Trump quer comprar a Gronelândia à Dinamarca

Donald Trump terá manifestado “interesse” em comprar a Gronelândia e pedido aos seus assessores que explorassem essa possibilidade, tendo mesmo procurado a opinião do conselho da Casa Branca.

A notícia foi avançada pelo Wall Street Journal. De acordo com o jornal norte-americano, o rumor de que o presidente dos Estados Unidos estaria de olho numa possível compra da Gronelândia, que pertence à Dinamarca, foi-se espalhando no Twitter na quinta-feira à noite.

Imediatamente houve várias pessoas conhecedoras do território a tentar encontrar uma avaliação imobiliária para os 1.305.178 quilómetros quadrados em Zilow, enquanto outros tentaram calcular o valor em arenques de conserva.

O jornal adianta que alguns dos consultores a quem Trump se dirigiu demonstraram interesse em discutir a ideia, devido aos recursos e importância geopolítica da ilha. Contudo, se houve alguns a apoiarem a ideia, houve outros que desvalorizaram, considerando ser apenas um “fascínio fugaz” que nunca se realizará.

Também a Reuters confirmou que o presidente dos EUA tem analisado com os seus assessores a possibilidade de comprar a ilha, de forma a expandir o território do país. A agência de notícias diz que alguns assessores encararam a proposta como uma piada, enquanto outros estão a analisar a possibilidade de forma séria.

Os militares dos EUA já têm uma base na Gronelândia, no noroeste da ilha. O Wall Street Journal escreve que Donald Trump levantou a questão da compra num jantar, no ano passado, em que disse ter ouvido que a Dinamarca estava a procurar apoio financeiro para o território autónomo.

Já na Dinamarca, esta notícia está a ser desvalorizada e até encarada como uma mentira. Lars Løkke Rasmussen, que foi primeiro-ministro até junho e agora lidera a oposição, recorreu ao Twitter para desvalorizar a proposta, dizendo que a notícia “deveria ser uma mentira do 1º de abril – mas totalmente fora de tempo”. Políticos contactados pela Bloomberg consideraram a ideia de “louca” e “sem sentido”.

Em 1946, o presidente dos Estados Unidos, Harry Truman, quis comprar a Gronelândia à Dinamarca por 100 milhões de dólares, mas a proposta foi rejeitada. Houve um precedente mais bem-sucedido quando os Estados Unidos adquiriram as Índias Ocidentais dinamarquesas, renomeando-as de Ilhas Virgens Americanas.

Não seria a primeira vez que os EUA compravam um território de outro país. Em 1867, os EUA compraram o Alasca à Rússia.

Trump tem viagem marcada para a Dinamarca no próximo mês na sua primeira visita oficial ao reino nórdico, mas a Gronelândia não está prevista na agenda.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Ex-futebolista Koke detido em operação contra tráfico de droga

O antigo futebolista espanhol do Sporting é um dos 20 detidos pelas autoridades espanholas numa operação contra o tráfico de drogas. Esta operação foi desencadeada com 11 buscas simultâneas em Sevilha, Málaga e Granada, envolvendo 150 …

Brasil. Técnica que esteriliza o mosquito do zika e dengue será aplicada em 2020

O Brasil irá usar a partir do próximo ano mosquitos estéreis da espécie 'Aedes aegypt' para controlar a reprodução deste agente que transmite doenças como dengue e zika, anunciou a Organização das Nações Unidas (ONU). A …

FC Porto encaixa até 50 milhões com novo adiantamento de receitas televisivas

A SAD do FC Porto encaixou 30 milhões de euros com uma nova emissão de obrigações pela Sagasta, envolvendo a cedência de receitas futuras de direitos televisivos, e podem entrar mais 20 milhões em janeiro. Em …

Verdes denunciam depósito ilegal de amianto em aterros para resíduos não perigosos

Os Verdes questionaram o Governo sobre casos de depósito de amianto em aterros para resíduos não perigosos. Esta é uma prática ilegal segundo a legislação portuguesa. O Partido Ecologista "Os Verdes" entregou na Assembleia da República …

Autarquias desperdiçaram 128 litros de água por dia em 2018

A Câmara Municipal de Macedo de Cavaleiros encabeça a lista de entidades gestoras que mais água desperdiçam diariamente: 538 litros diários por ramal. Em 2018, a média de perda de água em Portugal continental situou-se nos …

Há mais de 100 mil crianças migrantes detidas nos EUA, garante a ONU

Mais de 100 mil crianças migrantes estarão atualmente em centros de detenção nos Estados Unidos (EUA), disse na segunda-feira um perito independente da Organização das Nações Unidas (ONU), esclarecendo que esta estimativa, que classificou como …

Milhares de manifestantes impedem abertura do parlamento do Líbano

Milhares de manifestantes bloquearam esta terça-feira os acessos ao parlamento do Líbano, obrigando a adiar novamente a análise de várias leis, como a que prevê uma amnistia a quem tem impostos em dívida, contestada por …

Huawei quer implementar 5G no Brasil

O Presidente do Brasil afirmou na segunda-feira que a gigante das telecomunicações chinesa Huawei pretende instalar a tecnologia de quinta geração (5G) no país, mas rejeitou que tenha sido feita uma proposta. O anúncio foi feito …

Benfica lança OPA para controlar SAD. Ações valorizam 70%

As ações da Benfica SAD estavam a valorizar 70%, para os 4,70 euros, um dia depois da Sport Lisboa e Benfica SGPS ter lançado uma Oferta Pública de Aquisição (OPA) sobre 28,067% do capital da …

Califórnia processa empresa por promover cigarros eletrónicos com sabores para atrair jovens

A Califórnia, nos Estados Unidos (EUA), abriu na segunda-feira um processo contra a Juul, marca líder de cigarros eletrónicos, acusando-a de desenvolver uma estratégia de marketing focada na conquista de menores de idade para adquirir …