já não conseguem encontrar força para reagir ao desespero”, lamenta o autarca Luigi Brugnaro.

ZAP // Fórum

PARTILHAR

14 COMENTÁRIOS

  1. O que dizer? É o dito “ser humano” no seu melhor.
    Egoista, com falta de sensibilidade, escrúpulos, dignidade, sem sentimentos, falta de respeito pelo próximo sem nada a não ser merda dentro de um casco oco a que alguns chamam cabeça. O ser humano no seu melhor. Viva o progresso.
    Só se esquecem de uma coisa. Um dia poder acontecer-lhes.
    Simplesmente vergonhoso

    • Estão todos fartos! Nos que somos um país de imigrantes!
      Só uma questão aqui ao 665 como é que sabiam que erra um imigrante e não um turista?
      Não sabiam não é pois… pode ser que um dia também não o confundam com um imigrante português e não o deixem afogar!
      Deviam apodrecer todos numa prisão… ou melhor provar do mesmo!
      Cambada de assassinos

  2. Farto ou não é algo que deveria ser impensável, deixar morrer e não fazer nada.
    Se fosse um Europeu noutro continente era extremismo, e no dia seguinte era tudo de luto no face.
    Não existe nada que descreva isto, nenhuma palavra, nenhum gesto.

  3. Esta turba do – coitado do coitadinho – será que só lêem a parte que lhes interessa? Não está lá escrito no artigo “Um barco que estava a passar próximo do local ainda lhe lançou várias bóias salva-vidas mas o migrante rejeitou a ajuda.” se o homem se queria suicidar alguém se mandava à agua para o ir buscar? Só se fosse para ir junto… ora haja paciência para ler os vossos comentários da treta… rsss

    • Comentário da treta é o seu e está ao nível dos que se ouvem no video. Fosse Vc atirado ao fundo do Tejo com uma bigorna amarrada aos pés, ainda era pouco.

      • Você é que merecia ser atirado ao Tejo. Aí lhe garanto que não o ia salvar.
        Além de besta não sabe aceitar uma opinião bem fundamentada. Continue com essas palas nos olhos e trate-se!

    • Estão todos fartos! Nos que somos um país de imigrantes!
      Só uma questão aqui ao 665 como é que sabiam que erra um imigrante e não um turista?
      Não sabiam não é pois… pode ser que um dia também não o confundam com um imigrante português e não o deixem afogar!
      Deviam apodrecer todos numa prisão… ou melhor provar do mesmo!
      Cambada de assassinos

  4. A indiferença está a dominar o ser humano e toda a sociedade, amanhã se um dos turistas que fizeram tais comentários estiver em apuros na sua terra natal os que presenciarão a cena vão fazer exatamente a mesma coisa, seguem o seu caminho indiferentes à situação, é para aqui que caminhamos indiferentes a tudo que nos rodeia!

  5. Como foi la parar? tava apanhar amejoa? rejeitou ajuda ainda estão tristes aqui, como se diz na gíria menos um para comer e viver dos outros onde são eles mesmo a foderem se uns aos outro falo por experiência própria não porque vejo na televisão como alguns aqui

Mais cinco minutos? Adiar o despertador não é uma boa ideia

Mais cinco minutos na cama ou acordar mal toque o despertador? Apesar de esse cochilo parecer inofensivo, a verdade é que adiar o despertador não é uma boa ideia. Se faz parte da equipa dos mais …

Há uma planta na Austrália que é masculina, feminina e bissexual

Cientistas da Bucknell University (Austrália) descobriram uma espécie de planta que pode ser masculina, feminina e bissexual. Os investigadores publicaram a descoberta na revista PhytoKeys e chamaram a amostra, que foi descrita em 1970, mas não …

Astrónomos descobrem a mais antiga colisão de galáxias conhecida

Uma equipa internacional de investigadores descobriram o exemplo mais antigo de uma colisão entre duas galáxias. A luz dessa fusão teve de viajar durante 13 mil milhões de anos para chegar até nós, uma vez …

Asteróide do tamanho da Torre Eiffel vai passar pela Terra. É a segunda maior aproximação em 120 anos

Na segunda-feira, dia de S. João no Porto, um asteróide muito grande - que pode ser tão grande como a Torre Eiffel - vai passar pela Terra a mais de 45 mil quilómetros por hora. O …

As eleições foram repetidas em Istambul. Erdogan voltou a perder (e por mais)

O candidato da oposição Ekrem Imamoglu ganhou hoje de novo as eleições municipais em Istambul, após a anulação de uma primeira votação, infligindo ao presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, o pior revés eleitoral em 17 …

No Azerbaijão, há chamas que ardem há quatro mil anos

Chamas altas dançam sem descanso num trecho de 10 metros de encosta. É o Yanar Dag - que significa "montanha em chamas" - na Península Absheron, no Azerbaijão. "Este fogo queimou 4.000 anos e nunca parou", …

A lendária Cidade Perdida do Deus Macaco é um refúgio de espécies "extintas"

A Cidade Branca, imponente sítio arqueológico detetado em 2012 nas selvas das Honduras, é também um "ecossistema prístino e próspero, cheio de espécies raras e únicas". A ONG americana Conservation International chegou a essa conclusão depois …

As mulheres têm mais doenças autoimunes do que os homens. A culpa pode ser da placenta

A hipótese da compensação da gravidez mostra que a evolução pode ter tido um papel importante no sistema imunológico das mulheres. Há cerca de 65 milhões de aos, depois da época dos dinossauros, surgiu o primeiro …

Cientistas conseguiram registar canto de uma das baleias mais raras do mundo

Cientistas conseguiram, pela primeira vez, registar sons de um pequeno grupo de baleias-francas-do-pacífico (Eubalaena japonica). Pela primeira vez, investigadores da Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA) conseguiram gravar sons de um pequeno grupo de baleias-francas-do-pacífico (Eubalaena …

Único racismo português "é contra os ciganos" (e Portugal devia pedir-lhes desculpa)

O antropólogo e investigador José Pereira Bastos defendeu este domingo que Portugal deveria pedir desculpa aos ciganos e resolver o problema da habitação, apontando que não adianta de nada haver um Dia Nacional do Cigano. O …