Tsunami de 5 metros fez desaparecer “Atlântida” entre Grã-Bretanha e Europa

DeeAshley / Flickr

-

Uma “Atlântida” pré-histórica no Mar do Norte pode ter sido abandonada depois de ser atingida por um tsunami de 5 metros, há 8.200 anos, sugere um estudo britânico.

O tsunami terá sido causado por Storegga slides, deslizamentos de terra de grandes proporções que ocorrem debaixo de água na costa da Noruega.

Os investigadores acreditam que o tsunami invadiu as ilhas de Doggerland, uma massa de terra que desde então desapareceu sob as ondas.

“Doggerland foi abandonada por tribos mesolíticas há cerca de 8 mil anos, que foi quando ocorreram os três ‘Storegga slides’, deslizamentos debaixo de água no limite da plataforma continental norueguesa, que estão entre os maiores deslizamento de terra conhecidos”, disse Jon Hill, investigador do Imperial College em Londres.

A onda pode ter levado os últimos habitantes destas ilhas.

A pesquisa foi divulgada na publicação científica Ocean Modelling, e será apresentada esta semana na Assembleia Geral da União Europeia de Geociências em Viena, Áustria.

Hill et al / BBC

Doggerland

Doggerland, uma “Atlântida” entre a Grã-Bretanha e Europa

Jon Hill e os seus colegas do Imperial College, Gareth Collins, Alexandros Avdis, Stephan Kramer e Matthew Piggott usaram simulações criadas em computador para explorar os possíveis efeitos do deslizamento de terra norueguês.

“Fomos os primeiros a criar um modelo do tsunami de um Storegga levando em conta a presença de Doggerland. Os estudos anteriores usavam a profundidade actual do oceano”, diz Hill.

Desta forma, o estudo fornece o conhecimento mais detalhado até agora sobre os possíveis impactos do grande deslizamento e da enorme onda que atingiu essa terra perdida.

As águas estudadas forneceram ossos pré-históricos pertencentes a animais e uma pequena quantidade de restos humanos e artefactos diversos.

Os cientistas puderam concluir, com técnicas de datação por carbono-14, que nenhuma dessas relíquias data de depois do tsunami.

Rijksmuseum van Oudheden / BBC

Este objecto foi encontrado na região onde um dia esteve Doggerland

Este objecto foi encontrado na região onde um dia esteve Doggerland

Durante a Era do Gelo, os níveis do mar eram muito mais baixos, e, na sua extensão máxima, Doggerland ligava a Grã-Bretanha à Europa continental.

Nessa época, os caçadores podiam ir a pé desde o que hoje é o norte da Alemanha até ao leste da Inglaterra.

Há 20 mil anos, os níveis do oceano começaram a subir, inundando gradualmente a região.

Mas há cerca de 10 mil anos, a região ainda tinha uma das mais ricas áreas para caça, pesca e aves selvagens da Europa.

2 mil anos depois, Doggerland torna-se uma ilha pantanosa de baixa altitude com uma área do tamanho do País de Gales, altura em que o Storegga provocou o colapso de cerca de 3 mil quilómetros cúbicos de sedimento.

“É plausível que o deslizamento Storegga tenha sido de facto a causa do abandono de Doggerland durante a Era Mesolítica”, concluiu a equipa de cientistas.

Evento catastrófico

Dado que a maior parte de Doggerland tinha nessa época menos de 5 metros de altitude, poderá ter sofrido inundações.

“O impacto em qualquer pessoa que vivesse em Doggerland na época teria sido enorme, comparável ao do tsunami no Japão em 2011”, diz Hill.

Mas Bernhard Weninger, da Universidade de Colónia, na Alemanha, suspeita que Doggerland já tinha sido anamdonada quando o deslizamento ocorreu.

“É possível que as pessoas andassem na zona de barco para pescar, mas duvido que houvesse moradores permanentes”, explica.

Por sua vez, Vince Gaffney, arqueólogo da Universidade de Birmingham, na Grã-Bretanha, acha que “a teoria de Hill está provavelmente certa, porque o tsunami teria sido um evento catastrófico.”

“Mesmo depois de grandes erupções vulcânicas, as pessoas voltam ao local da catástrofe, às vezes porque é impossível não voltar, mas também porque os recursos estão lá”, explica Gaffney, o autor do livro Mundo Perdido da Europa: A Redescoberta do Doggerland.

O tsunami teria também afectado o que é hoje a Escócia e a costa leste da Inglaterra, bem como a costa norte da Europa continental.

Estima-se que a onda que atingiu a costa nordeste da Escócia teria 14 metros de altura, embora não seja certo que na época a região fosse habitada.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Afinal, a corrosão até pode aumentar a durabilidade de um material

Ao contrário do que se possa pensar, a corrosão até pode ser benéfica para um material, aumentado a sua durabilidade, revela um novo estudo. A corrosão é, regra geral, provocada pelo oxigénio. Os metais têm uma …

Encontrada explicação para a superfície surpreendentemente irregular do asteroide Bennu

Um novo estudo descobriu que as rochas altamente porosas são responsáveis pela superfície surpreendentemente irregular do asteroide Bennu. Os cientistas pensavam que a superfície do asteroide Bennu seria como uma praia arenosa, abundante em areia fina …

Mosteiro medieval abriga o mais completo museu do circo da Europa

Nos salões de um mosteiro medieval na pitoresca localidade de Besalú, em Girona, alojou-se o Circusland - Palácio Internacional do Circo, o primeiro museu profissional da Europa que se dedica ao circo. O espaço conta com …

Livro de estreia de José Saramago publicado em castelhano pela primeira vez

O livro “Terra do Pecado”, que marcou a estreia na ficção de José Saramago, em 1947, vai ser lançado em Espanha na quinta-feira, no que é a primeira vez que a obra está disponível em …

A Citroën concebeu um skate inspirado na mobilidade urbana

O Citroën Skate é uma plataforma de veículos elétricos, totalmente autónoma, que pode ser equipada com diferentes tipos de cápsulas. A plataforma Citroën Skate quer revolucionar o transporte em meio urbano sem que seja necessário um …

Bebeu demais na noite anterior? Não é aconselhado tomar um parecetamol

A combinação de álcool e este tipo de medicação pode sobrecarregar o fígado e provocar danos hepáticos, refere uma especialista. Muitas das vezes cometem-se excessos com o álcool e, tendencialmente, os sintomas de desconforto surgem no …

Portugal 5-0 Luxemburgo | Manita com três de Cristiano

Goleada das grandes. Portugal recebeu o Luxemburgo e não permitiu as mesmas dificuldades do jogo da primeira volta. Aos 17 minutos a formação das “quinas” já vencia por 3-0, com duas grandes penalidades a ajudar, e …

Vantablack. A tinta preta mais preta do mundo já é vendida em peças (que se unem como legos)

Desde a substituição dos ecrãs verdes à pintura dos cenários do teatro, o futuro do entretenimento tem tudo a ver com a Ventablack - a cor preta mais preta do mundo. Nenhuma cor - ou, melhor …

Itália vai exigir passaporte sanitário a todos os trabalhadores a partir de sexta-feira

O primeiro-ministro italiano, Mario Draghi, assinou hoje um decreto com as normas sobre a obrigatoriedade de os funcionários públicos exibirem o passe sanitário a partir de 15 de outubro nos locais de trabalho, medida que …

Está criado o primeiro iPhone com entrada USB — pelas mãos de um estudante de robótica

Ken Pillonel é estudante do mestrado em robótica do Swiss Federal Institute e implementou um sistema que daqui a uns meses pode tornar-se regra nos dispositivos da marca da maçã. Numa altura em que a União …